quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

VIADAGEM SONORA

Fui convidado pelo Camilo Rocha do Nexo Jornal para participar do "Escuta", o podcast sobre música que ele faz com Guilherme Falcão. O tema desta edição são os novos artistas LGBT da cena brasileira. Os rapazes fizeram, em menos de meia hora, um panorama histórico de gays e afins no pop, com ênfase no Brasil. Eu apareço logo aos 3', mas vale a pena ouvir até o final. Ou melhor, escutar.

4 comentários:

  1. Sou da época do Sylvester. Nossa, quanta diferença! E comparar com Pablo Vitar! Jizuz!!!!

    ResponderExcluir
  2. Voltando aqui (fiz o comentário do Sylvester). Hoje os gays são muito, mas MUUUUIITO caretas. São chaaaaaatos. São insuportáááveis!!!!! Que bom que rodopiei muito com “You make me feel” !!!!!! C A R E T A S!!!!!!! KKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  3. A opção sexual ou gênero virou uma subdivisão da música? Esse Pablo Vittar cantando em falsete é patético . Só porque é gay é que entra em alguma pauta. O Ney Matogrosso sempre foi reconhecido pelo talento e não pelo fato de ser gay.

    ResponderExcluir
  4. Esse Pablo é um chaaaaaato. Uma voz horrorooooosa. É tudo tão datado.... zzzzzzzzzzzzzzzzzz

    ResponderExcluir