segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

A NARA E A CORAGEM

Eu gostava da Nara Leão quando era bem pequenininho. Eu e o Otelo Pepino Trapo, o patriarca da "Família Trapo", que era tarado pelos joelhos da cantora. Aí eu cresci, fui ouvir outras coisas e só retornei a Nara quando ela gravou "Garota de Ipanema", um disco de clássicos da bossa nova voltado ao mercado japonês. Comprei em vinil e não conseguia chegar até o fim. A voz da Nara era ASMR antes dessa sigla existir: me punha para dormir logo na primeira faixa. Nara Leão passou anos presa na minha caixinha mental de coisas chatas. Só saiu agora, em grande estilo - como diria sua irmã Danuza, como o Salgueiro entrando na avenida. Mudei de ideia graças à incrível minissérie "O Canto Livre de Nara Leão", que acaba de chegar ao Globoplay. Em cinco episódios, o diretor Renato Terra resgata a força e a importância de uma cantora que mudou os rumos da MPB. Nara era muito mais transgressora do que qualquer Cássia Eller. A voz tranquila enganava. Foi uma mulher inquieta, que gostava de todos os tipos de música, sem jamais se prender a um único estilo. Fico pensando no que ela estaria gravando hoje. Sertanejo universitário? Funk proibidão? Nara também era corajosa, dizendo coisas como "o exército tem que acabar" em plena ditadura militar. Sua lembrança é inspiradora, ainda mais neste momento de transição em que o Brasil parece embarcar. Ah, e tente não se emocionar com a cena final da série, um imprevisto fora do roteiro. Nara era foda, como diz o João Wainer na Folha. Nara segue entre nós.

17 comentários:

  1. Off topic: E vc Tonyco como está? Tratamento caminhando bem?

    ResponderExcluir
  2. Feia, chata e insossa. Sempre cantou mal pra caramba. Era tipo um Ringo Starr da bossa-nova.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Feia,chata e insossa:Marilia Mendonça.kkkkkk

      Excluir
  3. Prefiro Cássia, e olha que ela morreu no ano que nasci.

    ResponderExcluir
  4. O Mio Babbino Caro
    Nara Leão É uma maravilha: Anoiteceu, De onde vens, Tristeza de nós dois,Penas do Tiê.
    Além de toda sua coragem e ousadia. Não admirar Nara deveria ser um crime passivo de pena como ter que viver num regime de Bolsonaro até o fim dos dias. Nara, nossa Redenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Triste aquele que foi redimido pela Nara Leão!

      Excluir
    2. Bolsonarista nesse blog é caso endeêmico.

      Excluir
  5. Apesar de não ser super fã, li uma biografia dela há uns anos (acho que a do Sérgio Cabral) e também fiquei impressionado com ela. Apesar das tretas com a Elis (mais da Elis do que dela), da voz mansa, de ser uma musa da classe média bossa nova, ela foi uma mulher bem à frente do tempo dela. Vou tentar assistir à série.

    ResponderExcluir
  6. Saudade do Brasil sem sertanejo universitário, letras pornográficas e Bolsonaro...

    ResponderExcluir
  7. A Nara era foda,ícone da Bossa Nova,já a irmã dela Danuza é uma escrota, escreveu em sua coluna para a Folha de São Paulo que ir a Nova York não tinha mais graça porque o porteiro do prédio dela pode ir, elitismo nojento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo sabe do abismo que pode separar Irmãos. Pois é ao se falar de Nara sua irmã não deveria nem ser citada.
      G-
      .

      Excluir
    2. Qual porteiro de prédio pode viajar pra fora
      daqui?????Isso já virou uma lenda urbana.kkkk

      Excluir
    3. Putz, eu sou classe mérdia e nunca saí do País. Andei de avião uma vez na vida. O máximo que conheço são meia dúzia de Estados deste país colossal, a maioria só passei pelas estradas, de carro e busão. Tenho quase 40. Será que eu sou o povo?

      Excluir
    4. Você e eu somos o povo,13:23!!!

      Excluir
    5. Mas esse famoso texto da Danuza foi escrito em 2012,quando ainda não tínhamos crise,mas eu sou pobre,morador da ZL paulistana e mesmo nessa época nunca fui a New York kkk,nunca saí da América do Sul,só conheço Argentina,Chile e Paraguai kkkkk.

      Excluir
    6. Tempos que a classe média podia culpar o PT por tudo de ruim. Eram felizes e não sabiam.

      Excluir
  8. Gabriel,ela estava dizendo sobre país de verdade,
    não de republiqueta.kkkkk

    ResponderExcluir