segunda-feira, 28 de novembro de 2016

O MAU VENCEDOR

Cheguei a preparar um post celebrando a derrota de Trump ilustrado com a imagem aí ao lado, para publicar no dia 9 de novembro. Meu proverbial pé-frio confirmou sua fama, e o texto jamais saiu do rascunho. Mas há alguns sinais curiosos no ar de que a eleição americana ainda não acabou. Hillary  finalmente resolveu endossar o movimento que pede a recontagem dos votos de Michigan, Pennsylvannia e Wisconsin, três estados onde ela perdeu por pouco - e bastaria uma vitória em dois deles para inverter o placar do colégio eleitoral. A probabilidade disso acontecer é remota, porque uma eventual discrepância geraria uma batalha judicial e terminaria na Suprema Corte (o que pode ser bom, porque neste momento ela ainda pende para os democratas). Mas o mais curioso é que faz três dias que Trump só fala de fraude em sua conta no Twitter. Fraude contra ele, é claro. Parece que o nenê chorão finalmente se mordeu com o fato de ter recebido mais de dois milhões de votos A MENOS que Hillary, o que joga uma sombra eterna sobre a legitimidade de seu mandato. Agora ele deu para reclamar que milhões de pessoas "que não poderiam votar" o fizeram em estados onde perdeu, como Califórnia, Virginia e New Hampshire. Tudo isto sem a menor prova, é claro. Trump está mexendo num vespeiro daqueles, porque os Estados Unidos têm mesmo um histórico de barrar o voto a quem tem direito a ele. Cada estado tem sua própria legislação e, como não existe título eleitoral, são notórios os esforços dos republicanos para impedir que negros e outras minorias cheguem às urnas. Mas não existem casos de democratas fazendo o mesmo. Este pequeno detalhe, é claro, não importa para Trump e seus seguidores, que espalham mentiras sem o menor escrúpulo. É um pesadelo pensar que essa turma chegou ao poder na maior potência do planeta. Mas ainda resta uma esperança: tenho cá comigo que os negócios sombrios de Trump o arrastarão para tantos, mas tantos escândalos por causa de conflitos de interesses, que ele não chegará sequer à metade do mandato. Será impichado, ou renunciará. Torço por isto, pêro no mucho. Porque aí quem assume é o vice-presidente Mike Pence, um homofóbico filho da puta...

39 comentários:

  1. "são notórios os esforços dos republicanos para impedir que negros e outras minorias cheguem às urnas"

    WHAT????

    Tony, escreve isso não, migo... Você está comprando a versão oficiosa dos fatos de uma forma pueril. Nem parece que sabe o que o Felipe (e outros tantos) não cansam de repetir para combater a desinformação:

    http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil/cultura/o-racismo-historico-da-esquerda/

    Só falta publicar a supostas cartas que citam Trump, encontradas em Mesquitas na... Califórnia! NYT não tá te fazendo bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reproduzo parte do texto do Felipe para quem não quiser copiar e colar o link:

      "Como um lembrete aos historicamente ineptos:

      O Partido Republicano se opôs à escravidão e lutou para aboli-la. O Partido Democrata, por outro lado, apoiou a escravidão e lutou para expandi-la.

      Em 1865, a 13ª Emenda foi aprovada com 100% de apoio republicano e apenas 23% de apoio democrata no Congresso.

      A 14ª Emenda, que deu cidadania a escravos libertos, foi aprovada em 1868 com 94% de apoio republicano e 0% de apoio democrata no Congresso.

      A 15ª Emenda, que deu aos escravos libertos o direito de voto, passou, em 1870, com 100% de apoio republicano e 0% de apoio democrata no Congresso.

      Enquanto isso, a Ku Klux Klan foi iniciada e composta por indivíduos que também eram democratas.

      Em 1957, o presidente republicano Eisenhower aprovou a Lei de Direitos Civis de 1957, enquanto o seu adversário democrata, Lyndon Johnson, opôs-se a ela.

