terça-feira, 1 de agosto de 2017

COISAS QUE A GENTE NÃO ACEITA

A lacrosfera está em fissão nucelar por causa do vídeo em que Pepê e Neném mandam um recado para Jair Bolsonaro. As duas cantoras são lésbicas e uma delas acabou de ter filho; deveriam saber que não podem misturar suas imagens com a do político mais abertamente homofóbico do Brasil. Mas guardem as facas, porque elas não estão exatamente manifestando apoio ao Bolsonazi, nem declarando voto nele no ano que vem. Basicamente, do jeitão tosco delas, só dizem que acham que nenhum casal, hétero ou gay, tem o direito de "passar dos limites" em público. Parecido com o que Ney Matogrosso já disse, embora em termos mais refinados. Alguma coisa errada?

Talvez, se lembrarmos que casais gays se lambuzando em público, "na frente das crianças", são raríssimos. O que temos de sobra - e mesmo assim só em certas regiões das grandes cidades - são casais do mesmo sexo andando de mãos dadas. Muito mais do que em qualquer país europeu onde o casamento igualitário já é lei. Faz parte do temperamento brasileiro essa efusão toda.

Mas eu mesmo moro perto da Paulista e jamais vi duas bibas se atracando à luz do dia, no meio da rua. Guardadas as devidas proporções, gente que reclama de manifestações de afeto exageradas me lembram os conservadores americanos que acham que mulheres trans irão assediar sexualmente as demais nos banheiros femininos: são reações a problemas que não existem.

OK, casais abusados existem, mas até hoje só vi héteros. E nenhuma artista famoso veio a público se queixar deles, muito menos gravou vídeo para o político mais explicitamente homofóbico do Brasil. Pepê e Neném erraram, não tanto no sentido de suas palavras - que traduzem um pensamento conservador, mas não autoritário - mas na maneira como as embalaram. Tocar em Bolsonaro é como tocar no Rei da Noite de “Game of Thrones”: ralou, fodeu. Isso a gente não aceita.

26 comentários:

  1. Achei desnecessário elas tocatem no nome do deputado fasci nazista.Mas entendi o que elas quisetam dizer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas o estranho é: porque se dirigir diretamente a ele? Isso tem cheiro de coisa armada. Bolsonazi pode estar querendo mostrar que tem gays que o apoiam, para aliviar a própria imagem. Ouvi dizer até que rolou dinheiro - as irmãs não emplacam um hit desde 1999...

      Excluir
    2. Assim como rolou grana quando ele pagou ou quis pagar o Amim pra fazer algo parecido.

      Excluir
  2. Odeio qdo gente sem importância alguma ocupa espaço na midia. Odeio mais ainda tudo o q vem junto com a polêmica, tipo: discussões intermináveis na timeline, textos nos jornais, blogueiros tentando se popularizar, programas de TV em busca da pior qualidade de audiência...

    ResponderExcluir
  3. Elas são crias daonde moro,em Nova Iguaçu.Uma vez indo na casa de minha noiva encontrei as duas pedindo carona no município de Queimados para ir a São João de Meriti.
    Mas rolar grana para apoiar esse verme bolsonarito é foda.Daqui a pouco aparece Sandra de Sá apoiando esse nazista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Minha noiva" como assim. Esqueçam pp&nenê...

      Excluir
    2. O Mio Babbino Caro
      Elas não são 1/2 malucas não... +15min. e só.

      Excluir
  4. E sabe a boa, a consternaçao de bolsonazis com o não apoio de gays a seu candidato. Mais é cada uma nesse mundo. É assim "nossa, mas como você é gay e não apoia o bolsonaro?" Seríssimo isso. Além da homofobia que a gente tem que aguentar a cada segundo, ainda tem dessas pra "incrementar" o ingrediente homofóbico.

    ResponderExcluir

  5. Chamar Bolsonaro de "nazista" e desqualificá-lo como inimigo dos gays, além de inócuo, demonstra que até um homem culto e vivido como o Tony ainda não se deu conta do fenômeno que ancora a popularidade do "Bolsomito". Pepê e Neném, apesar de suas notórias limitações, foram sensíveis o suficiente para entender o mundo real e traduzi-lo. Talvez, com as devidas proporções, Jânio Quadros sirva como base de comparação para uma análise mais justa.

    Esse recorrente embate histérico, travado contra quem quer que discorde, só evidencia a indigência cognitiva da nossa militância (cof-cof), que costumeiramente raciocina com o fígado.

