sábado, 31 de julho de 2021

O MANUAL DO DITADOR-MIRIM

As ditaduras estão na moda. Com vários países do mundo tendo suas instituições democráticas atacadas por dentro, fazia tempo que não se falava tanto em regimes totalitários - muita gente até torce por eles. Nesse contexto, a série "Como se Tornar um Tirano" vem a calhar. São seis episódios de meia hora, cada um deles focando num autocrata: Adolf Hitler, Josef Stálin, Idi Amin Dada, Kim Il-Sung, Saddam Hussein e Muammar Gaddafi. Senti falta de algum latino como o dominicano Rafael Trujillo, o mais folclórico de todos, mas essa ausência não estraga o programa. Os roteiros são estruturados em torno de um livro imaginário, com dicas passo a passo para conquistar e se manter no poder. Nada muito profundo, e o tom de galhofa às vezes incomoda, pois milhões de pessoas foram mortas por esses déspotas. Mesmo assim, vale a pena ver, pois há muitos detalhes interessantes. E não, não existe o risco do Bozo assistir e se inspirar: a cabecinha dele não tem espaço para tanta informação. Menos mal.

Um comentário:

  1. As ditaduras estão na moda. Elas são um problema sério que não deveriam virar piada.
    Por mais que seja para tirar sarro, a comédia faz Hitler e companhia bela parecer ser alguém "legal", uma espécie de palhaço engraçado do tipo meu malvado favorito.
    Por acaso, alguém consegue setir repulsa do Hitler de Charlie Chaplin? No fundo, a filme acaba nos vendendo a imagem de ele foi só uma pessoa excêntrica e inofensiva. E isso é perigoso, muito perigoso.

    ResponderExcluir