sábado, 23 de setembro de 2023

I THINK THERE'S SOMETHING YOU SHOULD KNOW

Até hoje não sei qual é a minha favorita. Naomi Campbell, que projetava uma assertividade negra à qual não estávamos acostumados? Cindy Crawford e seu cabelón, uma Julia Roberts melhorada? Christy Turlington, a mais refinada de todas? Ou a camaleônica Linda Evangelista, com sua aura de estrela de cinema dos anos 50? Na verdade, elas eram mais do que movie stars. Eram as mulheres mais famosas do mundo, durante mais de uma década. Não eram as únicas: também havia Claudia Schiffer, Elle McPherson, Carla Bruni, Valeria Mazza, a recém-falecida Tatjana Patitz e, last but not least, Gisele Bündchen. Mas o quarteto focado pela minissérie "As Supermdoelos", em cartaz no Apple TV+, era o núcleo duro do fenômeno, que finalmente parece ter terminado. Hoje, graças às redes sociais, ninguém precisa de Steven Meisel ou Anna Wintour para se tornar uma influenciadorinha de merda com seu look do dia. Mas ninguém replica o glamour, a ética profissional e, principalmente, as personalidades, das quatro modelos supremas. Na série, elas expõem suas identidades secretas. Christy e Cindy, bem casadas, são as mais centradas e tranquilas, e deslumbrantes como sempre. Naomi, também linda, continua brava com o mundo, e com razão. A mais machucada é Linda, que engordou muito (culpa de seus genes italianos?) e alega que foi desfigurada ao se submeter a uma técnica chamada cool sculpting, uma lipoaspiração a frio. Ela também se diz vítima de abuso sexual por seu primeiro marido, e assume que vive deprimida há anos. No desfile triunfal que fecha o último episódio, Linda segura firme o casaco que envolve seu corpo, enquanto as colegas exibem silhuetas delgadas. Você pode até ser uma super modelo, mas ninguém é um super herói.

31 comentários:

  1. Olha, acho que eu prefiro assistir o vídeo mais recente da blogueirinha de merda.

    ResponderExcluir
  2. Cindy Crownford se parece com a Rainha Letizia, da Espanha.
    Linda continua uma mulher muito bonita, só está com o corpo de uma mulher comum, triste que que essa indústria e as redes as façam sentir que cometeram um crime contra a humanidade quando não exibem mais a silhueta de manequim de outrora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mimimimimimimimimimimi......

      Excluir
    2. 20:58-Corpo de mulher comum????????
      kkkkkkkkkkkk

      Excluir
  3. Como se pode melhorar Julia Roberts? 🤔

    ResponderExcluir
  4. Para bichinha preta aqui, não tenho dúvidas, a maior de todas é a Naomi, a mulher que mostrou ao mundo que uma pessoa preta podia ser linda, tinha bocão muito antes da Angelina. O negro até então conseguia supremo estrelato na música e esportes, que podem ser bem menos glamourosos/imagéticos que o cinema e a indústria da moda, nao a toa nem a portentosa holywood conseguiu produzir grandes estrelas nao brancas, coube a "fútil" industria da moda fazer isto com a Naomi. Aquele jeito de andar na passarela... nenhuma fez/faz igual. Foi hilário quando na fase brasileira dela, ela desfilou em uma escola de samba, e os brasileiros descobriram que ela era igual a qualquer outra bela moça negra no Brasil, este país não racista.
    Certo, depois vem a Linda que parece uma Greta Garbo moderna, e vc esqueceu de citar uma que poderia facilmente fazer parte desse núcleo duro, a Kate. Na minha adolescência nunca entendi pq uma mulher como ela podia ser uma modelo famosissima, com aquele corpo magerrimo e o rosto sem uma expressão de beleza marcante, só era branca. depois adulto entendi, que beleza tb é atitude e estilo, e isto até minha favorita Naomi não tem como miss Moss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Teve a Iman, negra e somali! Mas ela praticamente parou a carreira quando casou com o Bowie justo no começo dos anos 90. Aliás ela ainda continua linda.

      Excluir
    2. Depende,Naomi é britânica,e,pelo que sei
      lá em Londres não tem escola de samba.
      E o mundo da música,do cinema e dos
      esportes não são imagéticos??????Pelé
      manda lembranças-o mundo inteiro o
      venera,menos o nosso Brasil não racista,
      claro.kkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    3. 17:56 Sim. Existem outras modelos negras lindíssimas, inclusive algumas contemporâneas da Naomi, uma vez li um depoimento da Tyra Banks em que ela conta como era alimentado o rivalismo entre elas (pois só podia haver uma modelo negra, racismo puro); mas a Naomi chegou em um lugar de fama que nenhuma outra chegou, com isso ela tirou aquele ar exótico que é tão comum ao retratar pessoas racializadas. Guardada as devidas proporções é o que Sabrina Sato faz com os amarelos/orientais aqui no Brasil hoje.
      21:07 Como vc se comportou como um idiota burro, vou te tratar como um. Eu deixei bem claro que estrelas negras existiam, mas pouquíssimas neste lugar imagético em que a aparência física tanto importa: cinema e moda.
      Isso fez eu crescer achando pessoas brancas extremamente bonitas e sem admirar da mesma forma pessoas negras como eu, a Naomi era neste sentido uma revolução.

