quarta-feira, 9 de outubro de 2019

O POMAR DAS LARANJEIRAS

Passei três dias fora, pensando em Judy Garland e Steven Spielberg. Mas claro que não parei de ler as notícias do Brasil, e voltei hoje com Biroliro ameaçando sair do PSL. Diz que ele quer se afastar dos escândalos laranjísticos que assolam o partido, como se não fosse pai do 01 e amigão de Fabrício Queiroz. Talvez seja a deixa para que surja no país um partido organizado de extrema-direita, coisa que existe na Europa, mas não por aqui. Ou talvez seja só mais um sintoma da barafunda que alguns confundem por estratégia. O Bozo só tem um plano: o bem-estar dele próprio e de sua família, mais nada. Arminha, valores cristãos, combate à corrupção, tudo isso é só da boca pra fora. O que interessa mesmo é a mamata.

3 comentários:

  1. O 02 está sendo investigado pela mesma coisa que o pai: contratação de funcionários fantasmas tipo a "personal/comissionada" filha do Queiroz contratada e paga.

    ResponderExcluir
  2. O PSL não é extrema direita?
    Eita!
    Então pode piorar?

    ResponderExcluir
  3. O presidente do PSL falou que o Bozo já pode se considerar fora.
    Bozo: fui
    Bee-var: you can’t take away my dignity.

    ResponderExcluir