quinta-feira, 15 de novembro de 2018

LINDA E INQUEBRÁVEL


Prescisamos falar sobre Linn da Quebrada. Precisamos ver, discutir, prestigiar aquela que é, talvez, a artista mais importante do Brasil de hoje. Eu já tinha me impressionado com a desenvoltura da moça e a de seu sidekick Jup do Bairro no documentário "Abrindo o Armário", que monta um painel da moderna viadagem nacional. Em "Bixa Travesty", que abriu o 26o. Festival Mix Brasil, Linn tem um filme só para ela. E se expõe de todas as maneiras possíveis: toma banho com a mãe, as duas peladas, exibe as partes pudendas, aparece careca no hospital se tratando de um câncer. Às vezes é excessivo, às vezes é mais do que queríamos saber. Mas o excesso faz parte do show de Linn. Em cena, ela é uma Maria Bethânia pós-tudo, e ainda usa uma luva metálica que foi do Ney Matogrosso. Fora do palco, é uma figura inteligente, articulada e provocante, que esbanja autoestima e se afoga em fragilidades. Admito que não sou grande fã das músicas, se é que se pode chamá-las assim: estão mais para longos discursos com um beat atrás, sem melodia ou refrão. Mas a força das palavras e do visual é avassaladora. O filme de Claudia Priscilla e Kiko Goifman captura a explosão de uma supernova, que não vai estourar um hit no rádio nem tocar na trilha da novela, Nem por isso Linn da Quebrada deixa de ser fundamental. Dona do próprio corpo e carismática, ela também é um raio vívido de amor e esperança que à terra desce. Um país que produz Linn da Quebrada ainda tem jeito. Vamos precisar dela nos anos que vêm.

6 comentários:

  1. O Mio Babbino Caro
    Ela já havia dado alguns aperitivos de sua personalidade em seus clips em Corpo Elétrico e em Meu Corpo é Político. Acredito que tenha sido a coração com o Teddy. Isso me leva a questionar a superfície e o profundo. Existe uma enorme ebulição não captada e quando irrompem "a alta burguesia da cidade não acredita na história que eles veem na TV" o Poeta Daniel Marques (FSP 08/08/17) pode descansar sua obra tem continuidade à altura.
    https://www.facebook.com/djjuninhooo/videos/1811496682487088/

    ResponderExcluir
  2. https://www.youtube.com/watch?v=SGXfiBNnsWE&app=desktop

    ResponderExcluir
  3. Noss!!! Elx arrasa!!!! Me lembrou muito da "Bethania" dos anos 80 nos shows da buati HS na Marques de Itu.
    Bethania era formidável!!! Ela era muito amiga do Arrigo Barnabe, alguém do tempo se lembra?

    ResponderExcluir
  4. "a artista mais importante do Brasil de hoje."

    Autoengano, é você, meu filho?

    ResponderExcluir
  5. Eita! Nem de longe faz o meu estilo. Porém, tem todo o meu apoio. Não pq não gosto que não vou apoiar.

    ResponderExcluir