sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

LEBANESE BLOND


Sou chegado numa fusão, então era donné que eu iria gostar do som de Cyril Mokaiesh. Esse francês de 34 anos já faz carreira na música pop há um certo tempo, mas eu só o conheci há alguns dias. Seu álbum "Paris Beyrouth", como o próprio nome sugere, mistura a varieté moderna com influências do Líbano de seus ancestrais. É levinho de ouvir, mas a barra pesa quando a melancolia predomina. Ou seja, claramente eu.


Nenhum comentário:

Postar um comentário