quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

AQUECENDO AS PANELAS

Os panelaços traumatizaram os petistas. A qualquer tropeço do governo de Temer, o Velho, eles reclamam nas redes sociais: "Cadê as panelas? Hein? Hein? Hein?". Pois bem. Ontem elas fizeram sua rentreé na trilha sonora do país. Ainda de maneira incipiente, mas - pasmem - batidas por muitas das mesmas pessoas que as bateram antes, contra Dilma. O que a cabecinha binária dos petistas não entende é que os panelaços não eram contra as conquistas sociais ou o pré-sal, mas contra um governo corrupto e ineficiente. Agora temos outro governo, mas a corrupção e a ineficiência continuam. Então convido a todos para participar do próximo panelaço, que não deve demorar. Vamos arrebentar as caçarolas contra esses parlamentares que desfiguraram as medidas anticorrupção e viraram as costas à opinião pública. E nem venham dizer "ãin, bem feito, eu avisei": entre esses estróinas estão boa parte das bancadas do PT, PC do B, PDT e outras siglas que apoiavam Dilma. Bléim, bléim, bléim, bléim.

33 comentários:

  1. Eu sou saio pra bater panelas se a batição também for contra o Judiciário corrupto, Alckmin , Aécio etc...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gato escaldado tem medo de agua fria. Deputado do DEM encabeçando as medidas anticorrupção.Isso tem cheiro de ELEIÇÕES INDIRETAS JÁ

      Excluir
    2. 9:22, DEM partido herdeiro da ditadura contra punição de juízes corruptos tem é cheiro de DITADURA JÁ

      Excluir
    3. O relator do projeto, Onyx Lorenzoni, é do DEM. Ele até que apresentou uma proposta bem razoável. Quem a desfigurou foram, primordialmente, os deputados do PT, PDT e, claro, PMDB.

      Excluir
    4. O PSDB tb. Vários jornais publicaram hoje que Aécio está por trás fazendo lobby para aprovação de toda a tramoia. É o principal interlocutor entre os senadores e deputados.

      Excluir
    5. A maioria dos deputados do PSDB na Câmara votou contra a punição de juízes e procuradores, por exemplo.

      Mas o Aécio realmente desempenhou um papel vergonhoso. Votei nele no segundo turno em 2014, mas agora quero que morra. Com dor.

      Excluir
    6. O modus operandi do PSDB nas votações ontem segundo o Estadão: seus líderes participaram ativamente das articulações para as votações de ontem, e na Câmara ao perceberem que as medidas seriam aprovadas por larga maioria alguns de seus deputados votaram contra, ou por convicção mesmo ou por sair bem na foto. No Senado, Aecio foi o líder das articulações para colocar a votação em regime de urgência e ao perceber que a proposta seria rejeitada em plenário na hora do voto orientou a bancada a votar contra, para, novamente sair bem na fita. Vai ver que por isso o codinome de Alckmin nas planilhas da Odebrecht é "O Santo"! Ah, registre se que no Senado o Aloysio Nunes esteve contra as propostas desde o inicio.

      Excluir
    7. Tony, vraiment...Vc acha MESMO q o golpe n tem nada a ver com os 39 TRILHÕES repito TRILHÕES do pré sal????? Esse dinheiro ia mudar a história do país. Agora seremos eternamente um país de quinta. Parabéns!!!!! Vai assistir a rede CIA Globo o resto da vida.

      Excluir
    8. E btw, no início dessa operação marqueteira abusiva e patética o ministro da Rússia avisou a Dilma q a lavajato era uma operação americana.

      Excluir
    9. Eu gosto do Aécio, ele n é tão sociopata como os colegas de partido. Eu apesar dos defeitos do PT tenho simpatia pelo partido mas agora sou Ciro Gomes.

      Excluir
    10. Aécio sendo Aécio, e não é preciso dizer mais nada.

      Excluir
  2. ESTE PANELAÇO INCIPIENTE TEM AÉCIO E RONALDO CAIDO ATRÁS ? pesquisa, feita pelo Datafolha com participantes das manifestações de março na Avenida Paulista, mostrava que 51% não tinham partido favorito, mas que 37% preferiam o PSDB e 82% afirmaram terem votado em Aécio Neves (PSDB-MG) no segundo turno das eleições presidenciais de 2014

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, dessa vez o Aécio é um dos alvos das panelas. Afinal, ele foi um dos que instou Renan Canalheiros a fazer o Senado votar com urgência o pacote espúrio aprovado pela Câmara. A manobra foi derrotada por um grupo que incluía outro tucano: o senador Aloysio Nunes, nem mais afinado ao humor das ruas do que o idiota do Aecim.

      Excluir
  3. Tony, as panelas não foram contra a corrupção. Após a queda de Dilma as panelas foram todas guardadas. Vieram inúmeros escândalos mas a expectativa de retomada da economia, o dinheiro e os empregos já eram suficientes para retomar o estado de conivência de sempre...tipo: "roubem mas não tirem meu trabalho, meu carro, meu conforto, meu futuro". E isso não aconteceu....
    Eu não acredito que as pessoas queiram grandes mudanças. Elas estão vindo forçadamente pq já passamos de um ponto que não tem mais volta. Temo pela elite brasileira que não está preparada para essa mudança. Se pensarmos bem, é essa elite que proporciona a inovação essencial para o crescimento do país.
    Aprendemos mais uma lição: quem quer grandes mudanças hoje em dia tem que fazê-las por completo. Estamos apenas procrastinando o futuro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As panelas NÃO foram contra a corrupção??