      Em 1964, uma percentagem mais elevada dos republicanos do que democratas no Congresso apoiou a Lei dos Direitos Civis de 1964.

      Apesar desses fatos, os esquerdistas tolamente gritam que os republicanos são racistas.

      Eles são chamados de “racistas” por criticar o Fisco americano (Internal Revenue Service – IRS), por realizar a Convenção Nacional Republicana durante um furacão, por querer possuir uma arma para prevenir arrombamentos, e por mencionar “Constituição” ou “respeito pelos Pais Fundadores”.

      Eles são chamados de “racistas” por chamar Obama de “raivoso”, por dizer que Obama mente, por observar que Obama é privilegiado, por dizer que sindicatos mandam demais em Obama e por apoiar leis de identificação do eleitor.

      E talvez o mais ridículo: os republicanos são chamados de “racistas” por dizer “Eu quero meu país de volta”, por serem fãs de Hermain Cain, por lutar pela Segunda Emenda [que garante o direito do povo de manter e portar armas], por tentar impedir Obama de ser reeleito e por não gostar de Obama e do fato de ele ser presidente.

      Em última análise, essas falsas acusações de racismo minam a gravidade do racismo real e a história repugnante do Partido Democrata."

      Excluir
    2. Que beleza de texto. Só faltou ele esclarecer que, a partir dos anos 1960, os partidos Democrata e Republicano inverteram suas posições ideológicas. O primeiro se tornou mais liberal e progressista, o segundo virou o bastião do conservadorismo. Hoje tem republicano que DEFENDE o Sul na Guerra Civil, dizendo que se tratou de uma disputa pelos "direitos dos estados" (sim, o direito de um estado manter a escravidão legalizada).

      Ah, e fica a dica: gente séria não leva Felipe Moura Brasil a sério, tá? De nada.

      Excluir
    3. Pah! Gente séria quase nem clica em link da veja.

      Excluir
    4. O povo fala de conservadorismo sem ter ideia do que se trata. Recomendo começar por Roger Scruton. É leve, didático e quebra muito preconceito bobo.

      Excluir
    5. "O povo fala de conservadorismo sem ter ideia do que se trata. Recomendo começar por Roger Scruton. É leve, didático e quebra muito preconceito bobo." Os partidos trocam de posição edeológica, isso é claro, mas o anônimo sabendo disso, para não perder o rebolado diz "povo fala de conservadorismo sem ter ideia do que se trata", como se o que o Tony falou não fosse nada, pois o conservadorismo não é ruim. Pode até não ser, mas o PR agrupa pessoas como políticos evangélicos que lutam e votam contra os direitos gays e são pegos fazendo sexo gay.
      Nick

      Excluir
  2. Trump fala de fraude contra ele...Só isso seria motivo para cancelar as eleições e fazer outra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 15:13 seria engraçado ver toda gente que não votou, saindo para votar contra ele ou ela . Quem ganharia?

      Excluir
    2. OBAMA DECLARA GUERRA A TRUMP

      O primeiro voo comercial regular dos Estados Unidos , DECOLOU de Miami para Havana - Cuba hoje segunda feira coincidindo com as ameaças de Trump de interromper relações.

      Meia hora depois do vôo decolar de Miami, outro avião COMERCIAL cheio de turistas partia de Nova York, para Cuba

      Excluir
    3. 15:49 Obama deve estar comemorando com “Cuba Libre”

      Excluir
    4. Em Janeiro, Obama será passado. Adoraria que esquerdalha que faz turismo de luxo em Cuba ficasse por lá de vez. Seria perfeito.

      Excluir
  3. Bem vindos a uma nova era em que as pessoas abominam o conhecimento e a inteligência, compram casas com varanda gourmet, comem em praça de alimentação de shopping, fazem parte de camarotes vips, são tementes a deus e a igreja evangélica, são classificadas em meninas zz ou não, alugam salão de festas, escutam música sertaneja, elegem trump, dória, crivella e bolsonaro na espreita...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, o recalque das 15:36...

