sábado, 7 de maio de 2016

LUTA LENTA


Os filmes de kung-fu eram considerados o suprassumo do trash até Ang Lee lançar "O Tigre e o Dragão" em 2000. O diretor taiwanês deu tratamento de arte a um gênero extremamente popular, e o resultado foi um hit mundial premiado com o Oscar. Agora chega um longa que tenta deixar o wuxia (como esse estilo é chamado na China) ainda mais rebuscado. "A Assassina" levou o prêmio de melhor direção em Cannes no ano passado, mas quem for esperando ação de tirar o fôlego vai sentir um soninho... O ritmo é lento, e algumas cenas de luta são cortadas de repente, sem que a gente saiba quem ganhou. A história - uma garota treinada para matar, que é punida quando mostra compaixão por suas vítimas - também não é das mais fáceis de acompanhar. Pelo menos o visual é deslumbrante, das paisagens misteriosas aos figurinos de luxo.

Um comentário:

  1. Parece interessante!

    Recentemente vi o trailer de um filme asiático de fotografia belíssima tbm, mas pudera é do cultuado Park Chan-wook. O filme se chama The Handmaiden.

    Segue o trailer:

    https://www.youtube.com/watch?v=7Sqexz3uFJA

    ResponderExcluir