quinta-feira, 22 de dezembro de 2022

POMBA-ROLA

"Paloma" é um belo filme. Ainda em cartaz nos cinemas, também já está disponível no Globoplay, e foi lá que eu vi. A história da travesti (é assim que ela se define) que quer se casar na igreja é baseada num caso real, e sua versão para o cinema revela uma grande atriz trans, Kika Sena. Ela encarna uma personagem semi-analfabeta, mas nem por isto pouco complexa. Paloma diz que se casar de véu e grinalda com o homem com quem vive há anos fará dela a mulher mais feliz do sertão, mas não hesita em pular a cerca com um caminhoneiro gostosão. Seu entorno parece bastante tolerante, até o momento em que deixa de ser. Marcelo Gomes filma essa realidade tão brasileira naquele estilo lacônico da moda, que me dá um pouco nos nervos. Mas não há tempos mortos nem autocomplacência. "Paloma" merece as bençãos divinas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário