quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

O DIA SEGUINTE

Vou deixar bem claro mais uma vez: gostaria que o governo Dilma acabasse hoje. Ontem. Antes de começar. Mas tenho medo do que pode acontecer se ela for mesmo impichada. Porque não será só Temer que assumirá o poder: é todo o PMDB, o partido mais nocivo do Brasil. Aliás, nem é bem um partido. Na definição precisa de Marcos Nobre, o PMDB é "uma empresa de fornecimento de apoio parlamentar, com cláusula de permanente revisão do valor do contrato". Já pensou nessa turma no comando do país? A Lava-Jato seria imediatamente cancelada. Capaz até de Sergio Moro ir preso. Enquanto isto, Eduardo Cunha continuaria firme e forte na Câmara. A economia talvez até melhorasse a médio prazo, mas as instituições que ainda funcionam estariam comprometidas. Enquanto isto, Lula faria campanha como salvador da pátria e se diria mais perseguido do que nunca, aumentando bastante seu cacife para voltar em 2018. Qual dos males é o menor?

18 comentários:

  1. Tony, você se deixou vencer pelo medo?? o medo que o PT tento tenta vender ao País finalmente te pegou?
    Olha, não há hipótese do Sérgio Moro parar o que está fazendo. E se ele parar, deve ter uns 20 colegas dele doidos pra assumir a Lava Jato e tocar à frente as condenações.
    Pode até ser que a mídia se desinteressasse pelo PT, mas a Justiça Federal vai continuar trabalhando, pode ter certeza...
    Quanto a Lula, a cada dia a LavaJato se aproxima dele... é só esperar.
    Prepara logo o Post "Lula Lá na Papuda"...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruno parece que não leu o post... Ou vestiu finalmente a camisa do PMDB.

      Excluir
    2. Oi Bruno, tudo bom?

      O Lula não vai ser preso, e a Dilma não vai cair, tá bom?

      beijo

      Excluir
    3. Kkkk adoraria mais que tudo nessa vida ver a cara desse Lucas quando acontecer.

      Excluir
    4. DILMA VAI CAIR IGUAL A UMA JACA PODREEEEEE!!!!!!!!!

      Excluir
    5. Bruno, da turma das manifestações qual perfil vc se encaixa: elite branca, ala axé coreografada, coxinha assumido, ex-militar aposentado, cara pintada,...? Qual o seu super heroi preferido?

      Excluir
    6. Lucas que saudade, voce anda sumido gato

      Excluir
    7. A mulher tem só 14% de aprovação o otário acima achando que dá pra botar num perfil e debochar de um descontente.
      É tão patético que sinto pena da vida dessa pessoa.

      Excluir
    8. Lucas só vê filme pirata, negando o justo pagamento a quem produz, e usa drogas. Não me admira que defenda petistas.

      Excluir
  2. aumentando bastante seu cacife para voltar em 2018*

    ResponderExcluir
  3. entendo a teoria. mas ñ deixa de ser uma suposição. e sobre o presente? deixa como está?

    ResponderExcluir
  4. Apesar de favorável ao impeachment, desde que feito de forma democrática e legal, entendo esse receito de que um PMDB na presidência controle a PF e o MPF. O custo da provável estabilidade econômica seja alto em termos políticos. Que abra um precedente e o país vire uma republiqueta, onde nenhum presidente consegue cumprir mandato. Lula certamente será candidato nas próximas eleições, e mais tantos outros oportunistas, se tiver êxito isso aqui não tem mais jeito.

    Se 2015 foi péssimo, 2016 será pior. Não tem como ser otimista em cenário nenhum.

    ResponderExcluir
  5. É exatamente assim que o PT quer que todos pensem... O nazismo impedia que mesmo quem estivesse diante do holocausto não o conseguisse enxergar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que vc quer dizer com isso? Que a virulência e ganância do PMDB foram propositalmente criadas pelo PT para que quando o PT estivesse às vésperas de cair do poder, todo mundo falasse assim "Ahh, mas o PMDB é muito pior, vamos deixar como está..."?

      Excluir
  6. Brasil condenado melhor seria acabar tudo uma hecatombe e começar tudo de novo!

    ResponderExcluir
  7. O mio babbino caro
    A questão é que muitos ainda vivem da sensação de que somente faltaram 3%, ou seja, bateu na trave. E se esquecem que bola não trave não conta como gol. Perdeu! Oque veio depois, todos tem suas interpretações.

    ResponderExcluir
  8. Vou não, quero não9 de janeiro de 2016 15:10

    Perfeito, concordo em gênero, numero e grau.

    ResponderExcluir