quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

VIVA A VACHINA

É um alívio saber que a Coronavac teve 78% de eficácia nos testes feitos no Brasil, e 100% na prevenção de casos graves de Covid-19. João Doria apostou seu capital político na vacina chinesa, e poderia ter ficado tão mal quanto o Biroliro se ela não funcionasse, ou atrasasse como a Oxford-AstraZeneca. Mas os deuses da democracia andam trabalhando dobrado nesses dias, e agora parece mesmo que a "vachina" começará a ser aplicada no dia 25 de janeiro. Não que eu torça pelo Doria, veja bem: não votei nele nas duas oportunidades que tive, e ainda acho que ele é almofadinha sem coração. Mas é inegável que o cara trabalhou, foi atrás e agora colhe os frutos, o que é 1.000% mais do que o Pau Fino fez durante a pandemia. Já sei de gente que pensa em vir a São Paulo só para se vacinar (não vai ser preciso mostrar comprovante de residência), e eu mesmo devo tomar a primeira dose no dia 8 de março, inshallah. Agora o Capachuello entrou no mode desespero e está falando em começar a vacinação no dia 20, e não duvido que ele consiga uma dose de qualquer uma só para o Mijaír tirar foto ao lado da primeira pessoa vacinada no Brasil. Quanto aos bolsominions, acho lindo que eles se recusem a se vacinar e insistam na cloroquina. É assim que funciona a seleção natural.

8 comentários:

  1. Um ruim da gente festejar uma vitória de Doria é ter que justificar que você não gosta dele. Por outro lado, poderia ser uma oportunidade de ver a diferença de um Doria para um Bolsonaro, de um Bush para um Trump. Ninguém também gosta dos Bushes, mas sabe como é?, melhor seria do que um Trump. A gente passa a entender a importância de fotos como aquela do avião com Sarney, Collor, FHC, Dilma e Lula. Também igualmente a dos Bushes com Bill, Obama e Carter. Seria muito bom o PTista entender que é melhor um picolé de chuchu Alckmin do que Crivella (ex-ministro da Dilma, aliás). Seria ainda melhor um PSDBista entender que Dilma era uma porta, mas honesta e melhor aliada do que uma Joyce Hasselmann. Doria é 1000 vezes melhor opção do que Bolsonaro, mesmo sendo 1000 pior que seu candidato preferido. Mas Churchill, Roosevelt e Stalin não se sentariam juntos no Brasil de hoje, mesmo que essa fosse a condição para vencer uma possível guerra mundial.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa 19:57, meu pau ficou duro aqui com seu comentário!!!
      Que delícia vc!!!

      Excluir
    2. Anônimo 7 de janeiro de 2021 19:57: Todo mundo que não é alucinado entendeu isso que você escreveu.
      Nas eleições de 2018 a mídia corporativa aceitou apoiar por debaixo dos panos um bandido para passar sua agenda econômica.
      Enquanto discutimos a(s) merda(s) do dia proferidas pelo excrementíssimo, os negócios estão sendo feitos, como naquele grande acordo nacional “com o supremo, com tudo”. Como disse Paulo Guedes, “vamos ganhar muito dinheiro... Não vamos ajudar os pequenos empresários, pois vamos perder grana... Vamos colocar a granada no bolso deles... – Sobre os Funcionários públicos”

      Excluir
    3. Vcs esqueceram um detalhe elementar, Propaganda política a parte: a Coronavac é CHINESA... logo Comunista, Vermelha etc ... rsrs O Doria com a exploração da chinesa Coronavac só prova que é uma farsa midiática. Não tem a ver, mas só para lembrar: Quase todos os contemplados pelo seu prêmio Lide, tem condenações na justiça.

      Excluir
    4. Gado detected!

      Minion, então você deveria deixar de tomar quase todos os remédios vendidos no Brasil, pois eles têm componentes produzidos na China.

      E o Doria abusa do marketing, mas farsa midiática a gente sabe bem quem é.

      Excluir
  2. Trump fez um comunicado e tá na conta dele do Twitter, veja.
    Com voz de bebê chorão.

    ResponderExcluir
  3. A notícia da vacina é boa, mas falar de Dória e de democracia no mesmo parágrafo não parece certo. Dória agiria como Bolsonaro na Presidência, apenas mais limpinho e educado, mas igualmente autoritário.

    ResponderExcluir
  4. A gente quer ficar animado, claro, mas hoje mesmo ele divulgou uma versão deturpada do artigo da Science que falava da falta de transparência da coronavac. O homizinho dá medo, viu? Parece que não tem nada que ele não faça por poder.

    ResponderExcluir