terça-feira, 24 de maio de 2016

MARQUETEIROS DELIVERY


Um dos projetos em que estou trabalhando agora tem a ver com marketing político, e por isto tenho visto tudo que eu posso sobre o assunto. Como o filme "Especialista em Crise", que nem chegou aos cinemas brasileiros e foi direto para o Now. Essa comédia fraca com Sandra Bullock é baseada num documentário sobre a campanha presidencial que o marqueteiro James Carville fez na Bolívia, no começo da década passada. Mudaram o sexo do personagem, arranjaram-lhe um rival também americano e deram à história um final feliz. Mas o timing de Sandra vale a pena, assim como seus cabelos maravilhosamente bem tingidos. E não é que eu aproveitei alguns insights?

Mais denso é o telefilme "Até o Fim", em exibição na HBO. Esse vem de uma peça de teatro, e manteve o mesmo ator no papel principal: Bryan Cranston, mais conhecido como o Wlater White de "Breaking Bad". Ele está irreconhecível como o presidente Lyndon Johnson, e não só por causa da maquiagem. Mudou o centro de gravidade do corpo, a voz e todo o gestual, e eu tive a sensação de estar vendo meu avô materno (que era a cara do Johnson). A trajetória desse figurão é fascinante: ele traiu seus pares e perdeu a chance de se reeleger, mas aprovou a maior parte da legislação que garantiu os direitos civis (leia-se dos negros) nos turbulentos anos 1960. Mas o filme não é bem sobre técnicas de marketing, e mais sobre os intestinos da política. Só quem tiver interesse sobre o assunto vai gostar - e se maravilhar com uma atuação que deve vencer todos os prêmios do ano.

12 comentários:

  1. Sandra Bullock não dá pra assistir. Ela fez um filme ridículo e com atuação mediana que lhe rendeu um Oscar. Ao invés de marketing político vc deveria fazer algo em direção ao marketing hollywoodiano pra entender como eles conseguem fazer as pessoas de idiotas tão facilmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei desse filme dela!!!!

      Excluir
    2. Verdade Tony! É só um produto perfeitamente vendido! E isso não tem nada a ver com a qualidade do produto em si!Mas o marketing...ah esse sim foi perfeito!

      Excluir
  2. Coxinha > Trouxinha > Escondidinha.
    A piada do dia.

    ResponderExcluir
  3. Tava pensando mesmo em ver esse "all the way" só pelo Cranston... é um coroa bem gostoso...

    ResponderExcluir
  4. Tony, assistiu Mera Coincidência, um filme dos anos 90 sobre a campanha presidencial americana?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e estou procurando por ele online para assistir de novo.

      Excluir
  5. Dois especialistas em mkt político estão na cadeia, esses sim dariam ótimos consultores.

    ResponderExcluir
  6. Prezado Tony,
    Sou um leitor assíduo do seu blog e da sua coluna F5. Entretanto, tenho perdido um pouco do interesse em ler suas matérias e tambem seus comentários no seu blog. A cada nova reportagem sua, penso mais naquela máxima "the world is full of people who talk the talk, but how many of us walk the walk?" De verdade, estou bem triste que minha admiração esteja acabando e fico me perguntando quando isso começou. Encontro a resposta em um de seus comentários sobre o Jean Willys e a cusparada e um daqueles górgonas evangélicos. E seu comentário foi algo do tipo "ele se expoe de mais e precisa ser mais contido". Ou algo do gênero. Infelizmente Tony, estamos num momento da nossa civilização que precisamos de mais "Jeans" que de "Tonys". A sua coluna não faria falta em nada a humanidade, mas um Jean e pelo que ele luta, sim. Você passou a assumir um comportamento que tanto despreza, o dos haters da internet. Vamos lá? Fazer um pouquinho pleo outro e sair de trás do laptop?

    ResponderExcluir
  7. Dizem que ela é uma "tranny"!

    Verdade ou não?

    Ela tem pomo de adão??

    http://www.closerweekly.com/posts/sandra-bullock-talks-adoption-baby-girl-exclusive-79988

    ResponderExcluir