quarta-feira, 26 de setembro de 2018

BOSSA FINA É OUTRA COISA

Mal cheguei de viagem e já fui me enfurnar na Record. Mas o convite era irrecusável: a gravação do especial "O Fino da Bossa", que deve ser exibido em outubro em comemoração dos 65 anos da emissora. O programa comandado por Jair Rodrigues e Elis Regina marcou os anos 60, reuninado a nata da MPB de então. O revival de hoje também juntou um timaço: Gilberto Gil, Alcione, Elza Soares, Marcos Valle, Diogo Nogueira, Roberta Sá, Fernanda Takai, Paulo Jobim, Projota, Simoninha, Max de Castro, Jairiznho e, no comando, Luciana Mello e Pedro Mariano, substituindo os pais. Um elenco raro de se ver em qualquer TV aberta nos tempos que correm. Precisei sair mais cedo porque pretendia ir ao show da Nicki Minaj, mesmo sabendo que a qualidade musical da rapper americana está a léguas abaixo do que eu vi no estúdio da Barra Funda. Aí fui em casa para trocar de roupa e bateu aquele cansação. Fuén, fuén, agora só vejo o resto da "Bossa" quando for ao ar.

(tem muitas fotos da gravação no meu Facebook e no meu Instagram)

3 comentários:

  1. O Mio Babbino Caro
    Que bacana!
    Se Gil não cantar LOUVAÇÃO não vou perdoar...bem que Edu Lobo cairia bem nesse time não é não. E os pout-Pourri ficarão por conta de quem rss
    Nick Minaj já desbotou só sobraram as cobras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gil cantou uma das novas e "Domingo no Parque", dos tempos áureos da Record. Também participou do número final, com todos cantando "Upa, Neguinho".

      Excluir
  2. Q foda!! Qndo vai ao ar.. Vc sabe?

    ResponderExcluir