quinta-feira, 26 de março de 2020

A GLÓRIA DE DORIA

Precisamos falar sobre João Doria. Sim, sim, o governador paulista é um conhecido oportunista. Assim como o Alexandre Frota, ele é sempre um dos primeiros a correr para o lado onde o vento sopra. Por isto mesmo, é bastante significativa sua postura durante a pandemia da Covid-19. Doria deixou de lado o histrionismo e as fantasias de gari com que nos brindava no começo de seu mandato como prefeito de São Paulo. De repente, virou um estadista - ainda mais quando contrastado com o Despreparado que infectou o Planalto. Tem tratado esta crise com muita seriedade e responsabilidade. Também está se esforçando, é claro, para se mostrar muito mais confiável do que Coronaro. Fez questão de publicar na internet seu exame do coronavírus, coisa que Mijair jamais fará, porque todo mundo sabe que ele e Micheque deram positivo. Ontem ele peitou o ex-presidente em exercício durante a famosa reunião com os governadores do Sudeste, e depois divulgou o vídeo para todos os canais de TV. "Ãin, mas ele só pensa em se eleger presidente em 2022", dirá o gado. Não: Doria já deu provas cabais de que se preocupa valer com a economia e com a saúde da população. Mas claro que ele tem ambições presidenciais, e não há nada de errado com isto. Só o Bozo acha ruim, porque sabe que Doria será seu pior adversário. Para começar, não dá para colar nele a pecha de petista ou esquerdista. Para completar, há a possibilidade concreta da pandemia causar menos estrago em São Paulo do que no resto do Brasil, tanto no PIB como no número de mortes. Aí, baubau, Bostonazi já era. Quero ressaltar que João Doria nunca foi o candidato dos meus sonhos e que eu sigo com dois pés atrás em relação a ele. Mas, se a escolha for entre ele e o Biroliro, não será nada difícil.

25 comentários:

  1. Coronaro logo loga dará lugar ao Mourão. E aí o jogo para 2022 muda mais uma vez...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb estou seguindo esse raciocínio... A questão é: Qual tom os militares darão ao governo?

      Excluir
    2. Não sendo o tom da orquestra maluca que o Coronaro rege, já será um avabço.

      Excluir
  2. Até uma barata manca é meu candidato se Bostalino for para o 2o turno.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Contra o Bozo, #somostodosbaratamanca2022.

      Excluir
    2. Amei sua comparação. Barata Manca para presidente!

      Excluir
  3. Acho que ele seria um caminho alternativo ao Bozo, mas vai ser difícil de esquecer a banana que ele deu para a cidade de São Paulo e a campanha BolsoDoria. Se ele tivesse mantido uma postura de estadista desde sempre em cargos executivos, seria um bom nome. A ver.

    ResponderExcluir
  4. Tony, aproveitando o tema de eleição, vc tem acompanhado esse tema aqui na Alemanha? Antes de o Covid-19 tomar os holofotes todas as atenções estavam voltadas para a escolha do sucessor ou sucessora da Merkel, haja vista que a AKK abdicou de concorrer após a polêmica eleição em Thüringen. Pois bem, um nome aventado então foi o do atual ministro da saúde, Jens Spahn, bixérrima, que vem se destacando na gestão da crise do Corona. A situação da Alemanha é, até agora, admirável, e muito disso se deve a ele. Ele decerto sairá muito maior dessa crise do que no início dela. Logo, suas chances de ser o escolhido serão maiores. Será que teremos chance de ter um Kanzler Schwul? Vale a pena acompanhar o desenrolar dessa história.

    Gruß
    Bernhardt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho acompanahdo um pouco na situação na Alemanha, mas não sabia desse ministro da Saúde. Pink power!

      Excluir
    2. A Alemanha está em boa situação porque sempre cuidou do seu sistema de saúde. Independentemente de ministro.

      Excluir
  5. A situação do país é tão deprimente que até Dória é sensato, meu pai. Bolsonaro conseguiu mesmo afundar esse país.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chama o Lula para afundar mais. PQP!!!!! Temos o que merecemos!

      Excluir
    2. Estão vendo o pavor que o gado sente do Doria? Já estão chamando o Lula, que é inelegível.

      Minons, na boa: vocies têm que rever essa estratégia. Chamar o Doria de comunista, como eu vi hoje, não cola de jeito nenhum.

      Excluir
  6. E o Whitney Houston que DEU PRAZO pro Bozo até segunda-feira pra liberar $$$ pra aliviar os trabalhadores?
    Se o Bozo não obedecer (e não irá), o RJ vai fazer o quê? Declarar secessão? Guerra?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai contar quem come quem naquela família!!

      https://youtu.be/sgx9G0wI2Fw

      Excluir
  7. Auschwitzel no Rio também está seguindo o mesmo rumo... com a vantagem do Rio ter muito menos mortes que SP. Mas a capital tem um Crivella para atrapalhar, que quer reabrir comércio, escolas e principalmente igrejas neopentecostais. A boa notícia é que o prefeito de Niterói está dando um show: quarentena total na cidade, desinfeção de ruas, e inauguração de um hospital exclusivo para o coronavírus com 140 leitos com respiradores. Saiu até no Washington Post .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Auschwitzel"... Deus meu!!

      https://youtu.be/P5FxlAIWVGU

      Excluir
  8. Pensei que fosse falar também do mundo dos negócios: Doria, Witzel, China... quem sabe, né?

    ResponderExcluir
  9. Isso, isso, isso, apostem todas as fichas no Dória. Tenho certeza que o brasileiro médio vai votar nele. Certeza. SQN

    ResponderExcluir
  10. O Mio Babbino Caro
    Continuo com vergonha do tipo de políticos que conseguimos produzir. Aliás o que explicaria essa nossa capacidade de produzir tão bons artistas e tão péssimos políticos.

    ResponderExcluir
  11. Por falar em bons artistas: a lacrolandia não vai fazer doação, não? Que tal cada um doasse um milhão de reais para a compra de EPIs??? Tipo Faustão, Huck, Ivete, Xuxa, Anita, os sertanejos.... e muitos, muitos outros????? Esse valor é troco...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, minion desinformado, turupom?

      Xuxa já doou um milhão de reais e 300 mil sabonetes para profissionais de saúde.

      Leia mais a imprensa séria e saia do WhatsApp, bobalhão.

      Excluir
  12. Porra, o cara defendeu a MP q suspendia os contratos de trabalho. Flavio Dino do Maranhao e ibaneis de Brasília(o primeiro a decretar a quarentena) merecem muito mais credito. Bolsodoria, nao e nao.

    ResponderExcluir
  13. Estou escrevendo aqui, mas não publique ou aceite mais comentários. 24 combina perfeitamente.

    ResponderExcluir