terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

SONHO DE ACTRESSEXUAL

A revista Vanity Fair lança todo mês de março seu número especial sobre Hollywood (como se no resto do ano ela falasse do cultivo da cana de açúcar). A capa da versão 2016 é o sonho molhado de um actressexual como eu. Conseguiram reunir todas as indicadas ao Oscar de melhor atriz, outras em diferentes graus de badalação e algumas lendas vivas. Vamos por partes?

A capa: O grupo mais à esquerda é aquele que aparece nas bancas. Para esta posição de prestígio, escalaram um time equilibrado: Jane Fonda, Cate Blanchett, Viola Davis e Jennifer Lawrence. Continuo achando que J. Law já foi premiada demais por suas parcas realizações, mas entendo que precisem por alguém jovem na comissão de frente. E não tem ninguém mais famosa do que ela entre as novatas. Quanto às demais, nenhuma reclamação. Todas divas absolutas.

A segunda dobra: Se eu fosse o editor da Vanity Fair, teria dado uma capa exclusiva para minha musa Charlotte Rampling - mas fico contente dela aparecer com destaque no pelotão do meio. Entre as outras estão duas meio low profile este ano,  Rachel Weisz e Lupita Nyong'o, e as duas prováveis vencedoras dos Oscars de protagonista e coadjuvante, Brie Larson e Alicia Vikander. Já percebeu como ambas se parecem? Poderiam ser irmãs. Talvez um dia, no cinema.

A terceira dobra: As menos cotadas sempre ficam à direita, junto com alguém bem importante para não pegar tão mal. A turma da vez tem Gugu Mbatha-Raw, que está em plena ascensão, as veteranas Helen Mirren e Diane Keaton, e uma indicada de nome impronunciável, a irlandesa Saoirse Rónan.

Enfim, uma turma digna, e bem representativa dos tempos que correm (inclusive nos quesitos raça e idade). Mas a gente sempre acha que tem alguém sobrando e alguém faltando. Eu incluiria Lily Tomlin, que está numa ótima fase. E você?

13 comentários:

  1. Eu incluiria a Robin Wright.
    Tem como encaixar a Cher também?

    ResponderExcluir
  2. nunca tinha ouvido falar da saiorse ronan fui pesquisar e descobri que já está na segunda indicação ao oscar. estou por fora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Procure ver o primeiro filme de Saoirse Ronan de repercussão internacional: 'Desejo e reparação/ Atonement'. Ela tinha 13 anos, muito alta e meio desengonçada e já nem era promissora, mas uma senhora atriz. E de brinde levará a grande Vanessa Redgrave fazendo a mesma personagem quando idosa.

      Excluir
  3. Respostas
    1. ... , mas autêntica, e não maledicente como as invejosas.

      Excluir
  4. A Lupita está linda nessa foto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Lupita sem cabelo já era linda, com cabelo então é covardia.

      Excluir
  5. Ah, bee, tá faltando as divas Julianne Moore, Kate Winslet e, a maior de todas, Maril Streep. Mas a cota racial já tá garantida, né? Lupita e Viola estão destruidoras, pra variar. A tal da Stephanie Ribeiro deve star satisfeita, não acha?

    ResponderExcluir
  6. Amy Adams anda sumida. Sanda Bulluck na coluna do meio. Glen Close ainda conta???

    ResponderExcluir
  7. O mio babbino caro
    Cadê a Flor Oriental rs

    ResponderExcluir
  8. Faltou a Tilda Swinton, apesar de não ter feito nada muito relevante ano passado acho ela maravilhosa.

    ResponderExcluir