      Excluir
    2. O bom é ser favelado, é isso?

      Excluir
    3. Recalque? Não, o bom não é ser favelado, o bom é não ser bronco.

      Excluir
  4. Oi Tony,

    Desculpa fazer esse texto aqui, o problema é que na Folha é muito ruim de postar.

    Sobre o teu texto da série da NetFlix 3%
    http://f5.folha.uol.com.br/colunistas/tonygoes/2016/11/com-3-e-supermax-o-brasil-engatinha-na-ficcao-cientifica.shtml

    "A direção de arte não é orgânica, nem consegue criar um look próprio para a série. As locações têm cara de locações. E os figurinos são desastrosos. As roupas do pessoal do Continente, a terra devastada de onde os personagens buscam escapar, lembram as fantasias de mendigo criadas por Joãosinho Trinta para o clássico desfile da escola de samba Beija-Flor em 1989."

    Não sei se você é acostumado a assistir séries de ficção, mas pelo teu texto não dá para entender bem se você é conhecedor/gosta desse tema, fiquei na dúvida.

    Você já assistiu a série The 100? Outro, The Colony? Falling Skies? The Leftovers? ...

    Todos que mencionem têm roupas no estilo que você cita no texto daquele site. Você queria o quê, Calvin Klein? Se você se der um pouco ao trabalho e ver questões sobre Sobrevivencialismo, verá que essas séries estão muito próximas desses acontecimentos onde o BÁSICO é sobreviver!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aproveitando seu gancho: faltou dizer que 3% é uma overdose de clichês, principalmente o da "juventude oprimida lutando contra o mundo dos adultos maus", explorada ad nauseum em produções como "The Hunger Games" e "The 100", que apesar de péssimas e infantilizadas tinham ao menos alguma originalidade. No caso de "3%", o título mais adequado seria "0%" mesmo, pois não vale mais do que isso. Lixo total.

      Excluir
  5. Eu vejo a turma de direita reclamar do politicamente correto, mas até agora não mostraram a que vieram.
    Vcs vão começar ou não a desvelar preconceito publicamente contra negros, pobres e gays?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 16:25,

      Quem vive às custas de negros, pobres e gays são os esquerdistas, filhinho. Nós (de quase toda direita, tirando aquela cota de malucos que a esquerda também tem) somos pela liberdade do indivíduo. Coletivo de cu é rola, capisce? Que cada um viva a própria vida e seja feliz. Não sou obrigado a aceitar o Deus de ninguém, e ninguém precisar admirar ou conviver com o que eu faço com o meu traseiro. Simples assim.

      Essa estória de inventar luta de classes e fomentar preconceitos para liderar vitimizados é a artimanha da sua turba.

      Excluir
    2. 16:57 interessante. a liberdade do indivíduo significa estar fechado para as mudanças do mundo. "não ser obrigado a aceitar o deus de ninguém" significa ter aquela atitude preconceituosa velada...do tipo: "entendo mas não aceito"...sei...
      hummm...que a luta continue...

      Excluir
    3. A 16:57 Não nasceu na Europa, não paga analista e temos que suporta-la.

      Excluir
  6. 1-Foi a fantasia do "Pré-Sal" (um óleo de baixa qualidade, caríssimo para ser extraído, com seríssimos riscos ambientais, em um momento histórico que o petróleo tende a ser substituído) Se é de baixa qualidade porque tem empresas privadas do setor energético que querem uma parte do pré-sal? Você me fala de um momento "ambientalista" no mundo que está substituindo o petróleo por outras fontes, como uma coisa positiva e em outros posts falavam que o "ambientalismo" é uma invenção da esquerda mundial?
    2-"Essa estória de inventar luta de classes e fomentar preconceitos para liderar vitimizados é a artimanha da sua turba." X "15:00 Somo ricas, amore. KKKKK Nós fazemos algo melhor que trabalhar: damos emprego e arcamos com o custo trabalhista pavorosos dessa república de bananas. Beyjas." Os próprios direitistas dizem que não há a tal luta de classes, que é uma invenção da esquerda e principalmente do PT e depois em sua própria argumentação dizem "fazemos algo melhor que trabalhar" provando que há a tal luta inventada pelas esquerdas?
    Para entender esse comentário leia os posts:EL MUERTO CAMINANTE e O MAU VENCEDOR
    Nick

