sexta-feira, 18 de junho de 2021

VIADINHOS GRAÇAS A DEUS

O que fazer com o asqueroso padre Antônio Müler, de Tapurah (MT)? Em missa transmitida pela internet no último domingo, o pároco chamou de "viadinhos" os repórteres da Globo Erick Rianelli e Pedro Figueiredo. Era uma reação a uma matéria de Dia dos Namorados veiculada pelo RJ TV no ano passado, que voltou a assanhar as redes birolistas nos últimos dias. Nunca imaginei ver um padre usar a palavra "viado" em pleno altar durante a Santa Missa, mas este é o país em que vivemos hoje. O cara nitidamente incorreu no crime de homofobia, mas eu me pergunto: vale a pena processá-lo? Além de dar ainda mais mídia para este celerado, corre-se o risco de criar um mártir para a extrema-direita, que vai alegar ameaças às liberdades de expressão e religião. Por outro lado, chega de passar pano para a homofobia. Ser católico não autoriza ninguém a ofender os LGBT+ como o padre Müller ofendeu. Lei nele.

9 comentários:

  1. Fiquei tão nervoso quando vi esse vídeo que mesmo morando em
    Outro estado, achei o número da paróquia e liguei para xingar esse padre babaca, imagina meu ódio, ainda bem que ninguém atendeu!

    ResponderExcluir
  2. Por coisas como essas que eu não perdoo os trouxas que votaram em Bolsonaro. Seja apenas no segundou ou direto no primeiro turno, quero distância desse povo

    ResponderExcluir
  3. Discurso alinhado com Brasil Paralelo 🤢.... e pensar que já peguei alguns padres.
    Enquanto existir povo conivente com esses discursos vamos continuar sendo gado mesmo, O Brasil é um grande pasto com bolhas de exceção

    ResponderExcluir
  4. Na certa ele desconhece a vida de muitos de seus colegas. Quantos padres por aí tem seus namorados nas escondidas.

    ResponderExcluir
  5. Pode ser a famosa inveja...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É A IGREJA CAÓTICA PEDÓFILA BERLUSCONIANA.kkkkkkkkk

      Excluir
  6. Já comi vários Padres. Moro em outro estado, mas se aí morasse, eu comia e jogava na net. É uma revoltada que quer os boys só para si.

    ResponderExcluir
  7. O Mio Babbino Caro
    Esse Filha da Puta deve ser uma daquelas bichas infelizes que então não quer permitir que nenhuma seja. Já é caso bem conhecido na literatura Bichal.

    ResponderExcluir
  8. Mas é isso que muitos da Igreja querem: pode dar ou comer à vontade, na encolha (como dizem alguns perfis do Grindr), mas demonstrações públicas de afeto na TV, aí já é demais.

    ResponderExcluir