terça-feira, 19 de julho de 2022

GARANTA JÁ O SEU INGRESSO

Em 2020, um bando de moleques americanos se organizou via Tik Tok para retirar ingressos online para comícios de Donald Trump e não ir. Conseguiram esvaziar os eventos, o que enfureceu o Bebê Laranja. A ideia está sendo copiada hoje no Brasil: basta entrar na plataforma Sympla e garantir seu ingresso gratuito para a convenção do Partido Liberal, que irá oficializar a candidatura do Edaír e acontece neste domingo no Rio de Janeiro. Enfrentei até mesmo uma fila de espera virtual, mas já garanti o meu. Corre lá, antes que se esgotem todos!

14 comentários:

  1. Acho que acusaram esta manobra. Não consigo o ingresso, só dá erro.

    ResponderExcluir
  2. https://www.sympla.com.br/evento/convencao-nacional-partido-liberal/1652861

    ResponderExcluir
  3. Tony, eu me preocupo com você. Seu ódio pelo Bozo é tão visceral, tão pessoal, tão figadal, tão intenso, tão ideia fixa, que eclipsa tudo mais que você faz. Fico preocupado em como você vai suportar os próximos quatro anos caso ele seja reeleito, e sinto te informar que as chances de reeleição são muito altas. Também não gosto dele, mas ele não é a razão central da minha vida. Cuide-se.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, eu me preocupo com você. Sua apatia diante da maior ameaça enfrentada pela democracia brasileira desde 1985 é tão assustadora, tão inexplicável, tão acomodada, tão estúpida, tão conivente, que eclipsa tudo mais que você vê. Fico preocupado como você vai suportar os próximos quatro anos caso ele seja reeleito, sabendo que a sua inação ajudou a mantê-lo no poder, e sinto te informar que as chances de reeleição não são tão altas assim - segundo especialistas, giram em torno de 30%. Também não gosto dele, mas ele não é a razão central da minha vida. Cuide-se.

      Excluir
    2. Tony, reizinho!!! ❤️❤️❤️

      Excluir
    3. You nailed it!

      Excluir
  4. Também já havia sentido isto. O Sr. Tony Góes passa um ódio visceral e sem sentido pelo presidente. O problema não é o homem, mas o sistema que permite haver 32 partidos políticos no Brasil. Mesmo que Bolsonaro saia, o sistema continuará errado. Lula não será o salvador da pátria. Precisamos é acabar com este messianismo que existe no Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O sistema está errado, sem dúvida. Mas o problema, no caso, é mesmo o Biroliro. E o meu ódio por ele tem sentido sim: rachadinhas, milícias, destruição da Amazônia, quase 700 mil mortos na pandemia, conluio com o Centrão, homeschooling, destruição dos mecanismos de incentivo cultural, incitação à violência, armamentismo, homofobia, racismo, machismo, grosserias a granel, populismo barato, nepotismo, despreparo, falta de decoro, sigilos de 100 anos, conluio com a banda podre das Forças Armadas, desrespeito à democracia, etc. etc.

      O que não tem sentido é você não odiá-lo também.

      Excluir
    2. Bravo! Merece um “control C, control V” em todos os grupos de WhatsApp

      Excluir
  5. O Bolsonaro simplesmente não é qualificado para o cargo. Entrou como efeito de um voto de protesto, tipo um hipopótamo Cacareco, e não mudou em nada o que sempre vez no baixo clero, não se cercou de gente capacitada, não procurou aprender e intensificou todo o seu discurso raso e violento que funcionava para se manter tantos anos no poder. Em um plano mais amplo, nacional e internacional, esse pacote de deficiências foi escancarado e ele não fica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não era voto de protesto.A direita estava
      sem candidato e inventaram ele,igual o
      Collor/89 e FHC/94.

      E pro Tony,um recado:ASSINO EMBAIXO!

      Excluir
    2. O Mio Babbino Caro
      Deixa o Biroliro engordar...Vai perder ser preso e o exército igual a ele nada fará.

      Excluir
  6. Mudaram o esquema e vai ser BYOC em ordem de chegada.
    Só não sei qual o propósito de guardar o ip de todo mundo que reservou uma entrada. Só vai garantir o ódio de qualquer delegado e promotor que recebam esse calhamaço de perda de tempo.

    ResponderExcluir
  7. Nossa, deu super certo! Só que não.

    ResponderExcluir