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nick, faz tempo que ja deu pra perceber o tanto que a coitada eh doida!!!
      Sabe como eh... muito medicamento junto com a idade avancada vira nisso...

      Excluir
    2. Nick,

      Primeiramente, bom dia! (Acordei cedo, pois tenho uma semana para fechar 2016)

      Segundamente (risos), vamos por partes.

      1 - O óleo do Pré-Sal brasileiro é do tipo pesado, ou seja, o custo de refino é bastante alto. Ainda assim ele é melhor que o óleo retirado do Pós-Sal. O problema é que com os preços baixos no mercado internacional e com a recente tecnologia de manipulação das reservas de xisto, a chances de se alcançar lucratividade estão bastante reduzidas.

      Quanto a "empresas privadas do setor energético" estarem interessadas em parte das reservas brasileira, isso chama-se capitalismo. Os gestores desses grupos fazem uma análise do eventual retorno (baixo , no momento), decidindo, se for o caso, apostar parte de seu capital nessa atividade de alto risco. No Brasil, por lei, apenas a Petrobrás poderia realizar tais investimentos, mas o PT destruiu a empresa (hoje, a mais endividada do mundo), e não restou outra alternativa além de buscar parceiros para uma empreitada caríssima e de recompensa incerta.

      Dito isso, você insiste nessa tese mofada de que a esquerda seria a expressão de todo o bem e de toda a justiça. Não é. A "virada ideológica" da esquerda que o Tony alegou, desculpa típica de militantes que negam a verdadeira história dos nefastos democratas (eu também já fui enganado), teve motivações bem pouco nobres. Na segunda metade do século XX, a KGB e a esquerda europeia concentraram seus esforços na guerra cultural em solo americano. Os intelectuais da Escola de Frankfurt foram a linha de frente dessa batalha. Esse pessoal percebeu um grande potencial de CONFLITO SOCIAL nas pautas do feminismo, do movimento gay, do ecologismo e do movimento racialista. Os pilantras nunca deram a mínima para mulheres, gays, natureza ou negros, basta ver como essas pautas foram desde sempre tratadas na URSS, em Cuba, na China e nos países anticapitalistas espalhados pelo mundo. O objetivo sempre foi promover o embate através do aparelhamento dos "movimentos sociais", pois a equivocada tese marxista acredita que o acirramento das crises no mundo capitalista ("mau") seria a porta para o "paraíso" socialista ("bom").

      Resumindo, a ecologia que interessa aos esquerdista é aquela que faz barulho nas ruas, impede que as pessoas cheguem ao trabalho, invade laboratórios, destrói pesquisas e dificulta que países não alinhados se desenvolvam. No fundo, eles só querem dar a impressão (na propaganda) de que querem o "melhor para o mundo". Só esquecem que as maiores catástrofes ambientais foram geradas por burocratizados governos de esquerda, e que a maioria das soluções limpas foram produzidas pelo capitalismo malvadão.

      Já o ambientalismo sem viés ideológico (usar menos recursos para produzir o mesmo, por exemplo) é excelente para o capitalismo. Gera mercado, diminui custos, incentiva o avanço tecnológico e faz muito dinheiro entrar no caixa. E você nem imagina como a solução objetiva dos problemas incomoda a esquerda, pois ela só "lucra" com crises que desemboquem em rupturas.

