segunda-feira, 4 de setembro de 2023

CORAÇÃO INDEPENDENTE

Hoje de manhã eu fui à cabine para a imprensa de "Estranha Forma de Vida", o faroeste gay de Pedro Almodóvar. É o segundo curta em inglês dirigido por ele, e entra em cartaz nos cinemas brasileiros no dia 14. Para dar um pouco mais de sustança e poder cobrar um ingresso normal, a distribuidora acoplou ao filme uma longa entrevista com o cineasta. A jornalista faz só umas quatro ou cinco perguntas, mas Pedrito fala pelos cotovelos. Cita vários clássicos do western e o trabalho de diversos colegas contemporâneos. Mas curiosamente, não menciona "Brokeback Mountain" uma única vez. Também conta o que acontece com os personagens depois do final do curta, que termina de maneira meio abrupta. Pareceu mais interessante até do que "Estranha Forma" em si, que é mais violento e menos erótico do que eu esperava, O que não quer dizer que não é bom. Almodóvar continua o mesmo gênio de sempre, e quem não gosta de ver Pedro Pascal em cenas de enrosco homossexual?

6 comentários:

  1. Eu, se não me perdi, contei 1 hora e 20 minutos até o fim dos créditos sendo 31 minutos de filme propriamente dito.

    ResponderExcluir
  2. Ai muito conceito isso de fazer um curta, já tava com os atores na mão, faz um longa logo porra

    ResponderExcluir
  3. Pedro Pascal é a síntese de alguém bonito e não bonito ao mesmo tempo.

    ResponderExcluir
  4. Dizem que o Pascal curte.

    ResponderExcluir
  5. "e quem não gosta de ver Pedro Pascal em cenas de enrosco homossexual?"

    Pessoas com bom gosto (?)

    ResponderExcluir
  6. ACHEI MUITO BARULHO POR NADA! ESPERAVA MUITO MAIS. E AI TONY O QUE ACONTECE COM OS PERSONAGENS? PQ SÓ CONSEGUI VER O CURTA, E SOU LOUCO PELO UNIVERSO DE ALMODOVAR.

    ResponderExcluir