sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

O BOSO E BURO

Biroliro relinchou que os livros didáticos brasileiros têm que ser "suavizados". Isso mesmo: o presidente da Republica acha que as cartilhas de alfabetização são muito difíceis. O mais triste é que ele nem é nosso primeiro mandatário abertamente anti-intelectual: Lula também dizia que ler um livro inteiro era algo muito difícil, e só há notícia de que ele tenha feito isto depois que foi preso (mas não há provas). O que foi que aconteceu com os nossos critérios? Se eu reescrevesse a Constituição, instituiria que é obrigatório aos candidatos ao cargo máximo da nação ter, no mínimo, um diploma universitário. Ler e escrever livros também seria desejável. Mas nem mais nos EUA é assim: George W. Bush e Donald Trump romperam essa louvável tradição, e se gabam de suas ignorâncias. O tempora, o mores.

19 comentários:

  1. Se um burro pode ser presidente do Brasil, então porque os estudantes não podem ser burros? Democratizem a burrice. Chega da ditadura da inteligência :D

    ResponderExcluir
  2. Como diz a músice de mesmo título dos Pet Shop Boys, “Give stupidity a chance” :P

    ResponderExcluir
  3. se nao tivessemos o proposito de ser melhores/mais inteligentes/mais bem acabados/tantas outra designacoes ao seu dispor, e aqui melhoria nao eh algo subjetivo, eh *escolher viver* (pulsao de vida, leia freud) - nao eh uma ditadura de inteligencia, mas a sujeicao dos mandos/desmandos ditaduras opressoes aa inteligencia do homem que se recusa a ser um arremedo de macaco. Ser burro sempre foi for free e seu acesso irrestrito, my dear. Seja mt burro e feliz como burro. Agora agradecer e reconhecer a importancia de quem escolheu suar sangue para vc vir aqui defender ser burro como modo de vida eh obrigatorio sim.
    confissao: se a tony nao moderar melhor isto aqui, vai dar merda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu bem, no seu caso pessoal já se percebe que a burrice está bem free e democrática.

      Excluir
  4. "Lula também dizia que ler um livro inteiro era algo muito difícil, e só há notícia de que ele tenha feito isto depois que foi preso (mas não há provas)..." Mas nunca mandou reescrever livros para ficar ao seu gosto. Nem desestimulou o estudo de ninguém. Você podia passar sem essa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Lula não mandou reescrever livros. Você tem razão.

      Mas o meu ponto é o seguinte: era meio pecado criticar a falta de curiosidade intelectual do Lula (ele teve oportunidade de estudar depois de grande, mas nunca o fez). Porque só o Biroliro pode ser criticado por isto? eu quero um presidente culto e estudado, seja lá de que partido for.

      Excluir
    2. Certissimo Tony!

      Excluir
    3. "Porque só o Biroliro pode ser criticado por isto? eu quero um presidente culto e estudado, seja lá de que partido for". Já eu tenho um pai que é MUITO inteligente, q terminou o segundo grau já adulto e que não foi pra frente na empresa q trabalhava por falta de estudos formais, mas era quem levava a empresa nas costas e os inteligentes com diploma levaram a empresa à falência! Além do mais essa comparação Lula x Bolsonaro sofre de falsa simetria. Lula pode ser visto como "self made man" ou alguém q era operário e virou presidente (por isso era elogiado por Obama, já que isso é uma característica "bonita" para cultura americana). Estou como o anônimo Lula "nunca mandou reescrever livros para ficar ao seu gosto. Nem desestimulou o estudo de ninguém" afinal os IF q são difíceis de entra e sair voltaram nos governos Ptistas. Ciência sem fronteira, governos PTistas, etc.
      Nick

      Excluir
    4. A minha leitura é que o Tony tem como dever fazer sempre algum mimo à Direita. O que não o ajuda em nada, pois a Direita é ingrata, egoista só conta com ela mesma e já de provas aqui que de nada adianta esses gestos ridículos. Porém ele insiste como que a temer seus leitores "endinheirados", fazer o quê ele tem outras qualidades e vai continuar apanhando da Direita e pagando mico com essas assimetrias sim.
      G-

      Excluir
    5. Nananina, o Tony só deve mimos a si mesmo.

