quinta-feira, 28 de abril de 2016

QUANTOS ANTONIOS?

E também Aantonio, Antonhio, Antoniho e outras variantes que só podem ser sacanagem. Estão todas no site Nomes no Brasil do IBGE, que desde ontem se tornou modinha nas redes sociais. O meu nome, por exemplo, teve o auge de sua popularidade nos anos 1960, justamente a época em que eu nasci, quando ele batizou mais de meio milhão de meninos. Hoje este número é cinco vezes menor, mas ainda tá assim de Antonio por aí. É curioso ver a evolução de nomes que não eram comuns algum tempo atrás, como Thiago ou Jéssica, ou constatar o quase desaparecimento de outros, como Neusa ou Evaristo. Também dá para saber o estado onde o nome é mais popular, às vezes com algumas surpresas. Antonio, por exemplo, é mais comum no Ceará - e não é que meu pai era cearense?

34 comentários:

  1. Surpreendente mesmo foi ver que a terra do Maicon é Santa Catarina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembrei de um boy lindo que peguei em Florida... chamado Maicon.

      Excluir
  2. A senhora não se faça de louca que todo mundo sabe que seu primeiro nome é Luiz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, meu nome completo é Luiz Antonio Barreto Goes. E gosto que meu Luiz tenha essa grafia antiga, com z. Mas nunca me senti Luiz, porque nunca ninguém me chamou de Luiz. Meus apelidos - primeiro Tonho, depois Tony - sempre foram baseados no Antonio. E toda a família do meu marido me chama de Antonio. Então Antonio eu sou.

      Excluir
    2. Tony é nome de cabeleireiro.
      "Vou cortar meu cabelo com o Tony",

      Excluir
    3. Tony é bem melhor que TONHO, que fique bem claro. Tá ótimo assim.

      Excluir
    4. Tonho q fofo!!! Hahah...Tony Guy famoso cabeleireiro

      Excluir
    5. É Tony & Guy, BICHA BURRA! São dois irmãos. Excelentes cortes de cabelo. Caríssimo. Só cortei duas vezes, mas foi o(s) melhor(es) corte(s) que tive na vida! A mulher era FERA!

      E depois a doida aqui sou eu...

      E depois dessa estória toda, o Tony não deveria censurar UM post meu! Pois foi tudo obra de Deus!

      Excluir
    6. "ESTÓRIA".

      Paro por aqui.

      Excluir
    7. Melhor mesmo, BICHA BURRA "NORMATIVA" TACANHA!

      Estória é sinônimo de: história, trama, enredo, narrativa

      http://www.dicio.com.br/estoria/

      Se voce não sabe, História é o que aconteceu no passado. Estória é um conto. Narração. Estória da carochinha.

      Não HISTÓRIA da carochinha.

      Excluir
    8. Anônimo 19:47, esses anônimos que adoram dar uma de inteligentes: http://www.dicio.com.br/estoria/
      Nick

      Excluir
    9. Mais bem explicado está no Michaelis

      http://michaelis.uol.com.br/

      estória
      es.tó.ria
      sf (gr historía) Narrativa de lendas, contos tradicionais de ficção; "causo": "Ouviram atentos aquelas estórias de mentira, da ‘mula sem cabeça’, do saci, do curupira. Mais tarde tiveram que mergulhar fundo nas histórias de verdade, para saber como foi construído o Brasil" (Francisco Marins). E. em quadrinhos: série de desenhos, em uma série de quadros, que representam uma estória, com legendas ou sem elas. E. da carochinha: conto da carochinha. Estórias do arco da velha: coisas inverossímeis, inacreditáveis. Estória para boi dormir, gír: conversa enfadonha, com intuito de embair; conversa fiada. Deixar-se de estórias: evitar rodeios, indo logo ao ponto principal.

      O Tony contou uma estória SOBRE a história do nome dele!

      Excluir
    10. Se bem que muito da nossa "história" são meras ESTÓRIAS!!!

      MENTIRAS PURAS!

      Excluir
    11. Engraçado que o único Tony que conheci na vida (antes do charmoso dono desse blog) foi uma bichona velha e gorda que trabalhava, com compreensível sofrimento, na cantina do meu colégio. Centenas de crianças berrando, desorganização total, todo mundo pedindo ao mesmo tempo, e o pobre lá, atendendo.

      Excluir
    12. Mas as normalistas sentem necessidade de corrigir até o incorrigível, e aqui tem de montão.

      Excluir
    13. Desde 1943 que história só tem UMA grafia em português. Estória foi uma viagem lisérgica proposta por um membro da ABL pra copiar "story" do inglês (nossa república velha é cheia de idéias copiadas dos americanos), mas que não vingou e não faz parte da norma culta.

      Poupem-se deste mico.

      Excluir
    14. Como a senhora é culta, o orgulho da repartição.
      Poderia informar sem empáfia.

      Excluir
  3. Cristiano (sem o h) é um nome gaúcho, e teve seu pico na década de 70, década a qual faço parte. Quase tudo certo, sendo que sou carioca. Minha mãe falou que foi bastante popular durante a novela Selva de Pedra, nome do protagonista da mesma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "década a qual faço parte"

      Impressionante a dificuldade das pessoas em usar com acerto os conectivos.

      Excluir
  4. Tava demorando pra alguma wasp de esquerda como a lá do topo zombar de nome que não faz parte do circuito jardins em que ela rebola. Elas se sentem européias só porque são fistee em dungeon sujo em Berlim.

    ResponderExcluir
  5. O mio babbino caro
    Minha mãe D. Ordalia, ficou muito chateada, de nem aparecer na estatística eheh

    ResponderExcluir
  6. Nossa... Quanto gt má e recalcada nos comentários...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o fruto dessa temporada, estão todas amargas

      Excluir
    2. Amor, desde 2000 que a internet vem virando campo de batalha. Não façam a carola da vez. Não finjam que vivem em um mundinho cor de rosa só povoado de fofos e suas fofurices. É tão ridículo esse papel de horrorizadinho da mattel.

      Excluir
    3. Não sou obrigado a me conformar com isso.

      Excluir
  7. Acabei de ver esse vídeo e lembrei do seu blog: https://www.youtube.com/watch?v=3EEAYXLTTDM
    Nick

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho curiosidade para saber o nome da Monotemática, desconfio que ela na verdade seja uma mulher quarentona.
    (Você sabe que tem muitas leitoras mulheres que não são sapatonas, não é sabe Tony?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o que voce vai fazer contra minha censura de pensamentos, 09:28?

      Ou a famosa: "Liberdade de Expressão e Pensamento" que rege várias constituições mundiais.

      Inclusive das Nações Unidas?

      Excluir
    2. Cada faxina é um flash, só uma bicha seria capaz desses delírios monomatemáticos.

      Excluir
    3. Falou falou e não falou PORRA NENHUMA.

      Típico de brasileiro ATRASADO FALADOR.

      Veja os números de "desenvolvimento" do Brasil e se enxergue lá, BICHA BURRA SEM NOÇÃO!

      Vai procurar briga com quem MERECE, OTÁRIA.

      Excluir
  9. Tony, depois coloque o seu nome e selecione sexo Feminino.

    Vão aparecer 8.854 pessoas!!

    ResponderExcluir