sábado, 19 de novembro de 2016

"AQUARIUS" DA VIDA REAL

Amigos em comum me falaram muito bem de Marcelo Calero. Ele era o "one bright spot" do caduco governo Temer: jovem, esclarecido, competente - e o único homossexual assumido no primeiro escalão desde sempre. Mesmo assim, a classe artística não deu trégua ao ministro da Cultura. Pegaram no pé dele todos os dias dos poucos meses que ele permaneceu na Esplanada. Mas não foi por causa disso que Calero saiu. Foi por decência mesmo. Por não ceder à pressão de Geddel Vieira Lima para permitir a construção de um espigão numa área de Salvador protegida pelo Iphan. E assim a vida imita a arte, com um toque de ironia. Tal como a protagonista de "Aquarius", o filme que causou polêmica durante sua passagem por Brasília, Calero luta para preservar o patrimônio e evitar a especulação imobiliária. Tomara que sua denúncia desse escândalo seja tão cancerígena para Geddel Vieira de Lima quanto o cupinzeiro que Clara depositou na incorporadora no fim do longa.

42 comentários:

  1. Agora o ministério volta a ser de "notáveis", analógico e em preto e branco (aliás, só branco), como você falou noutro post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ué, foi exatamente a falta de apoio dos 'digitais coloridos' que deixou Calero sozinho na selva.

      A ideologia de vocês fez o único ministro assumidamente gay jogar a toalha. Se a máfia dos "artistas" não o tivesse abandonado, não seria uma batalha menor que faria Calero abandonar a guerra.

      Mas o totalitarismo da esquerda é sempre igual: perseguição sistemática e carregada de críticas impiedosas a quem não se ajoelha diante de suas "verdades".

      Excluir
    2. Vc leu o texto 16:01?
      Vc sabe interpretar?
      Tá aí um exemplo de como a pós-verdade funciona

      Excluir
    3. 16:01 A ideologia de vocês fez o único deputado assumidamente gay jogar a toalha. Se a máfia dos "artistas" não o tivesse abandonado, não seria uma batalha menor que faria Jean Wyllys abandonar a guerra.

      Excluir
    4. Os anônimos das 16:57 e 14:27 dera um duplo twist carpado de comentários nonsense. Seriam a mesma pessoa?

      Excluir
  2. Caiu ou foi caído? A história não é essa. Essa semana o Calero foi chamado pelo Elizeu Padilha pra conversar sobre as seguidas reclamações sobre a performance dele e o baixo tino político. Posteriormente foi chamado por Temer que o colocou contra parede.
    Assim como a Dilma, Calero não nasceu pra ser político. Muito arrogante, sem molejo, enrolado e ruim de discurso. O perfil dele não é pra Cultura mas mesmo assim usou a pasta pra catapultar a carreira de político profissional, o q sobra deles no Brasil. A prova está na tentativa de aprovar lei q separa a cidade do rio do estado do RJ pra recriar o estado da Guanabara. Uma,medida separatista e populista q agrada seu mínimo curral eleitoral de mauricinhos, vovós elegantes do Leblon (apenas) e monarquistas.
    Desculpem mas o Calero não convence. Aconselho buscar outra profissão. Ele parede um desses funcionários públicos mega privilegiados q trabalha uma vez por semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, ruim de discurso? Ele parece tao inteligente e bem articulado https://youtu.be/YjOByWZs11A

      Excluir
  3. Ele tentou salvar o resto do que lhe resta de reputação...só isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque verdade, justiça e reputação quer valha só existe na esquerda. Tá Serto...

      Excluir
  4. Marcelo Calero percebeu que ficar do lado de Aquarius(filme) só tem a ganhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque se não ficar... os snipers da reputação alheia estarão a postos!

      Excluir
  5. Vendo hj, acho que ele foi até ingênuo qdo aceitou o cargo.

    ResponderExcluir
  6. Por que as pessoas comentam com "Anônimo"? Medo de quê?...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comece a dar opiniões pessoais recorrentes entre as gays daqui e descubra por si só. Só não vale chorar depois...

      Excluir
    2. Acorda Alice. No auge do Pato aqui rolou ameaças de toda parte. Aqui você está lidando com uma direita colorida sangrenta digna de campos de concentração nazista. Mas não acredite em mim, repasse você mesmo os comentários desse recente período ainda gravado por alguns comentaristas desse blog à época. Verás que não estou mentindo. Fico por aqui pois só de lembrar me dá arrepio. Racismo, xenofobia, misoginia, homofobia foi pouco...

      Excluir
    3. E lidando com uma esquerda monopolista das virtudes, porém eterna vítima, tadinha.

      Excluir
    4. Li os comentários, 14:38, e quase toda a agressividade que li partiam de anônimos de esquerda. Só não me agrida por isso pfv.

