terça-feira, 11 de maio de 2021

BOMBAS DE EFEITO IMORAL

Ando vendo tantos episódios da série  "Shtisel" que já sonhei duas vezes que eu estava em Israel. Ainda bem que não estou. Além do eterno dilema moral, agora viver por lá voltou a ser perigoso. As escaramuças de rua entre judeus e palestinos evoluíram, de uma semana para cá, para ataques com mísseis de ambos os lados, resultando na imagem chocante de um prédio inteiro desmoronando em Gaza. Não foi uma implosão a esmo: o edifício abrigava escritórios do Hamas, e foi evacuado antes de ser atingido. Pelo menos os israelenses têm uma pontaria melhor que os policiais que invadiram a favela do Jacarezinho.

23 comentários:

  1. O Mio Babbino Caro
    Israel X Palestino, uma guerra com contornos Históricos, Biblicos, Ancestrais...Jacarezinho 28 mortos numa manhã, uma guerra de Vira-Latas, uma Guerra do Cu do Mundo, madrugada, mareada, salgada com dores desqualificadas que se emendam num Atlântico podre de mãos dadas ao Nordeste, Bahia, Cuba, Guatemala e nada...com/e nossos olhos no jornal nacional sem nada sem nada ou alguns kilos de carne roubada mas também mortos.

    ResponderExcluir
  2. O sionismo radical é a prova de que oprimidos podem virar opressores de forma muito rápida e sem grandes dramas de consciência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Trump,Bozo e Adolf Netanyahu que o digam.

      Excluir
  3. Mas eu sempre tive impressão que Israel é um país super secularizado, que esses judeus ortodoxos da série Shitsel são minoria, já li dados que a maioria dos judeus sequer acredita em Deus ou se acredita não é de uma forma como descrita na Torah,então por esse critério não acho que seja pior que o Brasil,além do desenvolvimento econômico não deve haver uma homofobia tão forte como nos países islâmicos em que ser gay te faz ser condenado a morte , esse fator inclusive me faz ser pró Israel nessa guerra contra a Palestina, fico puto em ver a nossa esquerda que se diz defensora do feminismo,dos LGBT,defendendo indiretamente um grupo homofóbico ,misógino,fundamentalista religioso que é o Hamas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão!
      G-

      Excluir
    2. Querido... putos ficamos com uma pessoa claramente com acesso a informação fazendo analise politica de uma profundidade digna de Capricho.

      Posição política nunca é absoluta, mas sempre relativa. Criticar os abusos e crimes cometidos pelos governos israelenses não significa apoiar de forma irrestrita toda a plataforma politica do Hamas. "Superioridade social" não justifica expropriar um povo de sua própria terra, indo contra todos as recomendações internacionais. Assim como criticar o governo israelense não significa criticar os israelenses. Consegue entender?

      E para terminar, Israel super secularizado? Sabia que TODO o sistema de transporte publico israelense fecha durante o Shabbat?

      Shalom,
      Fer.

      Excluir
    3. Curioso para saber como seria esse “desenvolvimento econômico” sem o patrocínio de Washington.

      Excluir
    4. De fato, em Israel os haredi são uma minoria mas a extrema direita ortodoxa, que é outro grupo, está no poder por enquanto. E onde há extrema direita há merda! Inclusive os judeus hassidim e haredi são completamente contrários ao estado de Israel e ao sionismo, consideram uma maldição.

      Excluir
    5. Ué, deixa fechar, Fernando...o povo quer isso. Melhor que uma França que fecha domingo mas sem motivo. E impede o exercício das religiões alheias.

      Excluir
    6. A França fecha no Domingo porque lá existe um
      sindicalismo muito forte.Mexem com eles pra
      ver o que acontece.

      Excluir
    7. 23:16-Que coisa mais Paulo Guedes que
      você escreveu,hein?

