quarta-feira, 2 de março de 2016

LIVRE, NASCI COMO A BRISA

Há mais de 30 anos que as pessoas bem informadas sabem que Paulo Maluf é ladrão. Há pelo menos uns dez que até seus eleitores também sabem. Isto não os comove, pois ainda caem na esparrela de segurança + grandes obras que o ladravaz divulga há décadas. Tampouco comove a Justiça brasileira, que mantém esse larápio livre como a leoa Elza, apesar das muitas provas em contrário e das condenações no exterior. Hoje a França sentenciou Maluf, sua mulher e um de seus filhos a três anos de prisão. Ninguém irá em cana, claro - este é só mais um vexame para o Brasil, o de hoje. O desta manhã. Mas por que o gatuno permanece intocável? Porque, bem ou mal, Maluf ainda comanda um grupo político. Cada vez menor, é verdade, mas que ainda tem peso suficiente para servir de fiel da balança. Ele já vendeu seu apoio aos tucanos, e hoje vende aos petistas. Em 2014,  uma substituição de última hora feita por Dias Toffoli garantiu que Maluf não fosse enquadrado na Lei da Ficha LimpHAHAHAHAHA. Revendo outros posts antigos (como este ou este) que já fiz aqui no blog sobre o bandido, me bateu de novo aquele desânimo ensurdecedor. Um país que não consegue se livrar desse parasita não tem jeito.

(Para os menores de 50 anos: o título do post remete à versão brasileira do tema do filme "Born Free". Ouça aqui na interpretação magistral de Agnaldo Timóteo.)

33 comentários:

  1. Luciano Mangabeira2 de março de 2016 18:08

    Tony, a frase correta é "livre, nasci como a brisa"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tony,

      Em país esquerdista - seja do esquerdismo social democrata, do trabalhismo, ou de alguma outra vertente vermelha -, a corrupção sempre corre livre tal qual brisa. Não há o que fazer quando psicopatas estão no poder.

      Resta ouvir o "fascista, nazista, homofóbico, branco e de olhos azuis" Bill Whittle em um momento indiscutivelmente brilhante:

      https://goo.gl/cRgoir

      Ainda assim, a reboque da ausência de lógica elementar, os imbecis seguirão rumo ao abismo, arrastando todos os demais. Resta o alívio de saber que ao menos não serei dragado sem a resistência pública de uns poucos que ainda têm voz.

      :~~

      Excluir
    2. No país esquerdista, o Maluf nasceu e cresceu dentro da Arena, à direita do espectro político e partido governista durante a ditadura - ou como queiram alguns, a Revolução de 64. Realmente, não há o que fazer quando psicopatas estão no poder, e a ditadura que a direita implantou no Brasil é prova cabal disso. Maluf, ACM e Sarney mandam abraços, esses varões de Plutarco que NUNCA cederam à corrupção.

      Excluir
    3. As The Weeks opinativas, recomendativas de superando.

      Excluir
    4. 21:48

      Búúú a di-ta-du-ra vai pegar você!

      Aquela que em vinte anos fez trezentas e tantas vítimas indefesas arrancadas do sofá enquanto assistiam pacificamente à novela (SQN).

      Se bem que se os militares brasileiros tivessem tido umas aulas com a família Castro (ainda bem que não tiveram), além de estarem até hoje no poder, teriam matado muito muito muito mais.

      Maluf, ACM e Sarney somados e elevados à potência de grau 4 não dão um Lula, meu amor. Se você somar o apedeuta aos demais ratos esquerdistas dependurados na máquina estatal, entenderá o drama do nosso momento histórico.


      22:02,

      Fala aí, puta inveja das bichas ricas e poderosas que gastam o seu salário de um ano em um único 'outfit' para frequentar uma noite de festa da TW, né?

      ><

      Excluir
    5. "Outfit"...que cafona. Querendo usar palavra de efeito qdo até cachorro hoje fala inglês...

      Excluir
    6. Gente! Esses malabarismos retóricos do DeFu são imprevisíveis mesmo né? Ele falou mesmo que a ditadura militar foi de esquerda? Mas esse menino vai longe mesmo viu? Qual será a próxima que ele vai aprontar? Dizer que o aquecimento global é um complô comunista? Alegar que o Trump é de esquerda? Falar que o homossexualismo é uma invenção dos esquerdistas para dividir a população?

      Excluir
    7. 07:26

      Na falta de argumentos, ataque o emissor da opinião. Sempre funciona e demonstra profunda inteligência e embasamento, amiguinho! (Au, au!)

      09:54,

      Ainda sem argumentos? Invente teses que não estão escritas e crie conclusões absurdas (espantalhos) para atacar. Sempre funciona e demonstra um uso criativo do seu sintoma histérico, amiguinho! :o

      (Da TAG "dicas para a bicha Dollynete")

      * * *

      Go Trump go! (hahahahahahahahahahahahaha)

      :D

      Excluir
  2. Aiai...FHC privataria está solto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já sei... a culpa é do FHC. Claro, como não poderia ser? :O

      Excluir
  3. Ás vezes temos razões para acreditar (um pouquinho). Dudu Cunha teve sua denúncia recebida no STF e agora é réu.

