domingo, 23 de outubro de 2016

FORA, RENAN

Boa parte do Brasil se levantou contra Dilma Rousseff e ela caiu. Quase todo o país se levantou contra Eduardo Cunha e ele não só caiu como foi preso. O que está faltando para a gente se unir contra Renan Calheiros? O presidente do Senado é tão bandido quanto os mais notórios hóspedes da carceragem da PF em Curitiba. No entanto, seu estilo discreto e suas saídas pela tangente conseguiram que ele não se tornasse um alvo da fúria cidadã. Mas deveria. Renan é um dos epicentros da corrupção no Brasil e já deveria ter ido em cana pelo menos desde 2007, quando estourou o escândalo de sua filha bastarda, sustentada com dinheiro de propina. Tê-lo no comando de uma das casas legislativas é um perigo constante para a Lava Jato. O cara volta e meia faz ameaças, como agora, neste episódio da prisão de agente da polícia do Senado. Está mais do que na hora do "fora, Renan" virar um grito de guerra.

21 comentários:

  1. Quantos deveriam ir em cana e não foram!

    ResponderExcluir
  2. Renan, Temer, Aécio e Alckmin devem sair de vez da política.
    Esses caras representam, junto com o Cunha, o que temos de pior.


    ResponderExcluir
  3. Nossa que ingenuidade supra, Tony.

    A Dilma não caiu porque "a população se voltou contra ela", e nem o Cunha foi deposto e preso pela mesma razão. Eles apenas caíram porque primeiro a mídia publicou muitas matérias de tom negativo sobre eles, o que causou uma certa revolta popular contra eles, o que permitiu aos agentes públicos (deputados e senadores no caso da Dilma, deputados no caso do Cunha) a agir. E mesmo essa ação dos nossos parlamentares para depor Dilma e Cunha foi para salvar a própria pele ou para se promoverem perante seus eleitorados.

    Eu não estou insinuando que a mídia criou fatos negativos sobre Dilma e Cunha. Na maior parte foi apenas reportar os fatos mesmo. Mas é impossível negar que o fato de a mídia ter escolhido (e quando escolheu focar em Dilma e Cunha) tenha sido algo desimportante para o desfecho da história dos dois.

    Meu ponto é: não importa o que o povo quer. Importa, sim, o que a mídia quer que o povo pense. E como nossos políticos reagem em relação a isso. Prova disso é que o que não falta é governador corrupto que se mantém com aprovação récorde porque a mídia salva a pele dele (Alckmin, Rollemberg entre outros)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pergunte a qualquer pessoa qual foi o crime de Dilma: ninguém vai saber dizer.
      Pergunte a mesma coisa sobre o Cunha e todo mundo tem a resposta na ponta da língua: contas na Suíça com dinheiro de corrupção.

      Excluir
    2. Nossa. Assim não brinco mais de análise política, perde a graça. Quero ser enganado, é um direito meu.

      Excluir
    3. É isso aí, querido. Pão e circo para as massas. Ou vc controla ou é controlado.

      Excluir
    4. 16:46 Sério? Que vontade de se enganar, pois ocorre justamente o inverso. Todo mundo sabe responder é sobre as pedaladas de Dilmão. Cunha, tem gente que nem sabe direito quem é.

      Excluir
    5. "pedaladas de Dilmão" Aquelas que o Temer também faz e não é ou foi deposto? "Cunha, tem gente que nem sabe direito quem é." Será que é porque a Globo e a mídia em geral está focada no hipster da federal?
      Nick

      Excluir
  4. O mio babbino caro
    Não tem vigília contra a prisão, aí já era. Prende o Lula.
    Recolhe o cunha na carceragem. RENAN Aécio Temer Alckimin Dilma Sarney Moreira Franco Collor Padilha etc...
    "Fechado pra balanço
    Meu saldo deve ser bom
    O resto não dá despesa
    A minha vida contada"
    G

    ResponderExcluir
  5. Tê-lo na presidência do Senado e consequentemente do Congresso Federal, só revela o nível de gente que ocupa altos cargos no Brasil. Podem tirar Dilma, Cunha, Renan e tantos outros, mas de nada vai adiantar se o Brasil não mudar suas práticas, se a sociedade não mudar suas condutas. Brasil é um país fundado em valores depravados. Só não vê quem quer. Os exemplos, aos milhões, estão aí para mais do que comprovar isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outro que não sabe brincar de análise política e vai logo falando verdades que nos torna impotentes.

      Excluir
  6. Daqui a uma semana eleição no Rio. Crivella mais do que favorito. Se ganhar, deve, mas convém aguardar o resultado das urnas, é a comprovação mais nítida possível daquilo que o Rio De Janeiro nunca foi, uma cidade progressista. Grandes veículos de comunicação estão dando apoio indireto à Freixo, observem, está nos detalhes, algo sucinto. Não declararam apoio, até porque isso é uma prática incomum no Brasil e também tem o fato de que Freixo não faz o perfil de um candidato que esses veículos apoiariam rasgadamente. Freixo deve ter no máximo algo em torno de 44% dos votos, e se tiver, comemore, porque é uma votação altíssima dada suas condições de campanha. Outro candidato mais palatável do que Freixo enfrentando Crivella derrotaria o religioso fácil. Mas essa eleição no Rio foi de dispersão de votos. Nomes como Carlos Osório ou Índio da Costa estariam em uma posição muito melhor da que tem Freixo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Veja desta semana não foi nada indireta.

      Excluir
  7. Sei que não é o foco do post.. mas queria que vc se posicionasse contra a versão brasileira de Rocky horror, já que a a visão dos idealizadores é tão ultrapassada: http://teatroemcena.com.br/home/claudio-botelho-choca-com-comentarios-transfobicos-em-rede-social/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bizarro demais isso. Que escrotinho esse cara.

      Excluir
    2. Ridículo.. tava querendo ir assistir.. agora perderam

      Excluir
  8. O Renan é o cara. Admirável. Incaível. Ele e o Gilmar Mendes são os maiores expoentes do Legislativo e do Judiciário. (O Executivo não tem ninguém à altura...)
    E os dois, Renan e Gilmar, vão aprovar o projeto que pune abuso de autoridade. O Estado de Direito voltará a ser Estado Democrático de Direito. Chega dos abusos do judiciário.
    E, antes que venham me torrar, o cara foi eleito. Eleito PODE. Querem ser como ele? Disputem eleições e ganhem votos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esquerdinha sonso detectado.

      Excluir
  9. Talvez agora que ele ousou maldizer a casta do judiciário, quem sabe os processos contra ele não começam a andar mais rápido?

    ResponderExcluir