terça-feira, 30 de janeiro de 2018

IL BISCIONE TI VA MANGIARE

As grandes cidades italianas gostam de criaturas míticas para representá-las. Roma tem a loba de Rômulo e Remo; Veneza tem o leão de São Marcos; Nápoles tem a sereia Partenope. E Milão tem o biscione, que significa cobra grande no dialeto local e se pronuncia "bichone", o que sempre faz meu Beavis & Butthead interior rir de nervoso. O biscione está por toda parte: nos muros do Castello Sforzesco, em todos os prédios públicos, no logo da Alfa-Romeo. E é de uma incorreção política admirável: o que ele tem na boca é uma criancinha, algo que lhe renderia acusações de pedofilia se fosse inventado hoje. Nham!

7 comentários:

  1. O Mio Babbino Caro
    Che Bello viaggiare!!!!
    Vamos ficar com a versão de uma serpente azure, dando à luz um ser humano.

    ResponderExcluir
  2. Já deu aquela voltinha no brasão no chão da galeria Vitorio Emanuelle?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiiim! Pisei com o calcanhar nas bolas do touro e girei três vezes.

      Excluir
  3. Bichone... Não sei se conseguiria segurar o riso ao escutar isso. Explica aí. Para que tripudiar em cima das bolas do touro???

    ResponderExcluir
  4. Amo uma biscione com um grande biscione entre as gambas ♥‿♥

    ResponderExcluir