quarta-feira, 1 de junho de 2022

JOHNNY B. BAD

Confesso que não sei muito que conclusão tirar do caso Johnny Depp vs. Amber Heard, até porque eu não acompanhei o julgamento com atenção. Hoje fiz uma coluna para o F5 especulando sobre o futuro dos atores, mas não tenho informações suficientes para dizer qual deles têm razão. O veredito favorável a ele, vindo de um júri onde os homens eram maioria, talvez seja um retrocesso e tanto para a causa do #MeToo. Muitas mulheres vão hesitar em denunciar abusos, com medo de que seus ex contra-ataquem com processos milionários. Ou talvez seja um basta aos exageros que surgiram na esteira do movimento, como a moça que foi a uma revista reclamar de Aziz Ansari mesmo sem ele ter forçado ela a nada. Amber Heard é grande derrotada dessa história toda, pois perdeu muito mais que os 15 milhões de dólares que terá que pagar a Depp. Sua carreira pode ter ido para o brejo, e a paz de espírito não volta tão cedo, dado o volume de xingamentos que ela vem sofrendo nas redes sociais. Sou fã de Johnny Depp desde os longínquos anos 80, mas admito que a minha admiração por ele também encolheu bastante.

48 comentários:

  1. O veridito deveria ser: " Deu um empate e cada um dos dois vai ter que pagar 15 milhões ao estado".

    ResponderExcluir
  2. Ela decepou o dedo do Johnny Depp, Tony...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o abuso era mútuo eu não acompanhei porque não curto fofoca da vida alheia

      Excluir
    2. a misoginia é estrutural, fui chamada de prostituta no trabalho por uma filha de traficante MARIANA IMBASSAHY tive meu telefone grampeado reclamei fui demitida e chamada de louca.

      Excluir
    3. isso não tem nada a ver com o me too os 2 eram casados não houve abuso sexual é tipo o Richard Burton e Liz Taylor que brigavam o tempo todo mas se amavam é como se ela decidisse processa-lo pelos abusos

      Excluir
    4. Que papinho mais identitário.Enquanto
      isso,crianças morrem nas escolas dos
      EUA porque o Trump e o Edair querem
      armar o cidadão de bem....bem babaca.

      Excluir
    5. Nos EUA agora rolou um tiroteio em hospital

      Excluir
  3. ela sempre foi sapatao, ele alcoolatra e drogado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está falando da Xoxa,aquela do
      beijinho,beijinho e tchau,tchau????

      Excluir
    2. em que mundo vc vive? todo mundo usa drogas! E toda mulher ja teve experiencia com outra mulher, era um relacionamento toxico os 2 erraram

      Excluir
    3. sou team amber!

      Excluir
    4. 03:07-Todo mundo,quem,cara-pálida?
      Tá na hora deste blog parar de imitar
      a Sônia Abrão-pura babaquice.

      Excluir
    5. 11:53 todo mundo que eu conheço só não uso mais drogas por falta de boas festas em SP. Revisitando fotos do Johnny quando jovem meu Deus! Como ele era além de delícia doido e interessante nada ver com os Harry Styles da vida. Ainda tá super pegavel mas quem guenta um abusivo que cheira cocaina as 8 da manhã? Amber Heard lindíssima! There is no such thing as bad publicity os 2 vão continuar trabalhando muito

      Excluir
    6. 17:12-Tá cheirando cola?A carreira dele
      e dela acabaram,literalmente.E VIVA
      HARRY STYLES!!!!

      Excluir
  4. Até parece que o Tony nunca jogou um prato de macarronada no Oscar...

    ResponderExcluir
  5. “Deputados bolsonaristas querem que a Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) da Câmara dos Deputados convoque uma audiência para discutir “as implicações psicossociais em crianças em decorrência da versão da boneca Barbie com órgão sexual masculino”. O tema está para votação na pauta desta quarta-feira (1º) na comissão.

    O requerimento de debate foi trazido pelo deputado Otoni de Paula (MDB-RJ), um dos parlamentares mais próximos de Bolsonaro na Casa. A motivação seria a decisão da Mattel, a fabricante norte-americana do brinquedo, de criar a primeira versão da boneca homenageando uma transexual – no caso, a atriz Laverne Cox.


    “À guisa de promover inclusão social, a Mattel afronta a realidade e cria, na verdade, um cenário agressivo às meninas que querem brincar com uma boneca-menina“, reclama o parlamentar, para quem as crianças brasileiras não devem ser expostas a este produto.”

    🙄

    ResponderExcluir
  6. A religião dominante atualmente na qual as pessoas nascem (devido à propaganda constante) é o feminismo. E o feminismo diz que as mulheres são vítimas, os homens são maus, quase por definição. Eles se recusam a admitir que homens podem ser vítimas de mulheres. Ou que as mulheres podem fazer o mal (como acusar falsamente alguém por ganho).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Papai Noel, coelhinho da Páscoa e Racismo reverso também existem!! ;-)

      Excluir
    2. 11:42 Esqueceu do Mundo Invertido.

      Excluir
    3. 11:42-Esta mulher que você defende
      puxa o saco do Elon Musk,palhaço.

      Excluir
  7. que veridito estranho! e obvio que o abuso era mutuo como sempre é quando existe um homem abusador depois desse veridito fui ver o julgamento e pqp! ta na cara que ele é instável e agressivo quantidade absurda de drogas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado, quando a mulher é a agressora dizem que "o abuso é mutuo" mas quando é o homem o agressor é ele sozinho. Hipocrisia!

