quinta-feira, 21 de setembro de 2017

MONOGLOTAS

Um chefe de estado precisa falar um idioma estrangeiro? Não, é claro: não é isto o que determina sua capacidade como governante, e sempre haverá algum tradutor à mão. Mesmo assim, muita gente se incomodou com a foto ao lado, que revelou que Temer, o Velho, era o único presidente latino-americano presente ao jantar com Trump que não domina o inglês. Eu mesmo achei esquisito e, numa discussão no Facebook entendi por quê. Temer faz pose de intelectual, usa palavras pomposas em seus discursos e revira as mãozinhas como se fosse um aristocrata pedante. Mas pelo jeito não teve tempo, em sua longa carreira, de fazer um Yázigi ou um CCAA; devia estar muito ocupado roubando legislando. O curioso é que, se alguém manifestasse desagrado se fosse Lula que estivesse na foto, imediatamente seria patrulhado por preconceito e insensibilidade. Só que o fato dele ser um "incurioso" - palavra que se aplica também a George W. Bush - é frequentemente confundida por aqui com falta de oportunidade. Enfim, nenhum presidente precisa falar um idioma estrangeiro. Mas eu gosto mais quando fala.

25 comentários:

  1. "O curioso é que, se alguém manifestasse desagrado se fosse Lula que estivesse na foto, imediatamente seria patrulhado por preconceito e insensibilidade."

    Eis o duplipensar da esquerda pedófila em toda a sua magnitude. Pena que Tony, uma vez outra outra, ratifica essa gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou criticando, e não ratificando. Mas isto está além do alcance de um asno que usa o temo "esquerda pedófila", é claro.

      Excluir
    2. Gosto do seu blog e dos seus textos, Tony. Mas com novíssima enxurrada de loucos por aqui, vou dar um tempo. Vc não estimula a estupidez diretamente, mas dá espaço e permite que ela se espalhe indiretamente.

      A escolha é sua se quer ou não nos comentários viado justificando a homofobia e gente que vive a fazer teoria da conspiração sobre a "esquerda pedófila".

      Excluir
    3. Xeu ver se entendi, a bicha democrata quer censura no blog dos outros pra ela poder só ler o que a interessa.
      Aposto que gritou golpe ano passado.

      Excluir
    4. Tony, entendi sua crítica. Tentei escrever "uma vez ou outra" (não desta vez), mas o celular, para variar, trolou meu comentário.

      Quanto ao termo "esquerda pedófila", deixo de usar quando você para de chamar de "neofascistas", "asnos" ou "asininos", aqueles que se opõem à agenda esquerdista, combinado?

      Beijos.

      Excluir
    5. 14:09 é o mesmo anon. de sempre. Ele já tentou essa chantagem para calar quem ousa discordar aqui nos comentários. Tenho certeza de que jamais deixará este blog e seguirá esquerdando em suas opiniões tortas.

      Se estudasse e fosse intelectualmente honesto, conheceria as inúmeras conexões entre o movimento pedófilo, o movimento LGBTQ+ e a esquerda:

      http://www.vistadireita.com.br/blog/breve-historia-do-ativismo-pedofilo/

      Excluir
  2. Tony,
    O protocolo exige que em viagens internacionais o presidente sempre ouça tudo em português e só se expresse em seu próprio idioma através de intérpretes. Este protocolo já foi quebrado algumas vezes, mas normalmente isso é um convite para o desastre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um convite ao desastre com pessoas que não dominam o idioma, o que é o caso aqui.

      Excluir
    2. Temer jamais quebraria um protocolo. O erro da oposição é tomar o Vampirão por idiota.

      Excluir
  3. Fique tranquilo, Tony. Bolsonaro (aquele que don't burn the donut) já demonstrou dominar o inglês com uma profundidade que faria inveja a Joel Santana.

    ResponderExcluir
  4. Melhor não falar do que falar mal. Tipo o FHC, que chega a pagar mico falando...

    Aliás, nós cariocas falamos inglês melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você adora provocar, né?

      Depois não reclama.

      Excluir
    2. Quase todos os brazucas que conheço pagam mico quando falam inglês, mas a maioria deles tem certeza absoluta que arrasa.

      O João? Não! Ele é bom de língua.

      Excluir
    3. Sim! As cariocas falam ingres muito melhor... alunas assíduas nas cadeiras das saunas...imbatíveis!!!!

      Excluir
    4. Bom, estou aqui na Califórnia e posso assegurar a vocês que nós falamos melhor. Quando trabalhei numa poderosa multinacional onde havia muitos paulistas, também notei isso!

      Excluir
    5. UE vendeu a bunda pra multinacional poderosa?
      Deu bug no socialismo que defende aqui.

      Excluir
    6. Não há nada mais socialista do que achar que trabalhar numa empresa é se vender...

      Excluir
  5. Saporra tá virando um salão de beleza de tias que fizeram Mackenzie... fui.

    ResponderExcluir
  6. 16:11 Você tá chegando agora. Não viu nada. Mas com estômago forte da pra pescar umas coisinhas.

    ResponderExcluir
  7. A direita tem aversão a Temer ("ex" de Dilma), mas sabe que tirá-lo do poder neste momento é atender a interesses de parte da esquerda que quer inviabilizar as reformas. Sem contar que a economia deu uma respirada recentemente e os mercados estão mais calmos. Ó dúvida...

    ResponderExcluir
  8. A maozinha do Temer sempre me lembrou a daquele personagem do chris elliott, o mordomo, de todo mundo em panico 2.

    ResponderExcluir
  9. Tem aquela famosa nota dado anos atrás pelo então colunista Ricardo Boechat que dizia: Lula se encontrará amanhã com George W. Bush nos EUA. Um tradutor já foi solicitado pois, como todos sabem, Bush não sabe falar português".

    ResponderExcluir
  10. Tony, PRESIDENTE?! Esse homem?!! Um fantoche bizarro

    ResponderExcluir
  11. O Mio Babbino Caro
    Temer, o fruto da Mancenilheira, que foi o Golpe.

    ResponderExcluir