      (Adendo: No Brasil, pouco se conhece sobre os Republicanos, além da propaganda da mídia e da versão dos intelectuais de esquerda. Isso é tão evidente que até um homem culto como o Tony posta uma falácia sem base histórica para defender os "liberals". Um verdadeiro horror!)

      2 - O fato de alguém ser patrão e poder estabelecer os próprios horários não leva a nenhuma "luta de classes". Ao contrário, o exemplo é um estímulo para que os indivíduos empreendam e alcancem a própria independência. Quanto a "Fazemos algo melhor que trabalhar", parece claro, tirando a parte da pilhéria, que se refere a gerar empregos. E isso é bom pra todos, não? O problema é que países ideologicamente alinhados com a esquerda não desejam que seus cidadãos prosperem individualmente, preferindo que permaneçam na miséria e eternamente dependentes dos serviços estatais.

      (continua)

      Excluir
    3. ...

      Por fim, veja que a pessoa que usa o sofrimento de pessoas doentes como piada voltou (00:51 e 23:15). O modus operandi da esquerda é sempre o mesmo: destratar da foma que der o seu oponente: sem argumentos e com muito 'ad hominem', ainda que não faça nenhum sentido. Só não entendo o porquê de alguém usar como xingamento a situação de pessoas que estejam em tratamento.

      Por essas e por outras que mantenho distância de certa comunidade "LGBT". O meu fígado, por exemplo, desopilei semana passada com a compra de uma passagem para N.Y. Vou dar um up no humor fazendo compras para o Natal, durante uma semaninha! Depois volto, passo as festas com a família (nos tradicionais jantares de mamãe) e, em Janeiro, parto para duas semanas de descanso em Floripa. Já a Amarga do Mal passará seus dias observando o Minhocão da janela da quitinete. (Sim, contei porque sei que ela vai ler KKKK)

      Se bem que, pela estrutura e violência do texto, parece ser alguém com profunda perturbação mental. Por essas e outras que sigo comentando como anônimo. Infelizmente, o mundo está cheio de gente louca que odeia a felicidade alheia.

      Espero que tenha chegado até aqui.
      :*
      :D

      Excluir
    4. Cheguei e isso só confirma uma coisa: quero distância de quem acha que o Partido Republicano é bom! E não não foi a mídia, KGB, esquerda européia e qualquer agente esquerdista do mal que me influenciou a ter esse pensamento! Foram os americanos gays que escrevem blogs e que eu leio e não eles não fazem parte da "quadrilha" esquerdista! "No Brasil, pouco se conhece sobre os Republicanos, além da propaganda da mídia e da versão dos intelectuais de esquerda. Isso é tão evidente que até um homem culto como o Tony posta uma falácia sem base histórica para defender os "liberals"" O que vc acha desse comentário Tony? Pra mim só comprova que quem é de direita parou no tempo da guerra fria, pois todos que não concordam com ela são de esquerda!
      Nick

      Excluir
    5. Nick, qual foi a "falácia sem base histórica" que eu publiquei?

      É bom lembrar que o termo "liberal", nos EUA, tem o sentido oposto que tem no Brasil. Lá é sinônimo de esquerda; aqui, de direita.

      Excluir
    6. A :D é só carente, não tem outro meio de publicar suas análises sócio-políticas devastadoras, e fica aqui torrando o saco de quem vem ler crítica de cinema, pérolas músicais, e pitacos na política podre nacional. Se leva a sério e acha que é daqui para o mundo que trombetará a verdade dominante a partir do Sec. XXI para o futura e a humanidade. Pobre Napoleão de Hospício, estamos aqui tipo tirando onda o restante se resolve lá fora. Deful pega seu pijama e vá para os Alpes. Não tem grana para tanto...paciência, vamos continuar "brincando", não chore se eu lhe jogar areia....Doido é o seu pai rsrsrsrsr. VEIFTJ.

