sexta-feira, 15 de julho de 2022

PERIGO À VISTA

Não basta a Gol punir seus passageiros com as lendárias barrinhas de cereal e assentos que quase não reclinam. A companhia aérea terminou de enterrar o que sobrava de sua imagem ao abrir as pernas para a familícia. Um minion postou nas redes um vídeo que mostrava a distribuição gratuita de exemplares antigos da Veja no balcão da aerolinha. A capa do número da semana passada mostra as urnas eletrônicas refletidas no olhar insano do Mijaír, com a chamada "Perigo à Vista" (a matéria pode ser lida de graça aqui, no site da revista). Em mais uma tentativa de distrair a mídia de assuntos como a inflação e o assassinato político do petista de Foz do Iguaçu, figuras como o Zero-Um e Mario Frias cobraram publicamente uma retratação da Gol. E não é que a empresa topou? Não só parou imediatamente de distribuir a Veja, como ainda rompeu o contrato de parceria com a editora Abril. Só faltou ajoelhar no milho e se auto-açoitar. É óbvio que a Gol deve estar renegociando dívidas ou tem algum outro interesse com o desgoverno, mas nem isso justifica uma atitude tão subserviente. É aí que mora o perigo. Daqui a pouco esses bandidos vão exigir submissão de qualquer veículo que criticar o Biroliro.

3 comentários:

  1. Esqueceu a hipótese mais provável, o presidente dessa porcaria ser bolsonarista de carteirinha.

    ResponderExcluir
  2. Daqui a pouco esses bandidos vão exigir submissão de qualquer cidadão que criticar o Biroliro.

    ResponderExcluir
  3. Gente do céu que merda a gol tá fazendo.

    ResponderExcluir