      Excluir
    5. Mas não acredite em mim, repasse você mesmo os comentários desse recente período ainda gravado por alguns comentaristas desse blog à época. . Racismo, xenofobia, misoginia, homofobia foi pouco...

      Excluir
  7. Ele podia ter gravado todas as conversas (se eu fosse ministro, todo o meu gabinete seria bugado). Jogado na imprensa ANTES de pedir ou ser demitido e aí seria uma crise bem mais grave do que uma notinha na Folha. Do jeito que foi feito, Geddel vai negar até a morte e como todo governo golpista, vai só esperar a poeira baixar e Geddel seguirá firme e forte no governo. Diferente do PT que pelo menos cortava fora cada ministro que aparecia em escândalo (nem que fosse DUAS VEZES, como foi com o Palocci).

    ResponderExcluir
  8. Para Sempre Calero. Bravo!

    ResponderExcluir
  9. Spoiler desnecessário.

    ResponderExcluir
  10. OFF: E os defensores de Lula que pediram A PRISÃO de Sérgio Moro, na PGR??? Acho que essa foi a manobra mais desesperada da história do judiciário brasileiro.

    Aos advogados de esquerda: isso que dá passar a graduação inteira envolvidos com assuntos do movimento estudantil e não estudar, aBiguinhos!

    ResponderExcluir
  11. Acho que faltou um pouco de jogo de cintura no Calero. O Geddel foi um fdp como era esperado, mas o Calero tinha que bater de volta sem renunciar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Né? Podia sair rainha da cocada preta e expor o Geddel.

      Excluir
    2. Também acho. Todo mundo sabe que o Geddel é um fdp de carteirinha. O Calero era ministro de estado, pô, não pode agir como se fosse uma criança sofrendo bullying no colégio!

      Excluir
    3. Resumindo Não tinha que espalhar as bandalheiras.

      Excluir
    4. 14:22 Ninguém disse isso. Na minha opinião ele deveria ter continuado como ministro e denunciando esse tipo de coisa. Não adianta nada o cara pular fora e ser substituído por alguém que vai fazer o que o Geddel queria. Pra lutar contra a corrupção precisamos de pessoas fortes e com presença. Não adianta nada o cara ser um exemplo de lisura e moral se ele pula fora na primeira encrenca.

      Excluir
    5. Pulou fora porque foi deixado SOZINHO, porra. Muito fácil julgar do conforto da internet.

      Excluir
  12. Está mais do que claro que o Ministro da Cultura agora ex foi pressionado, só olhar para a cara deste tal de Geddel se vê a cara de pau! E outra coisa, como um ministro o tal de Geddel tem tanto dinheiro para comprar um apto de alto luxo novinho em folha? Este País é uma LÁSTIMA. Ontem na entrevista deste tal de Geddel repararam no relógio de luxo e aliança grossa de ouro do ministro? Tanto luxo tanta riqueza, só neste paiseco mesmo, onde as autoridades se sentem acima de todos e das leis, mas de DEUS não, um dia a casa cai para os "Geddeis" da vida!!!!

    ResponderExcluir
  13. Mostrou ter dignidade e ainda por cima sem querer representou os gays. Enquanto héteros são parte da lama, o 'ministro mais bonito da cidade' assumidamente homossexual preferiu não fazer parte da sujeira. Digno. Extremamente digno. E precisamos dar os parabéns ao Calero por ter conseguido aturar todo esse tempo esses artistazinhos mimados, sem noção, "críticos" do capitalismo mas fiéis consumidores do sistema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamos de pessoas fortes e com estrutura para mudra as coisas por dentro. Pular fora depois do primeiro problema não tem nada de digno, só mostra fraqueza e preguiça para enfrentar o inimigo. Que diferença seria se o Calero tiesse ficado para enfrentar o Geddel...

      Excluir
  14. Desde quando ou "onde" ele é assumidamente gay?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que preguiça de googlar, hein?

      Excluir
    2. Assumidamente gay pra esse pessoal é usar casaco rosa de latejolas e tratar todo mundo no feminino.

      Excluir
  15. Comeria Calero por 3 dias seguidos.

    ResponderExcluir
  16. Nunca saiu uma matéria na imprensa dita grande falando que ele seja gay, o que tem é blog em portal falando.

    ResponderExcluir
  17. O QQ KKK COMO ASSIM BRASIL ELE É HOMOSSEXUAL, DEIXA EU CHORAAAA...!!

    ResponderExcluir
  18. Interessante que não tenham dado ênfase ao fato dele ser gay. Não deixa de ser um avanço. Acho até que essa conversa pode ter sido gravada, pq bixa burra nasce morta, neam?

    ResponderExcluir