      Excluir
    7. https://bosguy.com/2016/11/29/stronger-together-taking-back-congress-in-2018/
      Nick

      Excluir
    8. 13:04 - Você acha mesmo que a :D não tem outros meios de divulgação de suas opiniões? Sabe de nada inocente. O trabalho dela aqui é apenas quebrar a hegemonia de um discurso equivocado dentro da comunidade. Quase um tipo de caridade.

      Excluir
    9. Nick,
      Quem você acha que influencia os blogueiros que você lê? E quais são as influências das influências deles? Busque sempre as fontes e as premissas! Ademais, durante muito tempo não entendi a presença de uma ala gay dentro do partido Republicano. Quando saí da superfície, descobri que a dicotomia 'Democratas do bem e Republicanos do Mal' era o resultado de um complexo processo de manipulação da realidade. Republicanos certamente não são anjos, mas Democratas também não o são.

      Excluir
  7. Mas a recontagem já confirmou que ele venceu em Wisconsin. Agora é relaxar e gozar. Sobrevivemos a 8 anos de Bush Jr. Acho que sobreviveremos a Trump.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado que não lembro dos "raivosos" e "intolerantes" direitista fazerem tanta cena e tamanha birra nas duas vitórias de Obama. E olha que detestávamos a figura política do democrata.

      Excluir
  8. Aaiii tia defu, fiquei tao emocionada com o seu depoimento no post anterior que as lagrimas rolaram...de tanto rir!!!! Ai como a sra ta doida de pedra!!! completamente descontrolada nos argumentos, mas nao estou a reclamar nao!!! e sim a incentivar mais comments, meu figado e a de muitas outras agradecem!!!

    Tenho percebido que a sra ta fazendo muito a linha snowflake, que pra sua idade nao combina de jeito nenhum, porem lhe mando um recadinho: Fuck your feelings!!!!

    Deu pra perceber tb que seu maior concern at the moment eh mm a falta de medicacao, como fiquei muito sensibilizada prometo que organizarei um crowdfunding, aguarde pelo delivery!

    Agora, quanto a sua outra condicao... e sim a de ser uma mentirosa compulsiva, very sorry my dear, there is no cure! Lo siento (rsrsrs).

    Num outro post a sra me criticou duramente (rsrsrs fiquei muito xatiada) por euzinha ter avacalhado com o revolting ape da trump que eh num estilo Ditador Chic, se o Saddam tivesse visto aquilo com toda certeza se converteria ao minimalismo!!!

    E por fim .... Nao!, nem se eu pudesse, te mandaria para o paredao (com certeza outras comrades nao hesitariam!), eu pessoalmente, nao gastaria uma bala na sra, porem, a mandaria de volta, bem trancadinha, no esgoto, lugar tal, que nunca deveria ter saido!!!

    Aiii como eu sou mah!!!

    Bye (rsrs)

    ResponderExcluir
  9. Aaiii tia defu, fiquei tao emocionada com o seu depoimento no post anterior que as lagrimas rolaram...de tanto rir!!!! Ai como a sra ta doida de pedra!!! completamente descontrolada nos argumentos, mas nao estou a reclamar nao!!! e sim a incentivar mais comments, meu figado e a de muitas outras agradecem!!!

    Tenho percebido que a sra ta fazendo muito a linha snowflake, que pra sua idade nao combina de jeito nenhum, porem lhe mando um recadinho: Fuck your feelings!!!!

    Deu pra perceber tb que seu maior concern at the moment eh mm a falta de medicacao, como fiquei muito sensibilizada prometo que organizarei um crowdfunding, aguarde pelo delivery!

    Agora, quanto a sua outra condicao... e sim a de ser uma mentirosa compulsiva, very sorry my dear, there is no cure! Lo siento (rsrsrs).

    Num outro post a sra me criticou duramente (rsrsrs fiquei muito xatiada) por euzinha ter avacalhado com o revolting ape da trump que eh num estilo Ditador Chic, se o Saddam tivesse visto aquilo com toda certeza se converteria ao minimalismo!!!

