segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

XIIIIIII

A China é uma ditadura, mas tem gente que elogia o fato do país ser "administrado feito uma empresa". De fato, o sistema chinês de governo lembra o de uma multinacional. A máquina administrativa em si é mais importante do que qualquer indivíduo que venha a chefiá-la; ninguém pode ficar mais de dez anos como secretário-geral do PC e presidente, dois cargos que são acumulados pela mesma pessoa. Ou não podia. Ontem surgiu a notícia de que vão retirar da constituição o artigo que diz que o presidente só pode cumprir dois mandatos de cinco anos (o de secretário-geral não tem restrição, mas são sempre o mesmo sujeito). Isto quer dizer que o atual líder, Xi Jinping, pretende ficar no trono até o tizo criar bico. Ainda há a tradição de se afastar da vida pública aos 69 anos e Xi já tem 64, mas o que é a tradção quando o bem do povo clama por um reinado infinito? E assim a China se afasta do modelo impessoal criado por Deng Hsiao Ping e se aproxima de tiranias personalizadas, como a de Mugabe no Zimbabwe. O problema - para a China - é que assim o regime ganha nome e sobrenome, e é mais fácil se sublevar contra uma pessoa do que contra um mecanismo sem rosto. O problema - para o resto do mundo - é Xi Jinping ficar ainda mais poderoso do que já é.

42 comentários:

  1. Apenas a esquerda sendo a esquerda.

    Isso nos leva a uma conclusão: devemos fazer o possível para nós afastar da influência chinesa. A pergunta que não quer calar: quais os candidatos a presidência do Brasil nos garantiria independência, focando em acordos bilaterais? Para responder, tentem não levar em conta os aspectos meramente estéticos do político. Eu sei, é difícil...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostaria de entender essa lógica de totalitarismo ser esquerda. Ridículo isso, afinal a China é super hiper mega capitalista assim como os EUA. De "comunista " só sobrou o regime político, e olhe lá. O mundo amda muito mais plural que esquerda e direita, sem limites definidos, muitas zonas cinzentas, normalmente misturando o pior dos dois lados.

      Excluir
    2. devemos fazer o possível para nós aproximar da influência chinesa26 de fevereiro de 2018 16:36

      No inicio da década de 80 você tinha na China 1 bilhão e 100 mil habitantes, 700 milhões eram pobres e tinha os 400 milhões abaixo da linha da pobreza. Se você olhar hoje, de 1 bilhão e 300 mil habitantes, a China tem cerca de 400 milhões de pessoas de classe média alta, uns 500 milhões de classe média média e baixa e o resto ainda pobre. Criou desigualdade, mas cerca de 800 milhões de pessoas foram tiradas da linha da pobreza

      Excluir
    3. Miga das 16:36, será que vc não entendeu que é exatamente o advento dessa classe média que assusta o Partido Comunista Chinês. O crescimento da china foi operado pelos investidores ocidentais, após a relativa abertura no final da década de 1970. Agora a centralização estatal corre risco, eis a razão para a ação reacionária.

      Excluir
    4. Totalitarismo antes dos sovieticos sempre foi de direita, mas eram tiranos (reis e imperadores) com muito luxo e brilhos.. Bem ao gosto das biba.. Quem se importa se Catarina da Russia era uma tirana ? Se ela tinha palácios, tiaras e vestidos maravilhosos ? Né ?

      Excluir
  2. Tirando uma meia dúzia de jornalistas, ninguém na China se importa com nada disso, Tony. O avanço tecnológico e a possibilidade de enriquecer fez dos chineses mais capitalistas que os americanos. E está fazendo o país altamente moderno. Shenzhen, ali colada a Hong Kong, é altamente verde, com ônibus apenas elétricos, moderna, tecnológica, isso só pra dar um exemplo, a China inteira é só exemplos, as universidades atraindo alunos do mundo inteiro, nenhum chinês quer fugir de lá, os ocidentais é que estão querendo ir pra lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sonhadora das 15:49, os negócios por lá já não são esse paraíso na Terra de uma década atrás. Informe-se melhor e entenderá o busílis.

