terça-feira, 24 de setembro de 2019

NU NA ONU

A Laerte acertou em cheio. Conseguiu resumir, há uma semana e em uma única palavra, o desastroso discurso que o Bostonazi defecou hoje na ONU. Mas eu errei duas vezes. O primeiro erro foi apostar que ele não iria a Nova York. Quando ficou claro que o Despreparado estava mesmo pensando em viajar, achei que ele estava assustado com o desgaste político de um forfait, e que aproveitaria a oportunidade para tentar reverter a péssima imagem internacional de que desfruta no momento. Esse foi meu segundo erro: Biroliro é incapaz de qualquer estratégia que não seja a de falar para sua própria base, atualmente em torno de 12% do eleitorado brasileiro. O resto que se lixe: os líderes estrangeiros, a mídia, a opinião pública e, mais surpreendentemente, o pessoal que votou nele para tirar o PT. Mijair não parece interessado em conquistar novos adeptos, nem em manter esses recém-convertidos. Que se lixem. Só fala para sua bolha, cada vez menor. Por quê, ó raios? Suspeito que seja pela inexperiência de seu entorno. O discurso da ONU foi escrito pelo 02, Felipe Martins, Ernesto Araújo e o general Heleno. Nem mesmo este tem larga experiência na arena política, e os dois primeiros são moleques. Mas têm a mesma arrogância e pouca quilometragem que o tal do "gabinete da raiva", que fez com que o Bozo aumentasse a quantidade de falas polêmicas a partir de julho e só conseguiu que derrubar-lhe a popularidade. E ainda tem os detalhes técnicos: por que ele não consegue ler um teleprompter? Por que não põe logo os óculos? Por que só consegue falar "empredor"? Para o gado dele isso basta, mas para o resto do mundo e do Brasil, não. Um suicida?

24 comentários:

  1. Ele falou que acabou com o socialismo na América Latina quando mandou os cubanos de volta para cuba, e ao mesmo tempo disse que vai abrir o visto para os chineses no BRASIL. Kkkkkkk é o que dá votar em louco perdido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu votei nos lábios gostoso do Hadadd

      Excluir
    2. O problema da esquerda é que bateu o desespero e isso afeta a capacidade de avaliação. Não gosto do Bozo, mas o discurso foi impactante sim e digno de um estadista.

      Excluir
    3. Foi impactante sim, mas no mau sentido.

      E já deu para perceber que você não faz a puta ideia do que seja um estadista.

      Excluir
  2. Ele pensou que ia lacrar . Nimguem ligou . Angela Merkel dormiu, Macron disse que estava ocupado e não viu o discurso dele. Enfim descrédito a nível mundial está avancando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Descredito não, pera lá.. a Ucrania e a Argentina aplaudiram.

      Excluir
    2. Anônimo 16:55, who is argentina decadente and Ucrânia no cenário nundial???

      Excluir
  3. Ele pensou que ia lacrar . Nimguem ligou . Angela Merkel dormiu, Macron disse que estava ocupado e não viu o discurso dele. Enfim descrédito a nível mundial está avancando

    ResponderExcluir
  4. O mais incrível é ver os adeptos dizendo que ele foi "brilhante", que demonstrou "soberania nacional" e afins. Como se "brilhante" fosse uma palavra que cabe em uma frase tratando de gente deste tipo... e soberania? Com aquela nossa dívida externa, oi?

    Enfim, mais do mesmo. O melhor a fazer agora é esquecer mais esta vergonha e ir vivendo um dia de cada vez.

    Ah, e o colar indígena foi a apropriação cultural mais cafona ever.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daria um tudo para ter acesso à suas idéias, palavras e pensamentos quando amarraram o colarzinho nele e disseram vai...
      G-

      Excluir
  5. Ora Tony! Por que ele não consegue ler um teleprompter? Porque ele tem problemas.
    Resultado: ouviram ali na ONU as margens flácidas.