    O deputado, ou "boneco" (entendedores entenderão), não é contra os gays. A bem da verdade, nunca foi. Só se opõe a uma certa AGENDA. E, contra esta, muitos de nós, a maioria silenciosa, também é, pois somos vítimas dela. Ney que o diga.

    Ademais, se continuarem seguindo a estratégia dos 'Jênios' da imprensa americana contra Trump, as chances de Bolsonaro irão crescer ainda mais. E sabecumé: depois do rei coroado, não vai adiantar reclamar nas redes sociais, ou torcer por um impedimento redentor.

    Justapor clichês e chavões não é pensar, queridíssimo blogueiro. Não se deixe contaminar pelos seus colegas, os "analistas" da Folha. Eles ainda não entenderam nada. Nada. O véu da ideologia de esquerda deixa quase todo mundo cego por lá, numa desastrada fusão de Kafka com Saramago.

    A propósito, se alguém mais ler este comentário, nem ligue. Não passo de um tolo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahaha
      Morri

      Excluir
    2. O crescimento das intenções de voto de Bolsonaro, nos dão a agradável sensação de que existem bem mais pessoas que pensam com o cerebro no lugar do "fígado" - como o Autor deste comentário (não do post, evidentemente) - do que nos faz supor a baixa cultura de nosso país, que compra o pacote do politicamente correto sem conhecer as verdadeiras intenções que residem dentro dele.

      Excluir
    3. É herpes mesmo, surge no exato momento que o organismo se debilita...
      DEFU INSTALA NOVAMENTE SEU PALANQUE
      NAZISTA NO BLOG.
      Talvez eu já esteja cansado e não aguente novamente aquilo tudo.
      Com sinceridade viveríamos melhor em um tempo de delicadeza porém...

      Excluir
    4. Defu só disse verdades.

      Excluir
    5. Tony é o que mais se aproxima do que vocês gostariam, mas NÃO É o que vocês gostariam. DEFU...DE

      Excluir
    6. Se opõe à mesma agenda que um Trump se opõe. É DEFU...DE

      Excluir
  6. Porque grunir é o novo discurso!

    ResponderExcluir
  7. Elas estão certas. Ninguém deveria ser obrigado a ver Nene e Pepe na rua, à luz do dia. Coisas assim deveriam viver escondidas mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk. Verdade mesmo. Arrasou no comentário. excelente observação.

      Excluir
    2. 09:58 Em se tratando de Brasil esse comentário vai além do "diz".

      Excluir
  8. Uma delas dia desses, a que teve um filho, tava batendo boca com a homofóbica da mara maravilha. Mas agora aparece gravando um vídeo assim. Meu deus, que ridículas, tu pode ta fodido financeiramente, mas nem por isso precisa de prestar a esse papel. Essas duas mostraram ser duas ignorantes, o melhor a fazer é passar adiante, não dá atenção a elas. E devem mesmo ter recebido do Bolso pra se prestar a esse papel. Daqui a pouco vão ta querendo mídia fazendo discurso contra homofobia. Deixa uma delas sofrer discriminação, daí vai gravar um vídeo dizendo que foi vítima lesbofobia e tal, e assim, gente, depois desse vídeo elas não tem que relatar nada sobre discriminação. O que falarem agora sobre preconceito ta completamente anulado por causa dessa brincadeira de muito mal gosto.

    ResponderExcluir
  9. Só existe Pepe and Neném dando aula de etiqueta , só existe a força do Bolsonaro porque nosso ativismo gay eé de péssima qualidade, rancoroso, visando lucro sempre, desagregador, e acima de tudo burro, aliado ao que há de pior no discurso da esquerda, como por exemplo apoiar países com ditadura socialista. Quem vai respeitar bicha assim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem é ser socialista, mas fazer silêncio a situação de gays em países comunistas/socialistas. Porque uma rápida pesquisa no google mostra o quanto de homofobia há em cuba, china, etc e tal. Daí no discurso de gays socialistas a situação dos homossexuais só é ruim no capitalismo. Ahã. Sei. É só no capitalismo né? Porque no comunismo a situação dos gays é muito boa.

      Excluir
  10. Por mais curiosidade que eu tenha não vou ver esse vídeo... Não dou mais views para o que não presta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu até tentei mas a vergonha alheia não me deixou ir além dos 30 segundos!

      Excluir