quinta-feira, 14 de julho de 2022

JOÃOZINHO SERÁ QUEM ELE QUISER

É extraordinariamente cansativo postar quase todo dia sobre as barbaridades do Biroliro. Tem dias em que eu me forço a mudar de assunto, sob o risco de ajudar a normalização deste boçal que finge que nos governa. Ontem o Edaír esteve em Imperatriz, reduto evangélico no sul do Maranhão e uma das raras cidades nordestinas onde ele venceu em 2018. Para agradar à plateia ignorante, ele defendeu que "Joãozinho seja Joãozinho a vida toda, e Mariazinha seja Mariazinha". Jogou a culpa na imaginária ideologia de gênero, que convenceria crianças perfeitamente heterossexuais a mudar de sexo. E ainda lembrou um dos maiores perigos de sua reeleição: a indicação de mais dois capachos para o STF, capazes de dificultar o avanço dos direitos LGBTQIA+ no Brasil. Mas essas palavras horrorosas não conseguem inverter o curso da história. Joâozinho e Mariazinha continuarão sendo o que eles quiserem ser. Não vai ter estado nem igreja nem miliciano para obrigá-los a nada, porque Joãozinho e Mariazinha não estão mais sozinhos.

22 comentários:

  1. O que você acha dessa sopa de letrinhas? Antes era GLS, depois LGBT, depois LGBTBQIA+ e agora eu ouvi um repórter falando LGBTQIAP+. Será que não dá pra ter uma palavra ou termo, sei lá? A cara do repórter querendo demonstrar naturalidade falando várias vezes esse abecedário era constrangedora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho contraproducente. A sigla está ficando quilométrica e impronunciável. Já tem gente que acrescentou um A, de assexuado.

      Dois anos atrás eu participei de uma live com o Pavinatto defendendo que se adotasse uma palavra só para abarcar tantas letrinhas, Sugeri "queer", mas podia ser outra. Alguma sugestão?

      Excluir
    2. Acho queer legal, mas é uma palavra gringa , imagine como vão ler ou pronunciar, vai virar queen ou algo assim. É difícil algum termo equivalente aqui que não resvale no preconceito ou na pura galhofa. Essa sigla infinita é ridícula e contraproducente mesmo, virou coisa de alguém que a detesta mas quer parecer engajado, tipo amigue.

      Excluir
    3. Excelente live aliás, agora é LGBTQIAPN+... se tem a porra do "+" pq ter mais letra?

      Excluir
    4. Ao 18:38: a ideia seria ter uma palavra "internacional", que fosse usada no mundo inteiro. E o inglês ainda é a língua mais internacional que tem. Se o brasileiro consegue falar "gay" e "queen", ele consegue falar "queer".

      Excluir
    5. Então, não sei!!

      Excluir
    6. Queer não dá conta pq trans não é a mesma coisa que queer. Mas "queer e trans" funcionaria. Até cuir, como alguns mexicanos usam.

      Excluir
    7. "Queer", além de ser um termo depreciativo - minha sexualidade não é "queer", é normal - ainda por cima é pouco abrangente. Pouquíssimos gays e lésbicas se identificam como queer. GLS ainda era um termo muito melhor.

      Excluir
    8. A sigla LGBTXYZQUIABO+-×÷ é uma aberração, e isso ficou ainda mais explícito quando resolveram passar o L pra frente sob o pretexto que isso daria mais visibilidade à causa lésbica, um típico (e ridículo) argumento pós-moderno e politicamente correto: bem intencionado, pouco prático e com muita cagação de regra.

      Mas felizmente já foram propostas algumas sugestões pra resolver essa monstruosidade:

      1. SGM (Sexual and Gender Minorities) / MSG (Minorias Sexuais e de Gênero) - pra mim, a melhor
      2. MSGI (Minority Sexual and Gender Identities)
      3. GSD (Gender and Sexual Diversities)
      4. MOGII (Marginalized Orientations, Gender Identities, and Intersex)
      5. MOGAI (Marginalized Orientations, Gender Alignments and Intersex)

      Excluir
    9. "Queer" é uma apropriação...o sentido original negativo se tornou positivo a partir do seu uso pelo grupo subalternizado. Eu tenho dificuldades com o termo. Acho branco demais, importado.

