quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

HUMANOS TORTOS

Hoje minhas timelines estão em polvorosa por causa da entrevista que o pastor Ezequiel Teixeira deu ao jornal "O Globo". O titular da Secretaria de Direitos Humanos do Rio de Janeiro declarou que acredita piamente na "cura gay", e já demitiu 78 pessoas do programa Rio Sem Homofobia, ligado à sua pasta. Esta indignação dos meus amigos está dois meses atrasada, pois foi em dezembro que o governador Luiz Fernando Pezão indicou o autoproclamado "apóstolo" para o cargo. Claro que ele também pode alegar ignorância, pois quem poderia imaginar que um pregador evangélico demagogo, populista e envolvido em escândalos não seria totalmente simpático à causa dos direitos LGBT? Na verdade, Ezequiel Teixeira - que também é deputado federal pelo esdrúxulo Partido da Mulher Brasileira - só entrou para a administração estadual fluminense para garantir o apoio da bancada teocrática na batalha contra o impeachment. Outra surpresa!! Quando que um governo de esquerda teria a audácia de rifar os gays por causa de um projeto de poder? Oi?

ATUALIZAÇÃO: Assustado com a repercussão da entrevista, o governador Pezão deu uma de Lula ("eu não sabia") e exonerou o pastor Ezequiel Teixeira do cargo de secretário de Direitos Humanos. Pra vocês verem como de vez em quando uma grita pelas redes sociais funciona.

13 comentários:

  1. Ele foi "puxado" da Câmara onde é deputado federal justamente pra abrir a vaga pra um suplente favorável às causas do PMDB do Rio. Na falta do que nomeá-lo, Pezão deu a ele a pasta simbólica dos direitos humanos (nunca teve muita força mesmo).

    ResponderExcluir
  2. Aliás, num estado onde só juízes e promotores estão recebendo sem 2 meses de atraso, isso é até uma questão menor. Esse deputado passará e outros virão. E a crise do RJ?

    ResponderExcluir
  3. O Brasil ainda vai me matar de vergonha.

    Guilherme Lacombe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se não matou até agora, pode relaxar e gozar.
      Não que não possa acontecer nada pior do que já aconteceu, pois nesse caso o céu é o limite. Mas nossos corpos e mentes já foram bem testados.

      Excluir
  4. Mas fez certo de enxugar esse departamento abarrotado, isso é o que se faz num clima austero. As gays que arrumaram uma boquinha chora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cade vez mais nojento o nível dos comentários do seu blog, Toníssimo. Se continuar assim (e a tendência é piorar) terei que tomar um anti emético 30 minutinhos antes de entrar aqui...

      Excluir
    2. o tal Rio Sem Homofobia sempre foi um pink washing do Sérgio Cabral. Não por acaso, o coordenador e talvez único que não tenha sido exonerado ainda era o ex-presidente semi-eterno da associação Arco-Íris.

      Excluir
    3. Não precisariamos de austeridade se o governador do Rio não ficasse dando incentivo fiscal (diminuindo imposto) de empreiteira ligada à Olimpíada do Rio.

      Aliás, austeridade e corte de programas que ajudam a população são sempre uma punição ao povo pelos crimes que os poderosos fazem.

      Excluir
  5. Bom , para quem é do Rio de Janeiro , esse cidadão , é o q controla a igreja que tem cara de leão , nas cercanias do largo do bicão , vila da penha , irajá e adjacẽncias, A Estratégia dele é muito simples , ele promove , festas com bandas , roquenrol, reggae , concursos de musica , e outras coisas para cooptar novos membros. E posa como um cara antenado para a galera jovem, q não tem onde se divertir. Os pais ficam felizes por que os filhos vão pra igreja , e nem se ligam no discurso anacrônico , racista, homofobico , e misógino , que seus jovens pimpolhos aprendem. Mais ou menos igual ao que a Bola de neve, faz. E o pior é q este crescimento exponencial todo desses merdas, é pq eles não pagam imposto nenhum, ou seja não contribuem em nada para o estado , municipio ou qualquer ente da administração. Apenas estimulam a cegueira e a estupidez de nossa população. Ah! só para encerrar o post , a unica biblioteca que existiu durante muito tempo ali na região , é uma biblioteca popular, perto da escola municipal grécia , que não recebe um puto do governo. E até onde eu sei de igreja nenhuma.

    ResponderExcluir
  6. Exonerou justo depois da reeleição o Picciani como líder do PMDB na Câmara. Ou seja, tá livre pra reassumir o mandato de deputado federal e tirar o suplente de cena.
    Nada é por acaso.

    ResponderExcluir
  7. Ah, tá. O Lula de fato faz escola. A maioria dos ditos progressistas brasileiros tem uma forma muito peculiar de pensar o progressismo. Colegas petistas me dizem que o partido é a favor da causa LGBT. Os indaguei certa vez sobre esse tipo de defesa de causa que se limita tão somente a um tal de debate interno, e não a uma defesa pública por parte do partido. E ainda os lembrei de momentos em que o PT não pensou um segundo sequer para atuar contra os direitos dos LGBT's quando para isso fora pressionado. Quase apanhei. Eu não espero que nenhum partido grande nesse país assuma a defesa dos nossos direitos. E quando isso vier a acontecer, já estarei mais do que morto. Agora, uma coisa me chama a atenção. Esse tal Partido da Mulher Brasileira na sua fundação se definia como progressista. Hum... sei. A dirigente do partido diz que uma das causas da legenda é aumentar a representatividade das mulheres na política. Mas isso é estranho, estranhíssimo, vide que o partido é quase que formado majoritariamente por homens. Quer saber de uma coisa PMD:'homi' vão cagar.

    ResponderExcluir
  8. O pastor Teixeira é aquele da foto? Que gato, que homem sensual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entao pega! Quem sabe ele te cura kkkk

      Excluir