      Excluir
    2. nossa, quem é essa louca? Há comunidade de chineses imigrantes em todo mundo procurando melhores oportunidades, muitos ganham muito mal no país de origem, vivem em condições péssimas ainda hoje. E sugiro pesquisar o tamanho da dívida privada na China, que se rebertar, leva junto toda a economia global. A China é um país gigantesco e a bonita só da o exemplo de Shenzhen. Não fala das várias outras cidades com prédios inteiros vazios e várias obras de infraestrutura que não servem para nada.

      Excluir
  3. Tiranias personalizadas como a da Rússia, da Venezuela ...
    Lembro que Lula, no auge dos seus 80% de popularidade, chegou a cogitar fazer isso por aqui e se perpetuar no poder.
    Ainda bem que entre os seus pares ele não teve o apoio necessário.
    Porque a população com certeza já teria lhe dado o terceiro e quarto mandatos...

    ResponderExcluir
  4. O interesse da china é ser poderosa para criar estabilidade interna .

    China tem uma historia milenar e nunca teve a tradição de invadir países ao longo da sua historia como os americanos que utilizam o poder para apoiar ditaduras, invadir países , financiar terroristas, destabilizar países

    ResponderExcluir
  5. Os chineses estão no caminho certo. Nós é que estamos no caminho errado. Somos pouco competitivos, não buscamos novas oportunidades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma parte do mundo ocidental enfrenta a questão dos direitos humanos como se fosse única e exclusivamente problemas de direitos políticos, liberdade disso, liberdade daquilo, não levando em conta o problema dos direitos a vida, direito a habitação, direito a comida, que é uma questão central para os chineses.

      O Brasil devia copiar a maneira de pensar do chinês O chinês não tem pensa em termos de 4 ou 5 anos, ele pensa no mínimo em termos de 30, 50 anos, Depois, um acompanhamento da execução do planejamento de forma bastante séria, uma combinação muito grande de diferentes formas de propriedades, desde as formas públicas, estatais, até as formas privadas individuais, Uma agilidade pra combinar as coisas, combinar tecnologia nova mantendo as tecnologias tradicionais que permite a manutenção do emprego.

      Excluir
  6. Tem muita coisa boa na China. E o Brasil é democracia? E os EUA? Democracia vc acha? Acorda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai acessar um site pornô gay na China, vai.

      Excluir
    2. Já estive a trabalho na China duas vezes (tanto em Beijing quanto em Hong Kong). Em uma delas, fiquei hospedado em hotel do governo. Posso garantir, sites pornô entram quase todos. Principalmente, os de origem chinesa e em Hong Kong. Agora, os sites da BBC e New York Times, por exemplo, são raros. Na maioria dos dias tem acesso impedido, mesmo para estrangeiros. O problema nem é tanto a barreira, é a espionagem. Eles espionam tudo na cara dura. Até quando acessava o meu gmail aparecia uma mensagem enorme dizendo: esse e-mail pode estar sendo monitorado por terceiros. Lá, tudo que você fez na internet pode ser usado contra você algum dia. Esse é o problema.

      Excluir
    3. Mas Tony, talvez não vejam pornô gay, mas o governo adotou a regra dos 3 nãos, não apoia, não divulga e não proibe ser gay. Já vi vários videos de gays brasileiros lá que namoram chineses e nenhum reclama, a vida é ótima.

      Excluir
    4. Quando estive lá, pornô gay vi sem problemas. Agora, o site da BBC e New York Times viviam com "problemas de acesso".

      Excluir
  7. OS AUTORES DO MANIFESTO COMUNISTA, DEBATERAM ATÉ O ESGOTAMENTO, OS MODELOS EXISTENTES - E OUTROS - COMO UM MOTOR ECONÔMICO - DENTRE OS QUAIS O CAPITALISMO FOI INCLUÍDO - DE MODO QUE A RENDA DO TRABALHO SERIA IGUALMENTE DISTRIBUÍDA POR UM GOVERNO DE GARANTIA E, ASSIM, ACABARIA COM A BURGUESIA. CHINA VAI MUITO BEM, E COM ESTA MEDIDA SERÁ MUITO MELHOR PARA EMPREENDER A TAREFA COLOSSAL DE SER UM IMPÉRIO SEM UM IMPERADOR E UMA DITADURA SEM UM DITADOR PARA LIDERAR UM MUNDO SEM GUERRAS ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta mudança constitucional não busca perpetuar o atual presidente como Núcleo, e sim reforçar o poder do líder em um governo de um único partido para evitar a dissidência e guerras internas (e penetrações externas) pelo poder dentro dele, em uma espécie de "Ditadura inteligente", em um "governo de homens sábios", algo que se parece muito à "república ideal" proclamada por Platão.

