quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

AGLOMERAÇÃO SEM SUCESSO

Toda vez que morre de Covid-19 algum negacionista da doença, o que resta de caridade cristã em mim vai pras picas. Tenho vontade de sambar na cara do defunto, copo de champagne na mão e "Vou Festejar" no sistema de som. Mas a morte de Ygona Moura, de quem eu nunca tinha ouvido falar até ela ser intubada, me deixou assim-assim. A moça pertencia a quase todas as minorias: mulher, transexual, preta, gorda, portadora de deficiência física, periférica, vítima de bullying até da própria mãe. Era uma das porta-estandartes do movimento body positive na blogosfera brasileira. Também era uma boboca, coitadinha. Suas últimas declarações em vídeo, pouco antes de ser diagnosticada com o novo coronavírus, merecem ser inscritas na porta do Inferno de Dante: "Gente, que noite foi essa. Noite de aglomeração com sucesso. Sai de lá quase 8h da manhã. Aglomerei mesmo e recebi bem pra isso. Hoje, estou aqui pela Tiradentes, estou caçando um baile, quero aglomerar de novo, estava morrendo de saudade de aglomerar". O pior é que a morte precoce de Ygona, aos 22 anos de idade, talvez não sirva para assustar ninguém. Não faltam protestos de donos de bares e restaurantes do Oiapoque ao Chuí, pressionando as autoridades para continuarem abertos. Piores ainda são as festas mais ou menos clandestinas, algumas até com line-up de DJs internacionais. A galera se esquece que cliente morto não paga... O Brasil parece a piada do sapo e do escorpião. Não conseguimos não nos aglomerar. Faz parte da nossa natureza.

Para quem quiser saber mais da tristíssima história de Ygona Moura: https://bit.ly/3iSVQrI (obrigado, Rosana Hermann)

16 comentários:

  1. Sinceramente não consigo ter pena desse povo que se expõe desnecessariamente...Me comove saber que muitas pessoas precisam sair para trabalhar e correr o risco de se contaminar e ainda levar o vírus para dentro de casa...Quem procura o Covid que se dane!

    ResponderExcluir
  2. Quem é o cupado ao morrer de câncer de pulmão devido ao cigarro? A pessoa que insistiu em fumar mesmo sabendo que cigarro mata? Ou a pessoa que vende cigarro mesmo sabendo que cigarro mata?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acrescento: Ou é culpa do governo que não bdeu educação suficiente para que a sua população evite fumar e vender cigarros porque ele mata?

      Excluir
  3. Não acho que aglomerar seja parte da nossa natureza. Sempre tivemos carnaval, quermesses e cia, mas acho que esse furor por festas deu os primeiros passos nos 60, pegou força nos 70 e foi até os 2000.
    Muitos lugares hoje impõe diversas restrições como locais impróprios e lei do silêncio após determinada hora.
    As pessoas se acostumam a certos modismos de determinada geração e acham que faz ' parte da natureza '. Como se aquilo acontecesse desde Adão e Eva ou fosse oxigênio.

    ResponderExcluir
  4. Sabe como é ne, o vírus não se importa se é minoria, se usou máscara no nariz ou no queixo. Se entrou no organismo, a chance existe. Portanto façam sua parte. Não aglomera e usa máscara quando precisar ir no mercado.

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Em termos numéricos, tanto mulheres como negros (pretos e pardos) são maioria no Brasil.

      Em termos políticos, não...

      Excluir
  6. Estou em uma cidade de interior. Aqui explodiu do nada 17 casos. A origem? O dono de uma academia que dizia " Eu quero ver o prefeito vir aqui e fechar minha academia". O macho alfa pegou covid-19 e espalhou para os alunos....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, você pode dizer o nome da cidade?

      Excluir
  7. Tsc, Tsc
    Comemorar a morte de outrem?
    Os Inquisidores do Século XXI chegaram.


    ResponderExcluir
  8. Boboca? Que bondade. Era uma idiota completa. A sua vida só terá sentido se a usarem como exemplo do que não fazer. Por que essas pessoas que querem ser influenciadoras não gravam um vídeo meia hora de morrer se arrependendo? A fama estaria garantida.

    ResponderExcluir
  9. A linha entre conscientização e ressentimento anda tênue nessa era de internet raivosa...

    ResponderExcluir
  10. Os Isolators esbravejam que devemos viver como em Bird Box.

    Os Negacionistas latem que não está acontecendo nada.

    Ambos estão errados.



    ResponderExcluir
  11. Eu queria saber se esse clima de "bem-feito" de alguns aqui, em relação a morte da ilustre desconhecida, tb recai sobre as bonitas e saradas que aglomeraram descaradamente no réveillon, por exemplo, pelo Brasil afora...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai é bem melhor qndo morre uma bonita/sarada privilegiada.

      EAT THE RICH

      Excluir