    ResponderExcluir
  6. O nosso erro é subestimar os medíocres, porque afinal eles são... MEDÍOCRES! Mas não há limites para sua mediocridade. A avaliação geral no centro político brasileiro formado pela intelectualidade do baixo clero é que o discurso não foi uma tragédia, e que ativou inclusive certos botões nacionalistas. Essa gente não entende que seus gostos pessoais pouco importam para a comunidade internacional, que quer ouvir cantarem sua cartilha. Um estadista competente diria as coisas que querem ouvir, sem dizer nada, sem se comprometer... Generalidade com flores. Bolsonaro não apenas disse o que ninguém queria ouvir, como se comprometeu com a pior agenda possível. Enfim, o buraco desceu dois metros para baixo.

    ResponderExcluir
  7. Aiiii que vergonha!!!!! A criatura "fala" um português terrível!!!! Plural passou longe e nem mandou lembranças!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Esquerdistas estão enfiando o dedo no cu e rasgando. Definitivamente o discurso de ontem foi uma das maiores vitórias do Bonoro. Outras virão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olhaí o delírio de um minion que não sai da própria bolha. Publiquei esse comentário só para meus leitores normais terem uma palhinha da doideira desses jegues. Recebi alguns outros comentários pró-Bozo, alguns tão longos que eu nem cheguei a ler tudo: foi tudo pro lixo. Como irá em breve toda essa ideologia ensandecida. Xô, terraplanistas mentais!

      Excluir
    2. Sê bichas. O quê levariam via dos a idolatrarem um cara assim?

      Excluir
    3. Me pergunto todos os dias...Não consigo entender tanto gay (inclusive conhecidos meus) a apoiar uma aberração que não esconde que nos odeia? Tanta gente aparentemente "do bem" apoiando - e replicando - as grosserias, imbecilidades e impropérios proferidos pelo seu "mito". Parece aqueles filmes sobre a ascensão do Nazismo, em que pessoas "normais" idolatravam cegamente o seu fuhrer...Tá ficando assustador...

      Excluir
    4. Os maçons preferem isso do que falar que os extraterrestres nos visitam PACIFICAMENTE POR DÉCADAS!

      Tudo gostam de usar o dinheiro deles para DAREM O RABO!

      Lógico que tudo em SILÊNCIO. *insert pop"star" fazendo dedinho no biquinho pra foto here*

      Excluir
    5. Ao Danny das 15h

      Isso sempre acontece quando o ódio é maior que o medo.

      Excluir
  9. 15:00 Ódio: Auto Ódio, Ódio a Pretos a Mulheres a Gays a Índios a Pobres e uma doença chamada Egoismo, os meus e mais ninguém, Inveja...e EU e mais ninguém um grande Camarote. A loucura e insanidade juntas com apoio dos grandes conglomerados capitais. A passear num sorriso pelas vitrines do mundo. (A resposta não se esgota).

    ResponderExcluir
  10. O melhor foi ver NINGUÉM apontando a hipocrisia do "mito" em falar que o socialismo na Venezuela foi um "sucesso", já que estão tudo pobre e desempregados.

    NINGUÉM para apontar aos zé-manés que o Sónabolsa não "comanda" da Suíça.

    https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/01/1948729-com-imovel-proprio-bolsonaro-ganha-auxilio-moradia-da-camara.shtml

    DEVERIAM também perguntar a ele porque ele não doa o salário dele de presidente que nem o Trump faz com o dele.

    Não é a toa que esse país é essa bosta corrupta que sempre foi.

    TUDO PASSIVONAS!

    Só gostam mesmo é de dar. Cheiradas! No whisky.

    Sem gelo.

    ResponderExcluir
  11. O NYT acertou no diagnóstico com perfeição: é o mini-Trump.

    Bora adotar o apelido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mini-Trump é o Dória: ator, empresário.

      O Sónabolsa é "político" de carreira.

      Excluir