      Olha o fanfic de esquerda aí, gente!

      Excluir
    2. Foram, mas eram mais barulhentas quando outro partido estava no poder! E quase não se ouve panelas contra um certos governadores certos estados (psdb:go e sp).
      Nick

      Excluir
    3. Tony, se a preocupação fosse a corrupção as panelas estavam tocando sem parar até hoje.
      O que a classe média queria era que, independente da corrupção, o emprego e as oportunidades continuassem a jorrar na vida dela.

      Excluir
    4. É pecado querer emprego e oportunidades? Não entendi.

      As panelas bateram em 2015 e 2016 por causa da corrupção na Petrobrás e do estado calamitoso da economia. Estão voltando a bater pelos mesmíssimos motivos. Você só confirmou o que eu disse: os protestos são contra a ineficiência e a desonestidade do governo. Qualquer governo.

      Excluir
    5. As panelas bateram contra a corrupção petista! Não ouvi nenhuma panela bater quando o Alckmin (e sua crise hídrica, superfaturamento em obras do metro, desvio de dinheiro de merenda escolar) aparece no Jornal Nacional! Em Curitiba, expoente máximo do "coxismo" brasileiro ontem nenhuma panela voltou a bater. Silêncio absoluto! Aguardemos a manifestação contra a corrupção do próximo domingo! Aposto meu título de eleitor como nem de longe terá público quanto a menor manifestação a favor do impeachment!

      Excluir
    6. O que surpreende é que o discurso velho e manjado de “combate à corrupção”, há mais de um século usado para desestabilizar governos populares e no lugar deles implantar governos conservadores, reacionários ou ditaduras, ainda seja capaz de cooptar e seduzir uma classe média que se julga ‘culta, inteligente e e bem informada’, mas que se mostra completamente analfabeta polícia, histórica e social.

      Excluir
  4. Psolistas também tem cabeça binária, e pra tudo, não somente pra panelas. Já comunistas do PCdoB não tem cabeça.

    ResponderExcluir
  5. Manda esses petistas baterem panelas contra os ladrões que se encontram no partido. Gente idiota. Incrível essa gente achar que Bolsa Família é política pública. Bolsa Família é esmola. Somente isso. E quando bem convém o petismo usa o Bolsa para fazer terrorismo, como a Dilma fez na campanha de 2014. Não estou de maneira alguma do mesmo lado que o MBL, Olavo de Carvalho etc. Preciso ficar só. Agora, enfrentar o PT, ah, eu enfrento. E nos últimos tempos desde que começaram a ser enfrentados de verdade neste país os petistas estão cada vez mais gagos, e não conseguindo sustentar suas ideias. Por que será, hein? Por que será?

    ResponderExcluir
  6. Tony, pensei que por acaso fosse soltar alguma nota sobre a vitória de Anderson Ferreira (PR) para à Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes (PE). O Anderson é um dos maiores parlamentares anti-LGBT da Câmara dos Deputados, e o fato dele ter vencido no segundo município mais populoso de Pernambuco é tenebroso. Jaboatão é uma cidade de grande influência social e econômica em Pernambuco. A gente falou do Crivella, porque o Rio de Janeiro é uma cidade importantíssima no Brasil, mas houveram outros homofóbicos eleitos em cidades sem a mesma importância do Rio para o país mas com importância regional e/ou local. O Brasil é um país ultraconservador. Só não percebe quem não quer. Ah, o Anderson é autor do Estatuto da Família. Enquanto as bee ficam se engalfinhando por aí, àqueles que querem nossa morte estão bem unidos Brasil afora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anderson Ferreira (PR) Tá explicado.

      Excluir
    2. Nossa, eu nem sabia disso. É gravíssimo. Vou investigar mais, obrigado.

      Excluir
  7. O mio babbino caro
    Citar PT é reducionismo, isso tudo vai muito além do PT, não é necessário repetir que todo esse enredo já estava traçado atrás do pato da Paulista. O Impeachement "foi uma encenação".(JB).

    ResponderExcluir
  8. Nicka se acha a agência reguladora dos panelaços.
    É o gerente de indignações da humanidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é isso, é que como homem gay, eu detesto hipocrisia! E sei quando nos julgam por ser gay e não julgam outros por falha de caráter!
      Nick

      Excluir
    2. Nick, meu garoto!

      Excluir
  9. Só um país como uma elite TOSCA!!!! E escravocrata como a nossa é possível um golpe como esse. Olha na França Hollande tentou a loi du travail tomou no cu agora n tem nem mais coragem de se candidatar

    ResponderExcluir
  10. Povo preguiçoso, o brasileiro. Batem panelas por falta de coragem de ir pras ruas! Tão medíocres quanto aqueles contra os quais protestam. Bando de tolos e inúteis. Merecem toda sorte de abuso, sarcasmo e perda de direitos e dignidade. Vão à merda,com suas caçarolas inúteis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai dar piti lá na esquina, aproveita e também vá a merda.

      Excluir