terça-feira, 27 de junho de 2017

PRONUNCIAMENTO À NAÇÃO


(a partir de 3:55)
"Portanto, não farei mais parte disto. 
Não servirei mais como alvo de vossas excelências. 
Todos me usaram por muito tempo.
Agora a festa acabou, a carona terminou.
Respeito o cargo demais para permitir que isto continue.
É por isto que estou anunciando a este comitê e à nação que, a partir das 18 h de amanhã, irei renunciar ao cargo de presidente dos Estados Unidos."

É foda quando o Frank Underwood tem mais dignidade e grandeza que o Temer.

20 comentários:

  1. Estamos numa situação em que uma democracia que, segundo a definição antiga, é o governo do povo, para o povo e pelo povo, nessa democracia precisamente está ausente o povo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a principal lição que Frank Underwood dá na série: corrupção tem a ver apenas com dinheiro. É desperdício de tempo... Já o Poder é sólido como uma rocha como sugere a abertura dos créditos iniciais da série em time lapse: prédios e monumentos de Washington estão imóveis e sólidos enquanto carros e nuvens passam rápidos.


      Impeachments, traições e ardis passam, mas o verdadeiro Poder continua por trás de tudo, em outra cena. E certamente não está nem na Casa Branca e muito menos no Palácio do Planalto.

      Excluir
    2. É perigoso dar liberdade a um povo que deseja escravidão? Bolsonaro cresce nas pesquisas. Os patos da FIESP já tinha oferecido um jantar para conhecer suas ideias, que todos sabemos quais são: defende a intervenção militar, é um amante do período da ditadura militar, e ele mesmo foi militar, defende a tortura, homofobia, racismo, cultura do estupro,cultura´e arte é vagabundice dos etc...etc...

      Excluir
    3. Tem que ficar atento o golpe da FIESP continua. O egoísmo pessoal, o comodismo, a falta de generosidade, as pequenas covardias do quotidiano, tudo isto contribui para essa perniciosa forma de cegueira mental que consiste em estar no mundo e não ver o mundo, ou só ver dele o que, em cada momento, for susceptível de servir os nossos interesses

      Excluir
    4. A ditadura tinha cara, e nós dizíamos é aquela, ou aqueles militares, o Hitler, o Franco, o Pinochet, mas agora não tem cara. E como não tem cara não sabemos contra quem lutar. Não há contra quem lutar. O mercado não tem cara, só tem nome. Está em toda a parte e não podemos identificá-lo, dizer «és tu». Mesmo as pessoas que lutaram contra a ditadura, entrando na democracia acham que não têm mais que lutar. E os problemas estão todos aí. O mercado pode tornar-se uma ditadura.

      Excluir
    5. 10:23 Bolsonaro começou a ter apoios importantes e disparou na pesquisa depois deste jantar na FIESP. Coincidência ou não os patos da FIESP são muito amigos do PSDB e PMDB . Vivemos num sistema de mentiras organizadas, entrelaçadas umas nas outras. e o jornalismo e a data folha que sempre divulga pesquisas favoráveis ao crescimento do Bolsonaro e o crescimento da rejeição do Lula pertencem aquele grupo que apoiou a ditadura militar no Brasil.O trabalho de convencer é uma falta de respeito, é uma tentativa de colonização do outro

      Excluir
    6. Os meios de comunicação têm grande parte da responsabilidade nisto, embora seja necessário perguntar quem move os seus fios. Por detrás há sempre um banco ou um governo. Um jornal independente? Uma rádio livre? Uma televisão objectiva? Isso não existe. Essa mistura, o tele-lixo e os meios de comunicação dependentes, provoca que a sociedade esteja gravemente doente

      Excluir
    7. 15:01 Talvez os especialistas na ditadura de mercado da FIESP e mercados financeiros, estilizara o fantoche Bolsonaro e este deixará de lado o seu fascínio pela ditadura mais arcaica de tanques militares

      Excluir
  2. E o último tiro no pé de Reinaldo Azevedo: defedende que a denúncia é mesmo baseada em ilações. geeeeeente, como pode? O homem só pode estar recebendo salário do PMDB porque todo mundo já sabe que a RedeTV não paga ninguém. http://www3.redetv.uol.com.br/blog/reinaldo/post/temer-vai-para-o-confronto-e-cita-escandalo-do-procurador-miller-ou-se-beber-nao-tente-dar-golpe/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho normal um colunista ter posicionamento político, seja à direita ou à esquerda. Mas o Reinaldo está deixando de ser jornalista ao tapar o sol com a peneira. Virou animador de torcida.

      Excluir
    2. Eu até ouvi o programa dele algumas vezes na Band News FM. Achei razoável o jargão dele de dizer que está lá para provocar a polêmica, o debate, o pensamento. Mas... né... ele é facilmente passável. No passado ele era um vício de maconha... leve, brisante e todo o bla bla bla da maconha. De repente, passou para um lance cocaína... rápido, ligeiro, ligadão, alucinante... agora tá um crakudo. Picos altissimos, sem razão de ser e que nada basta nunca. E vai definhar e ser a sombra do que um dia foi.

      Excluir
    3. Deixa que o Doria recolhe ele e interna bem longe.

      Excluir
    4. Mas de uma vez por toda.
      Foi para quem?
      Porque quem tinha um mínimo de percepção sempre viu o que esse lixo representava.

      Excluir
  3. Como esperar dignidade e grandeza de um rato que até ontem era parceiro de orcrim do PT?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deve rolar algum tipo de capim alucinógeno na dieta dessas criaturas que tudo é culpa do PT

      Excluir
  4. Bem, mas bem spoilerento esse seu post hein!
    Por minha sorte eu acabei de assistir esse epsódio e só falta o último.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mundo em chamas e a boneca preocupada com o próximo capítulo.

      Excluir
  5. O mio babbino caro
    Cansativo, repetitivo e verdadeiro: A vida imita a......

    ResponderExcluir
  6. Legal,me dando spoiller.Qual será mais?

    ResponderExcluir
  7. tony no aguardo de tua crítica da quinta temporada de house of cards. a quinta temporada tem uma queda de qualidade em relação as outras. os episódios 4,5 e 6 me deram uma cansada, coisa que nunca me aconteceu nas outras temporadas. e claire assumir interinamente à presidência enquanto frank ainda zanza pela casa branca? aff, tratou o espectador como idiota. ficou visível que a mão de beau willimon fez falta na quinta temporada.

    ResponderExcluir