segunda-feira, 6 de junho de 2022

SANDUÍCHE DE MARMALADE

Os festejos pelo Jubileu de Platina de Elizabeth 2a. terminaram ontem, com uma aparição-surpresa da monarca no balcão do Palácio de Buckingham. No dia anterior, Sua Majestade deu o ar da graça num vídeo exibido pela TV britânica logo antes da transmissão do show que reuniu vários astros da música pop. Duas coisas me chamaram a atenção. A primeira delas é constatar que, por lá, a monarquia também é encarada como entretenimento. A rainha até exibe um certo talento como atriz, depois de uma vida inteira em frente às câmeras. A outra coisa é como a indústria cultural é levada a sério. Música, cinema, TV, tudo isso contribui para o PIB do Reino Unido de forma significativa, além de aumentar o soft power do país - um conceito que o Biroliro não tem bestunto para entender. Digo isso por causa da cena final do vídeo, com Paddington e Lilibeth batucando "We Will Rock You" nas xícaras de chá. depois de trocarem confidências sobre os esconderijos secretos de seus sanduíches. Isso é cultura, isso é entretenimento, isso é po-lí-ti-ca.

18 comentários:

  1. Eu adoro a cultura inglesa eles são tão liberais, e muito inteligentes. Depois de morar alguns anos em Londres nossa boçalidade fica mais evidente. Principalmente agora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Britânia (Inglaterra) foi conquistada no ano 43. O Brasil 1457 anos depois. Eles tem uma vantagem de mais de mil anos de cultura a nossa frente.

      Excluir
    2. Tão liberais, mas com um império tão escroto, né? Que inclusive tornou sodomia crime em todas as suas colônias.

      Excluir
    3. Nosso querido João, sempre tirando o véu das vestais.
      G-

      Excluir
    4. Boa, John! E hj tem bicha que ironiza/relativiza racismo, afinal na África tem país que criminaliza a homossexualidade.
      Saber por quem e quando a lei foi instituída para que, né? Típico caso de quando a desonestidade e racismo caminham juntos!

      Excluir
    5. João Amsterdã e Londres são as cidades mais liberais da Europa a sodomia era crime em todo lugar desde a bosta do cristianismo o Brasil era muito mais civilizado antes da colonização quem devolvamos tudo aos nativos!

      Excluir
    6. Nota: Júlio César transava com os amigos

      Excluir
  2. falando em rainha, Tony vc que estava lá, é verdade que o freddie mercury foi vaiado no primeiro show do Rock in rio em "i want to break free"? Ou outro mal entendido mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 18:35-Pura fofoca,tio.Pura fofoca.

      Excluir
    2. Oi? Eu nunca ouvi falar dessa história. E sim, eu estava lá. Não lembro de vaia nenhuma.

      Excluir
    3. a maior fofoca é ele pegando GP na avenida Atlântica no Rio

      Excluir
    4. Mas na Alaska ele foi.

      Excluir
  3. Me lembrou o Primeiro Ministro Japonês vestido de Mario.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Fofíssimo! Queria ter visto mais Nintendo nas Olimpíadas.

      Excluir
    2. A Nintendo se escafedeu das Olimpíadas porque a opinião pública japonesa não estava nem um pouco contente com a reunião em massa de extrangeiros no Japão durante o ápice da pandemia. Quase todas as marcas japonesas patrocinadoras abandonaram o barco.

      Excluir
  4. O Mio Babbino Caro
    Quando digo que não somos mas nos arvoramos em ser um país, me criticam.

    Estou a afirmar que a Indústria Cultural é o que mantém o Reino Unido. E os Museus, Teatros, além dos Tesouros surrupiados de todas colonias.

    ResponderExcluir
  5. Tudo bem o ingleses gostarem e torcerem pela rainha deles. Mas Brasileiros fascinados pela monarquia inglesas é uma cebola toda de camadas erradas. Monarquia, sério? Eu sei, temos o Birobiro e os EUA teve o Trump o que demonstra que não estamos melhores com a república. Mas conceitualmente ter uma família-modelo para uma nação é pavoroso. É pré-histórico. Depois reclamam desses bocós da "monarquia" brasileira dando pitaco no Brasil e outros querendo restaurar a monarquia para "moralizar" o Brasil. Depois, que jeca essa fascinação por um povo que nos despreza. Sim, os ingleses desprezam os Brasileiros. Fontes? Quase toda a pesquisa sobre o que os ingleses pensam do "3º mundo". É que eles têm aquela coisa educada que com um sorriso no rosto e tapinhas nas costas, rebaixam você a um pertencente de uma cultura inferior parecendo ser um elogio. Lembro de um inglês especializado em intercâmbio cultural com o Brasil que ficou indignado quando um dos artistas de comunidade queria ganhar o mesmo que seus conterrâneos. Não babem os ovos do ingleses. Por fim, a família real britânica é uma gente tosca e racista, não há nada de admirável. Entre escândalos de pedofilia, relacionamentos tóxicos, misoginia, etc... Prefiram a rainha Anitta, a princesa Pepita ou o rei Johnny Hooker.

    ResponderExcluir