      Excluir
  4. Só uma pessoa que acreditava em Aécio poderia ser uma maravilha pro Brasil pode achar que israelenses só jogam mísseis em pessoas que participam do Hamas. Acorda, Tony. As pessoas que vivem em Gaza ser ferram há anos. São privadas de tudo e ainda recebem um monte de misseis na cabeça. "Pelo menos os israelenses têm uma pontaria melhor que os policiais que invadiram a favela do Jacarezinho" Mano, nem patricinhas de Campinas pensam tão binário assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aham, onde foi que eu disse que o Aécio seria uma maravilha para o Brasil? Meu candidato em 2014 era Eduardo Jorge, do Partido Verde. Sim, votei no Aécio no segundo turno, por acreditar que ele seria um mal menor do que a Dilma. Se eu soubesse então o que sei hoje sobre ele, teria votado em branco.

      Mas eu não deixei claro que, neste episódio atual de violência em Israel, os israelenses estão bem mais errados do que os palestinos. Foram eles que provocaram. "Eles", aliás, não são todos: são os partidos radicais, religiosos e racistas, que sustentam Netanyahu. O premiê é o maior culpado pela matança, pois ele quer se mostrar indispensável para a segurança do país. Fora Bibi!

      Excluir
    2. É de se notar que o Hamas abusa o povo palestino e não o representa! O Hamas inclusive faz escudos humanos de mulheres com seus filhos. São terroristas mana!

      Excluir
    3. O Igor só pode ser sionista ou recebe uma mesada da
      Carla Zamburrelli.O Tony votou num candidato tipo
      Eymael e Levy Feidelix e no Aécio que é CONTRA a
      vacina russa no Brasil e se soubesse quem ele era,
      votaria em branco.Tá no jornal errado!Tem que ir
      pra aquele que fez "uma escolha difícil" em 2018.
      kkkkkkk.....ah,se tu soubesses que a Dilma caiu
      porque não quis entregar o ouro pro bandido,o
      Eduardo Cú...nha evanjegue igual o Malacraia.

      Excluir
    4. Eu sou sionista bee, minha família de parte de mãe é de origem judia, se é.por mãe isso me torna judeu.
      Ser sionista é defender a tese que o povo judeu tem legitimidade de ter um país. Defendo também a existência de um país palestino. A questão é que Israel foi fundada de maneira equivocada... Porém era pós holocausto, por isso os ânimos e traumas eram complexos.
      Quanto ao fato do Tony ter votado no Aécio: O que vc tem com isso? Aécio joga de acordo com o jogo democrático. Não é um autoritário como o Biroliro.
      Um dos erros da esquerda aqui do Brasil é jogar o jogo da ovelha e o lobo: gritar que fulano é fascista sem de fato ser, quando apareceu um...well a nossa.classe média não comprou a ideia.

      Excluir
    5. O Aécio disse que queria encher o saco pedindo a
      cassação da chapa Dilma-Temer.Isso é jogar de
      acordo com a democracia?Quem fazia isso muito bem
      era o avô dele,não é o aspirador de pó que mandava
      demitir jornalistas quando era governador de MG.
      Um dos erros da direita no Brasil é apoiar qualquer
      um pra derrotar o fantasma do "cuminixxxmo" e a
      classe mérdia compra qualquer idéia de jerico.
      E Israel com seu sionismo que mais parece aquela
      Solução Final da dupla Adolf-Benito faz a mesma
      coisa da policia carioca:entra no morro,mata
      muitos pobres-a maioria sem passagem pela policia-
      e ainda tem seus puxa-sacos gritando que bandido
      bom é bandido morto em nome de Jesus.No caso de
      Israel,em nome dos EUA,claro.Hahahaha....

      Excluir
    6. Igor,o Bozo só fala merda faz tempo.

      Excluir
  5. Essa Terra Santa está mais para Terra Desgraçada... Por isso os melhores países do planeta são as Terras Ateias da Escandinávia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que não conseguiram controlar a pandemia pq “nada pode fechar”. Se liga, essa raça humana não tem jeito não

      Excluir
    2. Esqueceu de Nova York,Londres e Paris?É a Santissima
      Trindade do Ocidente!!!!!!

      Excluir