domingo, 22 de maio de 2016

50 TONS ACIMA


Kate Winslet é uns 15 anos velha demais para ser a protagonista de "A Vingança Está na Moda". Mas isto nem é o que causa mais estranheza neste filme australiano, baseado num romance que fez muito sucesso por lá. Toda a produção está vários tons acima: nos figurinos, no roteiro, na direção e, principalmente, nas atuações. Todo mundo ligeiramente mais over do que seria necessário para uma comédia negra. E quem é tão divertida assim: do meio para o final, a coisa desanda e assume ares trágicos, para acabar de um jeito que justifica o título brasileiro (o original era mais simplismo, "A Modista"). O longa ganhou um monte de prêmios no equivalente dos Oscars na Austrália por falta de concorrência, mas não tem nada de mais. É como uma sobremesa exótica: bom para variar o cardápio.

3 comentários:

  1. É um filme muito bicha, por isso vale tudo Vionnet, Dior, golfe nos telhados, Cinderela rural. Winslet tem idade boa - 50 anos - para essa visita da jovem velha senhora sem Dürrenmatt. E, convenhamos, o filme pode não ser uma Brastemp, mas ela está muito bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Winslet tem 40 anos (tinha um pouco menos quando o filme rodado). O problema é que seus supostos coleguinhas de infância têm todos 25. Não orna.

      Excluir
  2. tinha esquecido o quanto winslet eh boa. velha? tah linda! acho q desde titanic nao a vejo fazendo um personagem tao marcante. esse foi um dos filmes mais divertidamente esquisitos que jah vi. parece novela com teatro com sessao da tarde dos anos 90 ;)

    ResponderExcluir