      Excluir
  2. Sei não, viu, Tony!
    A bicharada anda tão desunida... se esse cara ganhar, sei não...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. E ainda tem bicha que apoia esse genocida.

      Excluir
    2. Tem várias bichas machas que fazem parte desse governo. O que tem de bicha fascista e a 'comunidade' finge que não vê...

      Excluir
    3. Pior de tudo, vê, e se calam por conveniências.
      G-

      Excluir
  3. Cansativo mesmo. Ninguém aguenta mais essa ladainha.

    ResponderExcluir
  4. É inacreditável que alguém lúcido e com algum caráter defenda este esgoto que está no poder.

    ResponderExcluir
  5. Estou literalmente cansado do poço de ressentimento, obscurantismo e conveniência que é o Bozo. É muito chato acordar e já ler uma merda dessa de Mariazinha e Joãozinho. Não percebem que se criança viada tivesse solução, as surras que levamos teriam nos curado? Que enjoo! Nascemos assim, não foi ninguém que ensinou não - pelo contrário, fizeram de tudo na escola, na família, na TV, na vizinhança, nos gibis, nos filmes, nos livros a que tínhamos acesso pra que aprendêssemos a ser heterossexuais. Mas não dá pra lutar contra a natureza: eventualmente o desejo vence, ou então você vira um enrustido fiscal de cu alheio. Pagamos nossos impostos igual a todo mundo, então nos deixem em paz, caralho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses idiotas sabem tudo isso mas para eles se sentirem vivos ou melhores, perturbam quem eles vêem com elo frágil na sociedade, ou nos invejam.
      G-

      Excluir
  6. O Mio Babbino Caro
    Vivemos um movimento em construção onde as pessoas querem e precisam se ver representadas. Quando inicialmente, Gay, abarcava tudo, Ok!
    Compreensivamente cada um foi vendo onde o calo aperta e com razão, bissexuais, trans, lésbicas...foram se manifestando. Civilizadamente e não atacando a necessidade de cada um, acharemos um denominador comum, mas isso leva tempo. Estamos enfrentando uma situação de séculos de silenciamento.
    Tenham calma. O nosso grande divisor nem é isso é sim aquele massacre que vimos aqui no período da lava jato, dos feios, lê - se pobres, na parada e outras tantas mazelas que qualquer juízo de consciência sabe quais são. O próprio Bolsonaro é muito fruto desse período hediondo que vivemos e não foi por esse fato nem se houvesse um abecedário inteiro .

    ResponderExcluir
  7. Joâozinho e Mariazinha são o que bem entenderem! Bozo tem que parar de encher nosso saco! Vai trabalhar vagabundo!!!
    E o CARLUXO continua VIADO.
    #FORABOLSONARO
    #CARLUXOÉVIADO

    ResponderExcluir
  8. Pra mim deveriam usar a sigla PEOPLE, pois é uma das únicas coisa que todo LGBTQIAPN+ é com certeza, apesar de muita gente fingir que não.

    ResponderExcluir
  9. Mas essas palavras horrorosas não conseguem inverter o curso da história. Joâozinho e Mariazinha continuarão sendo o que eles quiserem ser. Não vai ter estado nem igreja nem miliciano para obrigá-los a nada, porque Joãozinho e Mariazinha não estão mais sozinhos.

    será mesmo, tony?
    não somos nós ingênuos como o elvis pintado por luhrmann em acreditar que só pq somos gays e queremos viver em paz - a paz virá só pq queremos?
    será mesmo?

    que lula leve a presidência da forma mais espetacular em outubro, ainda assim, deixa eu repetir: ainda. assim. eu não vejo nada realmente vir da sombra para a luz.

    Relembrando que estou neste mundo há 44 anos menos q vc ok.
    Mas já é o suficiente para rir e já com certa causa própria destas manifestações que terminam lembradas mais pelo "caráter pirotécnico" que incomodou mt mais que instruiu.

    O ser humano está mais comprometido com a ética mais do que nunca e este é um dos vícios preciosos do nosso moderno século 21 : se vc tira o ridículo do alvo, eles encomendam outro ridículo ainda pior pro departamento de marketing deles. E revestem o mesmo alvo. E o escárnio e amazonas de sangue continuarão fluindo como o champagne nas reuniões elegantes que vc vai.

    elimine o presidente e a militância do seu blog.
    em nome da sua saúde mental.
    em nome do seu prazer de viver.

    ResponderExcluir