    O que vai dar tristeza é que ele vai cuspir na cara do STF e não sair da presidência da Câmara. Ok, de fato esse país não tem jeito, concordo contigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O criminoso-mor Lula impõe a troca de ministros como se fosse dotado de poder supremo, mas o maior problema nacional, segundo a militância cúmplice, é o trombadinha Cunha. #DesinformaçãoRules :(

      Excluir
    2. Gente que não sabe ler... Em nenhum momento diminuí a questão da troca de ministros. Mas seu comentário prova que o sistema educacional do Brasil vai tão mal quanto a corrupção. #Fato

      Excluir
    3. Realmente não diminuiu a questão da troca de ministro. Só achou mais importante falar do Malvado Favorito.

      E, sim, a educação vai de mal a pior. Projeto da ideologia que está no poder há quatorze anos, representada pela mesma gente que tenta usar Cunha, FHC e a mandioca como cortina de fumaça, e quando é pega no flagra se faz de #Desentendida :*

      Excluir
  4. Timóteo, aquele que cantou o amor gay e até hj se diz hetero, e aliás super malufista.

    ResponderExcluir
  5. Para mim, a derrocada de Lula começou quando deu seu abraço no 'amigo' Maluf. Mal ele sabia que era um abraço de afogado. Pois é, Maluf tem esse poder, de transformar em ouro tudo o que toca - em outras palavras, transformar em corrupção e sordidez tudo o que toca. Abraçou, morre seco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo que o abraço no jardim da casa de Maluf foi um marco importante na mudança da percepção da realidade, mas não se engane, Antônio: Lula era desde sempre o lado mais corrupto e sórdido naquele encontro de escorpiões. ¬¬

      Excluir
  6. Nossa, que estranho. Não é esse o político que vem daquele estado do sudeste brasileiro onde seus habitantes super entendem sobre quem é o candidato ideal e quem deve ou não dirigir a economia do país? Aquele estado que o povo vai pras ruas de abadá carnacoxinha, sabe? Que pensa que o resto do país é formado por analfabetos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tanto que Maluf jamais conseguiria se reeleger para prefeito ou governador (legislativo até Jânusillis consegue). Não se pode dizer o mesmo sobre notórios corruptos na parte do país que você disse ser formada por analfabetos. *-*

      Excluir
    2. A maioria dos eleitores do Maluf são de origem dessa parte do país que vc falou.

      Excluir
    3. E o Feliciano, querida? Super-corrupto e eleito pelo grande estado de SP. Que mais? Russomanno, tb paulista. Caso da merenda tb pode contar? #SPlocomotivadanacao

      Excluir
    4. Unidade Nacional Regionalismo Capenga e bichas mal amadas.

      Excluir
    5. Paulista é um bicho tão regionalista que até acha que SP é menos corrupto que o resto do país. Patético

      Excluir
    6. Rs. SP exemplo de como oferecer grandes politicos como maluf, serra, marta, alckmin, lula...
      SP exemplo a ser seguido. Laboratório para entender como o pais funciona

      Excluir
    7. Eita que falar da merenda das criancinhas pooooode!

      Massssss na hora de falar dos pobres velhinhos que tiveram seus fundos de pensão roubados...

      (psiu, ei, toca no assunto não, cUmpanheiro.)

      E se São Paulo tem Feliciano, o resto tem Bolsonaro, Sarney, Jânusillis, Cunha, Gleise, Collor, etc... Tudo gente finíssima que se refastela lindamente nos cinco meses de trabalho que entregamos todos os anos em forma de impostos ao governucho .

      Regionalismos toscos a parte (só válido no caso do RJ. ô, povinho danado pra escolher político ruim, sô), de que vale ficarmos aqui discutido por vagabundo oportunista que se aproveita desse troço chamada democracia representativa?

      Credo.

      Excluir
    8. "Inclua o Jean fora disso."
      RVM

      Excluir
  7. O mio babbino caro
    As duas bichas gravaram mas a versão clássica é do Agnaldo Rayol, que por sinal, na minha infância, não tinha um muleke que não tinha um relógio, que jurava ter ganho do próprio rs.
    Maluf...é coisa nossa...

    ResponderExcluir
  8. É realmente triste que elencar os erros de uma pessoa acaba diluindo todas as suas qualidades mais notórias. Acho inadmissível que pessoas com intenções questionáveis venham aqui desmerecer um dos melhores políticos que São Paulo já teve. A primeira função da política é roubar, a segunda é escapar da justiça e a terceira é fazer obras pelo povo. O senhor Maluf gabaritou em todas essas. Acho indigno das senhoras virem aqui linchar esse herói e guia-mor da política nacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maluf é uma espécie de Sr. Miyagi do petismo.

      Excluir
  9. Pessoal falando qual região escolhe melhor ou pior e eu me questiono: Tem algum que realmente esteja ligando pro povo? Por favor, nomes para as próximas eleições.

    ResponderExcluir
  10. Adorei a lembrança de Elza !!! Pensei que ninguém mais lembrasse desse filme que fazia chorar numa época em que a palavra ecologia não existia nem no dicionário ... muito legal !

    ResponderExcluir
  11. Um dos maiores bandidos, larápio e safado que este País já teve, esse daí só vai pagar quando for para as trevas que é lugar de gente assim, aí não vai ter nem choro nem vela!

    ResponderExcluir