      Excluir
  8. Pena que isso trará o chatíssimo Jack Sparrow para mais uns vinte filmes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 09:50-Ele não está mais fazendo
      este filme,palhaço.

      Excluir
    2. Só questão de tempo, palhaço 20:13.

      Excluir
    3. 14:53-Palhaço,agora,ele quer
      ser cantor.kkkkkkkkkkkk

      Excluir
    4. Palhaço da 19:47, também vende perfume, enquanto você segue pobre e inútil, crendo que está lacrando.

      Excluir
  9. À conclusão é simples: o mundo valoriza o conforto do homem, principalmente dos famosos, mais do que a dignidade e a saude das mulheres, mesmo que ela seja famosa. O mesmíssimo princípio se aplica ao seu querido e admirado Woody Allen.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. exato! e os aplausos pra ele no pub ingles??

      Excluir
    2. 18:54-Palhaço,ela quis lacrar e ela se
      fudeu,merecidamente.E VIVA WOODY
      ALLEN,YES!!!!

      Excluir
    3. Não acho que ela se fudeu, sinceramente o mundo viu o Johnny pelo drogado que ele é as fotos dele dormindo que ela tirou o julgamento foi uma desgraça pros 2

      Excluir
    4. Isso é uma mentira completa e falsa típica de uma feminista alienada. A maioria dos trabalhos mais perigosos e onde mais mortes acontecessem são feitos por homem, ou seja na verdade é o contrário a sociedade que coloca a vida, saúde e conforto das mulheres na frente das dos homens.

      Excluir
  10. E a coitadinha da Mia Farrow é tão lutadora na causa das mulheres que foi uma das que assinaram um abaixo assinado a favor do Roman Polanski, em 2009. Ah, mas foi o que o homem que deu uma carreira a ela... Então, pano passado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Mia tb não é flor que se cheire, e o Roman Polanski vivia outros tempos! Então não rola julgar ninguém.

      Excluir
    2. ah a hollywood dos anos 70 devia ser legal pros homens né já as mulheres sempre se ferraram cada dia respeito mais a Marylin não sério tem que ser muito inteliente pra se tornar um icone num mundo machista ela era muito inteligente por isso casou com um escritor

      Excluir
    3. 08:08-INTELIENTE????Escrevendo
      tudo em letra minúscula.....jênio.

      Excluir
  11. Muitas vidas arruinadas por falsas alegações porque o Me Too “certeza de ferro” substituiu a “dúvida razoável” da jurisprudência.

    Meramente proferir uma acusação não significa que alguém é culpado.

    O padrão cultural deve ser sempre inocente até prova em contrário.

    #MenToo

    ResponderExcluir
  12. Impressionante como tem gente do lado da Amber mesmo com tanta prova de que ela mentiu e manipulou os fatos.

    ResponderExcluir
  13. O estranho nesse caso fora a Ellen Birken ela foi a única a acusá-lo de abuso geralmente o abusador abusa mais de uma mulher mas eu acredito nela alguém que usa tantas drogas tem uma tendência agressiva veja o Aécio que bateu na mulher na frente de todos estando em campanha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por ela ser a única tirou credibilidade a própria Kate moss falou em defesa dele e foi numa festa com ele essa semana. Gente como a Kate moss era feinha quando nova tá melhor agora.

      Excluir
  14. Johnny Depp ganhou seu processo de difamação contra Amber Heard. No entanto, apesar desse vislumbre de justiça, a mídia dominante feminista continua a espalhar mentiras atacando a reputação de Johnny Depp e chamando Amber Heard de vítima de violência doméstica. Mesmo que, como todos sabemos agora, Johnny Depp foi a verdadeira vítima de violência doméstica e Amber Heard foi sua agressora violenta.

    A grande mídia dirigida por feministas continuará mentindo assim para qualquer homem ou mesmo adolescente que sofre de falsas acusações ou até violência doméstica de qualquer mulher. Eles continuarão defendendo abusadoras e falsas acusadoras como vítimas femininas. As feministas, é claro, têm uma agenda para isso: é dar às mulheres poder completo para abusar e agredir os homens, e negar aos homens qualquer direito de se defender do abuso feminino. A mídia dirigida por feministas trabalhará mais do que nunca para garantir que nenhum homem possa receber justiça novamente como Johnny Depp.

    ResponderExcluir
  15. Estou feliz que o resultado do caso Depp está lançando uma grande luz sobre que homens e meninos também são vítimas de violência e há mulheres que cometem atos terríveis como os homens, e está fazendo o público rejeitar o ridículo "acredite em todas as mulheres" retórica e mais consciente do fato de que há tantas vítimas do sexo masculino quanto do sexo feminino, e ambos merecem igualmente justiça. Da mesma forma, também espero que as mulheres infratoras sejam punidas tão severamente quanto os homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui abusada pelo meu pai namorado colega de trabalho professor nenhum foi punido

      Excluir
  16. Lendo os comentários eu percebi que as mulheres têm 0 empatia pelos homens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem toda mulher, gênero não define caráter.

      Excluir
  17. Agora vi a filha dele Lilly Rose muito muito feia

    ResponderExcluir