domingo, 11 de dezembro de 2022

GRETCHEN DE CALÇAS

Quando Sidney Magal explodiu em 1977, nãohavia nada parecido na música brasileira. Um homem hétero que rebolava e cantava músicas supostamente latinas que transbordavam fogo e paixão era algo inaudito nas plagas de cá. A crítica odiava, claro, mas Magal era um fenômeno entre mulheres e crianças. Até meados dos anos 80, ele teve uns cinco ou seis hits, e mais um em 1990, "Me Chama que Eu Vou", tema de abertura da novela "Rainha da Sucata". Ponto. É mais do que a Gretchen, que teve só três, mas ambos conseguiram uma façanha espantosa: estão por aí até hoje, na TV e nas redes sociais, sobrevivendo dos mesmos hits dos tempos de glória e transformados em monumentos nacionais. Magal agora tem sua trajetória revisitada no musical "Sidney Magal - Muito Mais que um Amante Latino", baseado no livro do mesmo nome. É um bom espetáculo, mas que tenta tirar leite de pedra e nem sempre consegue. Porque, apesar dos altos e baixos, a vida do cantor simplesmente não tem o drama necessário para virar uma grande história. O repertório também é minguado, então a produção inventa números com boleros, bossa nova e sambas. Juan Alba, no esplendor dos 57 anos, está lindo e com forte presença em cena, mas lá pelas tantas ele desiste de incorporar o Magal maduro e faz apenas si mesmo. A versão jovem é vivida por Luís Vasconcelos, uma revelação, que não sai um segundo do personagem. O musical encerra temporada em São Paulo neste domingo, mas pode ser que volte em breve. Mais oportunidades para vê-lo sorrir, para vê-lo cantar, para ver o seu corpo dançar sem parar.

6 comentários:

  1. Mais tarde na carreira ele falou que era bissexual hehe

    ResponderExcluir
  2. Questão: Valesca Popozuda entra na mesma categoria de Magal e Gretchen??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Principalmente depois que cantou "Senta" aos prantos em homenagem a Mc Catra em uma live no dia que ele morreu.

      Excluir
    2. E ainda dizem que a música era melhor
      há 40,50 anos atrás....me engana que
      eu gosto.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  3. *Valesca canta "Mama" na verdade

    ResponderExcluir
  4. "Beijinho No Ombro": melhor canção brasileira da década passada.

    ResponderExcluir