terça-feira, 11 de junho de 2019

CINDERELA FLOP


Tem alguns filmes americanos que conseguem ótimas críticas, indicações a prêmios e bilheterias razoáveis, e mesmo assim não estreiam nos cinemas brasileiros. É o caso de "Oitava Série", disponível por enquanto apenas no streaming (ou em aviões - eu o vi no meu voo para Nova York). Trata-se um filme para adultos sobre a adolescência: é improvável que garotas da idade da protagonista Kayla queiram se ver desse jeito na tela. Elas preferem "Cinderela Pop". Isto não quer dizer que "Oitava Série" não seja otimista. Mas Kayla é um poço de inseguranças, e nossa vergonha alheia só aumenta quando ela grava vídeos de autoajuda para o YouTube que ninguém vê. Elsie Fisher está fantástica no papel, e concorreu ao Globo de Ouro de melhor atriz de comédia por ele. O ultracompetitivo ambiente escolar dos Estdaos Unidos funciona quase como uma casa mal-assombrada, repleta de terrores, e a gente só não sofre mais porque sabe que é só uma fase. Divertido, irônico e sem um pingo de pieguice, o longa de estreia do ex-youtuber Bo Durnham vale a pena. Até porque o diretor e a atriz irão longe.

2 comentários:

  1. Pois é, adolescência pode ser uma desgraça mesmo quando não se é um garotinho gay...

    ResponderExcluir
  2. Tony já notou que os únicos que peitam o governo da direita de.forma contundente são gays?

    Marielle Franco jean Wyllys e o jornalista americano Gleen, merecem o bracelete de ouro.

    ResponderExcluir