quinta-feira, 14 de março de 2019

QUE ÓDIO

Este post era para ter subido ontem, mas o massacre na escola em Suzano o adiou para hoje. Só que não é uma tragédia nova que me fará esquecer da tragédia anterior. A prisão dos assassinos de Marielle Franco traz um novo insulto à memória da vereadora e à inteligência de todos nós. É um acinte que setores da polícia carioca tentem caracterizar a ação de Ronnie Lessa e Elcio Vieira de Queiroz como "crime de ódio". Quer dizer então que os dois, que levam vidas de um luxo incompatível com as rendas que têm e mantêm um arsenal de dar inveja às Forças Armadas, passaram três meses tramando em detalhes o assassinato de Marielle e de seu motorista Anderson Gomes, só porque não gostavam das ideias dela? Porque não suportavam uma negra lésbica feminista na política? Ah, tá boua? O escândalo só cresce quando lembramos que, toda vez que um homossexual ou transexual é morto no Brasil sem motivo, a direita raivosa logo espuma que não existe crime de ódio por aqui. Mas se a vítima for filiada ao PSOL, aí sim, não é mesmo? Até os bebês que ainda não nasceram já sabe que tem gente graúda por trás dessa selvageria. Muitos indícios apontam para o MDB fluminense, que há décadas sufoca o estado e é o maior responsável pelo caos em que este se encontra. Pessoalmente, não acredito que o clã do Mijair esteja diretamente envolvido. Mas não dá para negar que eles vivem na maior promiscuidade com os milicianos, depois de tantas homenagens, empregos, vizinhanças e até namoros. A prisão dos executores foi só primeiro passo. Ainda faltam muitos, e não sei se seremos capazes de percorrê-los todos.

6 comentários:

  1. O delegado que prendeu estes dois acaba de ser convidado para deixar o caso e passar uma temporada na Itália. O Rio é governado pelas milícias, em todos os níveis e em todos os poderes.

    ResponderExcluir
  2. O Mio Babbino Caro
    TONY DEFINITIVO!!!!!

    ResponderExcluir
  3. https://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/SEGURANCA/573323-PSOL-VAI-DEFENDER-CPI-PARA-INVESTIGAR-MILICIAS.html

    ResponderExcluir
  4. Se houver aprofundamento das investigações, essas prisões podem ser o início do desmonte de um outro tipo de financiamento de campanha de políticos e de controle dos Poderes, assim como foi a lava jato em relação às construtoras.
    Milicias mandam no Estado e são donas de boa parte dos políticos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kd sociedade pedindo lava jato das milícias? Passeata, manifestação, panelas... A hora é essa

      Excluir
    2. Enfiaram as panelas TODAS nos cus!

      Que nem a Dona Marisa mandou!

      Excluir