sábado, 26 de agosto de 2023

O DIA DO VÂNDALO

É triste pensar que uma cidade que tem um time chamado Internacional, por causa da Internacional Socialista (e por isto as camisetas vermelhas), também aprovou uma aberração como o Dia do Patriota e da Democracia, a ser comemorado em 8 de janeiro. OK, "aprovou" talvez seja uma palavra muito forte. A Câmara Municipal de Porto Alegre meio que deixou passar o projeto de lei do ex-vereador Alexandre Bobadra (PL, onde mais?), e o banana do prefeito Sebastião Melo (MDB) não sancionou nem vetou, mantendo-se em vergonhoso silêncio. Bobadra foi cassado por abuso de poder econômico e deixou mais de 200 PLLs, a maioria instituindo datas para celebrar coisas transcendentais como o milk-shake e o azeite grego. E Melo alegou que também ficou quieto quando um vereador do PT propôs que 8/1 fosse o Dia da Defesa da Democracia. Essa neutralidade absurda lembra aqueles imbecis que se diziam "nem fascistas, nem antifascistas". O fato é que a nova lei pegou tão mal que agora a Câmara porto-alegrense estuda maneiras de revogá-la o mais rápido possível. E não deixa de ser engraçado que um minion queira celebrar o dia em que o gado tentou dar um golpe de estado. Ué, mas a narrativa oficial não era a de que os vândalos eram todos infiltrados do PT e do MST, e que as depredações dos palácios de Brasília correram sob o beneplácito de Lula e do ministro Flávio Dino?

6 comentários:

  1. No RS,existem descendentes de alemães
    que amam o Adolfinho,e,ao mesmo tempo
    existe a Globo local,que pertence a judeus.
    O RS não gira,ele capota.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem todo gaúcho é nazista, não generaliza. Eu sou gaúcho e esses vagabundos não me representam. Pelo contrário.

      Excluir
  2. Não acho que o RS tenha alguma predominância de simpatizantes desse tipo de causa por ter muitos descendentes de alemães. Lá sempre foi um reduto histórico do PT. Acho que o ocorrido mostra muito mais a qualidade dos nosso políticos, em particular os do PL, que foram despertados pelo Bozo. O nível das câmaras consegue ser ainda mais baixo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O resduto histórico do PT é Porto
      Alegre.O interior de lá é muuuuito
      parecido com o interior de SP-onde
      o agro manda e desmanda por lá.

      Excluir
    2. 15:15 O que não quer dizer que o 14:38 não esteja certo na observação dele. Eu sou da fronteira oeste do RS, próximo à Argentina, e a minha cidade deu o primeiro lugar para Lula no primeiro e no segundo turno, o que me deixou surpreso de forma positiva. Quando eu era criança e adolescente eu sempre interpretei o estado mais pendente para a esquerda e foi estranhissimo ver as bandeiras petistas sumirem totalmente em 2018 e 2022 para dar protagonismo para as bandeiras do Brasil. Estava certo que aqui daria Bolsonaro e não deu. Aliás, o mapa final das eleições mostraram que o RS não é tão de direita como se imaginava.

      Excluir
    3. É de direita,sim.Em 2018 e 2022,os
      candidatos a governador do PT
      ficaram de fora do segundo turno.
      E o Mourão,vice do Mijair se elegeu
      senador pelo RS em 22.kkkkkkkkkkk

      Excluir