segunda-feira, 14 de outubro de 2019

COM TODAS AS LETRAS

A primeira edição brasileira da CPAC, a conferência teoricamente conservadora, deixou claríssimo o que de fato é: uma celebração do bozoarismo, cuja única ideologia é o bem-estar da familícia e seus agregados. Ninguém ali de fato acredita no estado mínimo, na autonomia do indivíduo ou em qualquer outra pauta realmente conservadora. Foi mais uma sagração do 03 como o principal herdeiro político de seu pai, já que o 01 está enrolado em rachadinhas e o 02 fala um idioma ininteligível no Sistema Solar. O fritador de hambúrguer ainda cometeu a gracinha de posar com uma camiseta propondo um novo significado para a sigla LGBT. Só esqueceu que faltam várias letrinhas, como o Q de "queer" - que, na versão bostominion, tem um significado evidente, embora meio difícil de encontrar.

11 comentários:

  1. Essa gente é dente ou quer aparecer?

    ResponderExcluir
  2. Ele disse na CPAC que quando mais jovem seu apelido era Buba (personagem hermafrodita da novela Renascer). Vai ver era pelo suposto micropênis... hehehehehe.

    ResponderExcluir
  3. A família Bozo é disfuncional e desestruturada _ Bozo pai 3 ou 4 casamentos , filho micropenis, filho gay atormentado dentro do armário , etc...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O suposto micropênis em si não é problema, ainda mais num bonitón como o 03. A questão é que estragos terá feito em sua mente, ainda mais numa família dessas.

      Excluir
  4. Eu não entendo essa coisa dos gays serem tão impermeáveis ao assunto de conservadorismo

    nos EUA é realmente uma conferência de gente séria, aqui foi só um comício a portas fechadas pras blogueirinhas Bolsonaristas
    Conservador de boteco não é conservador, essa galera xinga mãe quando você fala alguma coisa que os desagrada, conservador de verdade não ofende mulheres gratuitamente

    Muito recomendável inclusive os gays ler Ayn Rand e lerem mais sobre anatomia do estado, melhoraria de modo massivo a auto estima com a finalidade de não depender do estado pra serem legitimados, desde casamento até em direitos mais gerais

    Se já tem má vontade de evolução por conta dos héteros, quiçá dos gays que estão envoltos de tanta futilidade e superficialidade
    Triste

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura que você não entende?

      Titio Tonyzinho vai te explicar.

      A maioria dos conservadores (não todos) também é conservadora SOCIAL.

      É o popular "conservador nos costumes", que abrange a oposição ao aborto, ao casamento entre pessoas do mesmo sexo e a qualquer coisa que abale a estrutura da sociedade patriarcal.

      A maioria dos gays (não todos) não quer mais viver sob o patriarcado, que os rejeita.

      Não dá para apoiar quem não nos reconhece como cidadãos plenos.

      Entendeu agora?

      Excluir
    2. O que tem a ver pessoas que desrespeitam a dignidade de pessoas com conservadorismo

      Pensar desse jeito é ter o mesmo raciocínio binario dos fundamentalistas
      Pra mim conservador era Rothbard, não Silas Malafaia

      como eu disse, conservador de boteco não é conservador.

      Excluir
  5. ... e completando, a coisa era boa quando era só GLS a sigla

    Gays, Lésbicas e Simpatizantes
    Ai as lésbicas vieram com essa temática de botar o L antes do G por conta do machismo contra o sexo feminino, ai depois virou uma bagunça

    Criar siglas com mais de 15 letras não agrega ninguém, só serve de motivo de chacota pra hétero

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enquanto está só na chacota tá "bom". O RUIM é quando eles começam a MATAR.

      Que não é nada de novo aqui no país "cristão" "de bem".

      Tortura e arminha são só "detalhes".

      Será que tem carros fortes em espaçonaves??

      Explosão em caixa eletrônicos??

      Os extraterrestres se vendem sorrindo?

      Excluir
  6. https://noticias.r7.com/prisma/r7-planalto/moro-e-bretas-ja-receberam-meio-milhao-em-auxilio-moradia-26042019

    ResponderExcluir