      Eu não minto aqui no blog.

      Excluir
    6. Parem de criticar o Tony! Ele não aceita críticas. Ele não é esquerda nem direita! Ele é radical de centro. Infalível, radical, e de centro!

      Excluir
    7. Obrigado! Finalmente alguém me compreende.

      Excluir
    8. CENSURADORA também!!!

      (A tornando assim extremista na minha opinião inteligentíssima...)

      Excluir
    9. Kkkkkkkkk IsentãoLeft!!!!!

      Excluir
    10. TONY quem você tenta enganar? Você apoiou o golpe e apoia Israel o estado criminoso dono do golpe e do Trump.

      Excluir
    11. "Israel dono do golpe"?

      O que você está tomando?

      Também quero.

      Excluir
  5. Morei minha infância toda em uma cidade muito pequena no interior de São Paulo, onde todos se conheciam, e lembro muito bem de admirar muito as pessoas que faziam ou tinham feito faculdade, na minha cabeça eram pessoas "superiores", com outra cabeça e visão de mundo, isso só se confirmou quando entrei pra faculdade que me abriu a cabeça ao mundo, mas hoje em dia vejo tanta gente retrógrada com curso superior, que realmente me faz ver que faculdade hoje em dia não é sinônimo de conhecimento ou inteligência. Mas não vejo um futuro para o país se não investir em educação

    ResponderExcluir
  6. Artigo ridículo. Quando Lula disse que ler um livro é difícil? E quem falou que pra ser presidente é necessário curso superior? Todos os anteriores de Lula tinham curso superior, inclusive os ditadores. Bolsonaro tem curso superior, formado na Academia Militar das Agulhas Negras. Curso superior não significa nada, principalmente neste país em que as pessoas só querem o diploma e continuam ignorantes. A maioria dos diplomados não é amiga dos livros. Tem governador que plagia pra título de mestrado. Fernando Henrique é um intelectual, mas não tem caráter e foi um péssimo presidente. Lula não tem curso suerior, mas procurou se informar a vida inteira e foi o melhor presidente que este país já teve. Há muitos acadêmicos bons para teoria, mas que não têm tino político. Por outro lado, há muitos "acadêmicos" que usam suas magistraturas como enfeite e escada para o poder. Há também muitos acadêmicos bons na teoria e na prática da opressão, esses sempre foram a maioria nos governos brasileiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lula disse que ler livro é difícil NA INAUGURAÇÃO DE UMA BIENAL DO LIVRO. Dá uma googlada aí.

      A aversão à leitura do ex-presidente é notória. Quando ele viajava ao exterior, o Itamaraty preparava um resumo de UMA PÁGINA sobre o país que ele iria visitar, e deixava sobre uma mesa no avião presidencial. Lula nem tocava no documento.

      A vida acadêmica de Biroliro é bem rala. A Academia Militar das Agulhas Negras não é conhecida pela excelência do ensino, e consta que ele foi um aluno medíocre. Nesses 30 anos de vida pública, Biroliro não tem nenhuma produção intelectual nem projeto de lei relevante (aprovou só dois na vida, ambos pífios).

      Curso superior não transofrma ninguém em super-homem, claro. Mas acho perfeitamente razoável exigir que o sujeito que ocupe o cargo mais alto da nação tenha bastante estudo. Lula Biroliro fizeram e disseram diversas bobagens que um pouco mais de cultura e afinco teriam evitado.

      De resto, toda opinião é válida. Eu acho, por exemplo, que FHC, com todos os seus defeitos, foi o melhor presidente do Brasil de 1960 para cá.

      Excluir