      Excluir
  8. É um bom líder, e é melhor que fique um pouco mais tempo e mantenha a China no caminho que está claramente levando para um maior poder no mundo, o declínio dos Estados Unidos vem em um bom momento, o mundo ganha com essa civilização milenária

    ResponderExcluir
  9. A China age como a Disney. Vem adquirindo/comprando tudo. Aqui no Brasil (e em outros países em desenvolvimento também) vem firmando "parcerias" ou compras em diversas áreas. Só no Brasil, eles já compraram diversos acordos na área de pesquisa científica, espacial e de engenharia. Até um projeto de construir, por conta própria, um trem ligando o eixo Rio-São Paulo ao Oceano Pacífico, eles tem. Já há projetos de mudanças na lei para permitir que empreiteiras estrangeiras (chinesas) concorram em licitações de obras publicas com a desculpa que as empreiteiras nacionais estão falidas por causa dos desdobramentos da Lava Jato. Logo, logo compram até mesmo o nosso governo, se é que já não o compraram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje a China é a maior nação que tem títulos do tesouro dos Estados Unidos acumulados .China é a dona da divida externa americana. Os gringos estão na mão da china

      Excluir
    2. 18:22 Acho que é exatamente o contrário. Isso quer dizer que quem controla a liquidez chinesa são os EUA. Tanto que recentemente os chinas pararam de apostar nos títulos americanos e passaram a comprar ouro. Ao contrário do pregam os esquerdistas, o arranjo era mais ou menos o seguinte: a china produzia com ampla margem de lucro para o mercado americano, desde financiasse o modelo keynesiano do Partido Democrata. Com Trump, o esquema miou, e o P.C.C. entrou no modo desespero.

      Excluir
    3. *do QUE pregam
      *desde QUE financiasse

      Excluir
    4. nossa, quem são essas loucas das 21:15 ?

      A China está destinada a ser o guia para os países do mundo, agora que os contratos para o futuro do petróleo são negociados em yuan, as bolsas de valores da China tornaram-se o centro de transações mundiais de commodities

      as novas invenções como os satélites quânticos são chineses, os maiores computadores do mundo estão na China .- .. notável!

      Segundo o FMI , a China é a primeira economia do mundo, medindo seu PIB na paridade da moeda ... Agora, a China tem perspectivas de crescimento 7%. -... Realmente impressionante! ...

      A China também representa valores éticos na política internacional, respeito pela legalidade e não intervenção nos assuntos internos dos países .

      A China é a única nação que possui tecnologia avançado em todos os campos de produção, seja industrial, militar, espacial, de telecomunicações e robótica .

      A China é líder mundial, a que todos os países desejam aderir porque o mercado chinês é o maior do mundo, porque suas empresas são enorme com as tecnologias que dão um salto para o futuro .-

      Excluir
  10. A doença pÇolista que gera a defesa da Venezuela, leva o portador a idealizar a China. Deveriam comprar uma passagem só e ida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou de direita e amo a China. Queria morar lá e nunca mais pisar aqui.

      Excluir
    2. Engraçado, eu tive a sensação de que muitos dos que elogiaram a China nos comentários são mesmo de direita. Porque, além do capitalismo de estado, o país parece mesmo governado por uma corporação com poucos acionistas, dessas que não estão nem aí para o que os empregados pensam.

      Excluir
    3. Concordo, a China é tão comunista quanto o Mc Donalds.

      Excluir
    4. Tony, vc é monarquista, não deveria se surpreender com quem admira esse capitalismo de estado mão pesada da China, reis fazem algo bem parecido.

