terça-feira, 28 de janeiro de 2020

TAVA TARDE, JÁ TÁ QUASE

Depois de um período de carestia, voltei a ouvir música portuguesa. Mas não estou mais só no fado revisionista, à la Madredeus ou António Zambujo. O que anda frequentando meus fones são uns weirdos lusitanos, que vão do Salvador Sobral - um intérprete de vanguarda, apesar da vitória no Eurovision - a rappers como ProfJam, do vídeo acima (aliás, só português de Portugal para me fazer gostar de rap). O gajo é bem doido: não só as referências visuais de "À Vontade" são indecifráveis, como ele ainda foi internado no final de 2019 por causa de uma overdose. E quem mais eu devo escutar daquelas plagas? Alguma sugestão?

Um comentário:

  1. Querido Tony,

    Senti o repto e vou atirar para cima da mesa o último álbum da Lena d'Agua, "Desalmadamente". Deixo uma faixa:

    https://www.youtube.com/watch?v=4i8IPDbJQAw

    Espero que gostes. Que gostem.

    Beijinho e abraço,
    Susana

    ResponderExcluir