      Excluir
    4. 11:03-Como você se comportou como um
      bozista que só sabe xingar,vou te tratar
      como um.no cinema,a aparência física não
      importa:existem muitos atores e atrizes
      talentosos que são muito feios-tanto
      jovens quanto maduros.O leitor 03:14
      abaixo tem toda a razão,sim.

      Excluir
    5. 11:03-Quem escreve "se comportou como um
      idiota burro" porque recebeu uma resposta
      bem-humorada é porque saiu do armário da
      lacrolândia militonta,mesmo.

      Cinema não é moda:existem muitos atores
      e atrizes que são famosos não pela
      aparência física,mas pelo seu talento-
      tanto aqui como no exterior.

      Excluir
  5. Tem uns errinhos de digitação, Tony. É pra isso que pago minha assinatura?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui é um blog de livre acesso.
      Não precisa pagar nada,16:44.

      Excluir
    2. Agora precisa. Conheça o plano premium e suas vantagens!

      Excluir
  6. Tajana era belíssima, que elegância aquela mulher.

    ResponderExcluir

  7. Não eram mais famosas que Madonna e Lady Di.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que o cu tem a ver com as calças?
      G-

      Excluir
    2. G,não eram mais famosas e populares
      que M.e L Di,mesmo.

      Excluir
  8. Acho a Gisele horrível muito feia 0 glamour. Não é culpa das redes de monitoramento o público mudou tem até uma negra plus size na campanha da Victoria secret’s as meninas querem ser feministas e os homens sempre pouco se lixaram pra gayzisse do mundo da moda. Nos anos 90 as revistas avant garde inglesas mostravam mulheres fora do padrão asiáticas tatuadas etc conservadores não gostaram diziam que estimulava o uso da heroína (tá!) surge a Gisele como ferramenta de opressão a mulher que quer ter personalidade. Quem conhece a Naomi diz que or traz da porra louquisse ela é uma mulher doce, a linda realmente ficou deformada. Mas quem se importa a terra está queimando nunca teremos festas como as dos anos 70 porque o mundo de hoje não cabe isso os bons tempos se foram survival mode ON

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eh,que textão chato de Facebook é este?????
      Chato pra kralho!!!!!!!!!!

      Excluir
    2. eu acho que vc só viu a Gisele pessoalmente, quem viu a Naomi em trancoso falou que parecia uma empregada domestica comentário racista brasileiro eu sei mas as pessoas são diferentes pessoalmente

      Excluir
    3. 14:34-Não conheço nem o Lula pessoalmente,
      vou conhecer gente rica.....kkkkkkkkkkk

      Excluir
    4. Nem é tão rica assim amigo vc não entende o capitalismo como funciona

      Excluir
    5. 22:49-Rica,ela é faz uns 30 anos.

      Excluir
  9. Mas a Gisele é de outra geração, de certa forma ela surge pelo caminho aberto por este quarteto de Deusas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que ela surgiu pra abafar a onda de modelos exóticas dos anos 90 heroína chic, afinal o patriarcado não perdoa bastou colocar um silicone pra Anna Wintour anunciar que a curva tinha voltado risos. Eu gosto da MariaCarla Boscono de beleza

      Excluir
    2. Faz tempo-uma petista quis lacrar em cima
      da Gisele e se deu mal.Foi em 2011.

      Excluir
  10. Linda é a maior de todas, ela é a primeira uber model, inclusive preferida da Anna Wintour
    O problema é que ela não aceitou a papada e foi fazendo esses procedimentos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Anna Wintour está entre as pessoas mais bregas do mundo! Uma capitã colonial se veste mal! Inglesa colonialista 100% Gisele é pra provar pras latinas indianas (as mais lindas) chinesas que elas nunca serão o suficiente cafonália colonial total

      Excluir
    2. 14:17-Sem a Anna,não existiria O Diabo Veste
      Prada.A Inglaterra é uma democracia,India é
      democracia populista,a América Latina é aquilo
      que sempre foi e a China não tem Parada Gay-
      é uma ditadura,mesmo(nossos crentes cafonas
      gostam desta parte de não ter Parada Gay,kkkk).

      Excluir
    3. Ela se veste que nem uma senhora rica, não há nada de brega nisso
      Brega é ser jovem e se vestir com roupas assim que nem o Rodrigo Xuxa

      Excluir