      Excluir
    5. A china está de parabéns27 de fevereiro de 2018 12:22

      A polarização é a pior coisa que pode acontecer para a economia. Tudo se torna simbólico. Você começa a se opor a determinada política simplesmente porque ela está associada a um partido de esquerda ou direita. Os debates estão se tornando cada vez mais difíceis. Não entendo as bichas que tudo tacha de esquerda ou direita . Ambos os lados, ao invés de debater, gritam uns com os outros. Eu gosto de me descrever como um pragmatista. Não importa de onde vem determinada política para o desenvolvimento econômico contanto que ela funcione

      Excluir
    6. “Eu não ligo se o gato é preto ou branco, contanto que seja bom em pegar ratos”27 de fevereiro de 2018 13:14

      12:22 Cingapura é hoje o exemplo mais bem sucedido de um país com desenvolvimento pragmático e não ideológico. Quando lemos sobre Cingapura nos jornais The Wall Street Journal e na revista The Economist sempre ouvimos falar da política de livre comércio e o acolhimento positivo que o país tem com o investidor estrangeiro. O que é verdade. Mas não se fala que 90% das terras do país são de propriedade do Governo; 85% das casas são de propriedade do governo; e 22% do PIB é produzido por empresas públicas. Eles têm um modelo pragmático de economia, que mistura elementos do capitalismo de livre mercado e do socialismo. Eles não são capitalistas, nem socialistas. São pragmatistas. Uma de minhas frases favoritas é de Deng Xiaoping , o ex-líder Chinês: “Eu não ligo se o gato é preto ou branco, contanto que seja bom em pegar ratos”. Isso é o pragmatismo.

      Excluir
    7. 13:14 Para os asiáticos, o tempo não é linear, mas circular e os eventos não são o resultado de decisões determinadas, mas há uma mudança contínua. E isso explicaria, entre outras coisas, porque os asiáticos estão confortáveis com contradições.

      Normalmente, os argumentos dos ocidentais estão mais focados no conceito de certo e errado, esquerda e direita preto e branco , e sempre acreditam que um dos dois lados deve estar certo, enquanto os asiáticos buscam soluções de compromisso. Quando uma proposta aparentemente contraditória foi apresentada em um experimento, os participantes asiáticos(chineses,japoneses, coreanos, etc) não descartaram que ambos eram verdadeiros, enquanto os ocidentais(americanos, europeus etc) eram mais propensos a rejeitar uma proposta a favor da outra

      Excluir
    8. 13:51 Para os orientais, tudo está inter-relacionado e em ocidente o que prevalece é uma certa cultura do ego.Ocidente, é uma sociedade mais individualista em muitos aspectos: a religião é monoteísta, a salvação é pessoal. Na Ásia, o indivíduo não é o eixo central: a sociedade é muito mais hierárquica. Há mais adoração à obediência e tudo mais relacionado ao coletivo é mais importante

      Excluir
  11. A China tem indices baixissimos de criminalidade, sonho da maioria dos brasileiros, exceto dos eleitores do Psol e PT, esses acreditam que crime é bom.

    ResponderExcluir
  12. O Mio Babbino Caro
    Talvez tudo isso seja possível em um país onde um cidadão pare uma Coluna de Tanques.
    Difícil é parar o avanço das FA no RJ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tava demorando pra ela apoiar os bandidos cariocas, é mau caratismo natural ou algum interesse por trás?

      Excluir
    2. E a mesma idiota de sempre, que não sabe lidar com crítica ou antítese, vem com a mesma ladainha. Cresça um pouco meu Senhor. A única coisa que vc, a essa altura consegue com essas suas observações rasas e ridículas, é criar um clima de rancor cancerígeno e vergonha no ambiente.
      VAZA SUA OBTUSA!!!!!!

      Tony está demorando vc fazer uma análise à nós, daquilo que vem ocorrendo no Rio, afinal as imagens produzidas pela Intervenção Militar das Forcas Armadas com a população e crianças em particular, submetidas àquilo tudo, jogam a imagem do Brasil em um lamaçal, no fundo de um poço.

      "GOD BLESS THE CHILDREN"

      Excluir
    3. Kkkkk incrivel como a esquerda consegue até inventar ibagens que não existem. Tudo obviamente pra ser contra qualquer coisa que não são eles que estão fazendo.
      Cadê a indignação quando Dilma fazia coisa igual?

      Excluir
  13. Mas viu o Last Week Tonight desta semana mostrando que a China está tomando o lugar dos EUA em soft power mundo afora?
    A China com certeza está se vendendo como país mais aberto que os irmãos do norte. Chovem ofertas de emprego pra dar aulas de inglês online pra chineses na minha caixa de emails

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No dia em que a China produzir uma Música melhor que a Américana, vou começar a pensar no caso rssss

      Excluir