sábado, 28 de janeiro de 2023

AT THE BODY SHOP

Que sorte têm as jovens bibas de hoje. Elas dispõem de todo um cardápio de astros LGBT+ com quem se identificar. Eu tive Freddie Mercury, musicalmente o melhor de todos os tempos, mas que só se admitiu gay na véspera de morrer. Depois surgiram George Michael e Boy George, mas àquela altura eu já estava mais que resolvido. Hoje o xóvem homossexual pode escolher entre Lil Nas X, Pabllo Vittar, Olly Alexander, Frank Ocean, Ricky Martin, Glroia Groove, Troye Sivan e tantos outros. Talvez o mais bem-sucedido de todos seja o britânico Sam Smith. Nunca fui muito fã: em seus primeiros hitss, ele fazia a linha bicha-mal-amada lamurienta, que já me desagradava em seu antecessor Anthony (hoje Ahonhni). O tempo passou, Sam emagreceu, amadureceu e começou a dar mais sorte no amor. Não muita: a dor de cotovelo continua sendo seu carro-chefe. Mas seu estilo musical se ampliou. "Gloria", seu quarto álbum de estúdio, não abre mão das baladonas choramingas, mas tem ritmos africanos, canto gregoriano e um pezinho nas pistas de dança. Pena que o megassucesso "Unholy" seja um ponto fora da curva,  mas o novo single "I'm Not Here To Make Friends" mostra um Sam que prefere ir à luta na boate do que ficar chorando em casa abraçado ao travesseiro. Só uma dica, amiga: o que são esses modelitos horrorosos? Eu não consigo mais desver aquele corpete, my eyes! My eyes! Desse jeito você não vai fazer nem amigos.

10 comentários:

  1. Uma correção: Freddie Mercury era bissexual, não gay. É um engano comum e provávelmente não foi a sua intenção, mas você devia editar o post, por que dizer que o Freddie Mercury era gay é apagamento bi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivi o suficiente para um xóvem achar que pode me dar aula sobre Freddie Mercury, meu ídolo desde que eu itnha 14 anos de idade.

      Xóvem, o fato de Freddie ter tido uma namorada, Mary Austin, não significa que ele era bi. Eu mesmo tive algumas, transei com duas delas, e nem por isto sou bissexual. Sou gay com V maiúsculo.

      Excluir
    2. apagamento bi de cu é rola

      Excluir
    3. TG,Sam Smith sempre foi bom-é que
      um cantor gay tem que provar que
      é bom todo santo dia-haja preconceito.

      Excluir
    4. 05:02-Nem todo gay gosta só
      de homem.Até reaças como
      o Pondé sabem disso.

      Excluir
  2. "apagamento bi" ??
    meus deus, de onde surgem essas criaturas ??
    provavelmente "elx" quer acrescentar mais 31 letras ao lgbtqiaxyz...

    ResponderExcluir
  3. É o que digo, não considero gay, alguns hetero com quem transei e sim porque era ele e por era eu.
    G-

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois surgiram George Michael e Boy George, mas àquela altura eu já estava mais que resolvido.

      Em 1983 vc levava os boys em casa e os apresentava para mami poderosa?

      Excluir
    2. 05:01-Não,ele gostava mais do
      Freddie-bigodudo é feio,pra kct.

      Excluir