    E por fim .... Nao!, nem se eu pudesse, te mandaria para o paredao (com certeza outras comrades nao hesitariam!), eu pessoalmente, nao gastaria uma bala na sra, porem, a mandaria de volta, bem trancadinha, no esgoto, lugar tal, que nunca deveria ter saido!!!

    Aiii como eu sou mah!!!

    Bye (rsrs)

    ResponderExcluir
  10. Gente, um aviso urgente: nunca cliquem nos links que a doida defu posta pois sao todos RANSOMWARE !!!! Muito cuidado!!!!!

    ResponderExcluir
  11. Se o Pence vier a assumir está dentro da ordem do Partido Republicano, basta lembrarmo-nos da plataforma anti-LGBTQIfóbica do partido. Mas tem gay que endossa essa plataforma... Se Trump está reclamando de fraude, então consequentemente ele afirma (mesmo não afirmando) que sua vitória foi uma fraude. Michigan (16 votos), Pensilvânia (20 votos), e Wisconsin (10 votos), eram estados que a duas décadas vinham dando vitória aos democratas, se Hillary tivesse vencido neles teria sido eleita, mas teria que vencer nos três, não em dois. Um detalhe, em Wisconsin, estado majoritariamente branco mas considerável presença de população étnico-racial na região Sudeste, o legislativo controlado pelos republicanos aprovou dura lei de identificação eleitoral, fato ocorrido em outros estados controlados pelos republicanos. Já está comprovado que leis como essa, que visam dificultar cirurgicamente o voto do eleitor não-branco, diminui a presença desses eleitores às urnas. Mas, sinto informar, análises estão sendo feitas e está se chegando ao motivo de Hillary ter perdido em Michigan, Pensilvânia e Wisconsin. O motivo? Eleitores de tendência democrata que foram às urnas quatro anos atrás votar em Obama não fizeram isso agora com Hillary. Quem sabe esse pessoal não aprende a ir votar com o resultado desta eleição.

    ResponderExcluir
  12. O nome mais cotado para ser indicado à Suprema Corte por Trump, um notório homofóbico, infelizmente me esqueci o nome dele no momento, já legislou leis que previam que o sexo anal só poderia ser realizado entre casais heterossexuais, também já legislou contra a adoção de crianças por pessoas do mesmo sexo, e outras coisas a mais. Impressiona é que esses conservadores adoram falar em liberdade, mas desde que seja liberdade só para eles, claro. Abrem a boca para falar da intromissão do Estado na vida das pessoas mas não perdem tempo de invadir a vida dos outros. Também impressiona que essa direita cristã, que se diz a dona da "pureza moral no mundo", não perca tempo em falar sobre sexo anal, oral... Tem um monte de homofóbico presentes na equipe de transição de Trump, e que irão consequentemente ter cargos no próximo governo. Aguardando algum gay ainda defender o Partido Republicano. Aguardo porque existem, apesar da realidade depor contra vocês. Aguardo para rir vendo gays desse tipo defenderem o indefensável, demonstrando que não possuem amor próprio.

    ResponderExcluir
  13. Coincidentemente, de todas as eleições ocorridas entre Democratas e Republicanos em que quem venceu o voto popular saiu derrotado por causa do Colégio Eleitoral, em todas essas circunstâncias foram os Democratas que perderam os pleitos mesmo tendo mais votos populares. Excluo a eleição de 1824 porque ela ocorreu com outra configuração partidária. Portanto, o Colégio Eleitoral continuará a existir por longos anos. Liberais podem ser bem organizados nas guerras culturais. Mas são frágeis na organização de bases políticas-eleitorais. E como os Republicanos possuem fortes bases eleitorais, eles continuarão a apoiar o Colégio Eleitoral, que vai existir por muito, muito, tempo ainda.

    ResponderExcluir