quinta-feira, 18 de agosto de 2022

MINIONPRESÁRIOS

O babado de ontem foi a revelação, pelo portal Metrópoles, da existência de um grupo no WhatsApp de minionpresários golpistas, que defendem abertamente uma intervenção militar caso de as urnas não reelegerem o Biroliro. A desafaçatez de algumas mensagens é mesmo caso de polícia, e fez muito bem o Randolfe Rodrigues (Rede - AP) em denunciá-los ao STF. Atentar contra a constituição é crime. Fazem parte da turma alguns dos usual suspects, como o Véio da Havan, e outros francamente inexpressivos, como o tal do Morongo, dono das lojas de surfwear Mormaï, ou Afranio Ferreira, do Coco Bambu.
Nenhum deles pertence ao primeiríssimo time, nem os donos de shopping, e juntos não chegam a fazer cócegas à Carta divulgada pela Fiesp e pela Febraban na semana passada, com signatários responsáveis por um quinhão e tanto do PIB brasileiro. Mesmo assim, está valendo o boicote às empresas de todos esses crápulas que querem tirar a sua liberdade e eternizar um clã criminoso no poder, contanto que faça bem para seus negócios (e o pior é que não fará, tolinhos).

6 comentários:

  1. "Ninguém vai deixar de fazer negócios com o Brasil". Hum, confia...

    ResponderExcluir
  2. Só uma observação.... Randolfe é da REDE! Grande abraço, Tony!

    ResponderExcluir
  3. Esse é o problema do Brasil, o pessoal fica indignado com empresários da alta classe só porque eles não gostam de pobre...

    ResponderExcluir
  4. O que me espanta é que alguém transa com esta sarjeta, porque eles fazem outras criaturas. Como alguém quer um bostanaro ou equivalente em contato com a pele? A tchutchuca do centrão não serve para nada.

    ResponderExcluir
  5. To começando a duvidar da teoria da evolução do Darwin acho que é balela

    ResponderExcluir
  6. Ainda bem que tem gente para denunciar..Randolfe tá virando meu ídolo.

    ResponderExcluir