terça-feira, 17 de novembro de 2015

FABULOSITY TOTALLY INCLUDED

Parece esquete do "Saturday Night Live", mas não é. A Moschino Barbie existe mesmo e o comercial acima é o primeiro da história a mostrar um menino brincando com boneca. Fui treinado a me sentir constrangido sempre que me deparo com um garoto obviamente gay, mas quer saber? Estamos em 2015!

17 comentários:

  1. Imaginem este comercial no Brasi hahaha! A Malafetti sozinha já iria quebrar a Internet com aquele dilúvio de tweets iluminados dela!

    ResponderExcluir
  2. a grande profetiza das terras do sul17 de novembro de 2015 12:41

    Criança viada? Como diria a saudosa Cleycianne, nada que um bom bullying corretivo em Cristo não resolva.

    ResponderExcluir
  3. Tony esse garotinho ai nao parece gay de verdade acho q a caracaterizacao e o corte de cabelo ajudaram um poco mas ele nao é a bichinha tipica q eu fui na minha infancia (bem afetada, hj reprimo). E isso é bom pq mostra q nem todo gay precisa de trejeitos feminilizados pra ser considerado gay e poder brincar de boneca ne.

    ResponderExcluir
  4. Ah, nem é tão viada assim o menino. Falo sério mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aos dois anônimos acima: concordo. Acho que o garotinho é ator, não gay de verdade. Mas que coragem desses pais de expor o menino desse jeito, hein? Bacana!

      Excluir
    2. Aqui no Brasil esse comercial tinha q ser feito com o Hytalo do masterchef junior q so faltava dizer q era fabulosa pq femenina ele era mais q eu, vc e toda a ultima temporada de rupaul juntas

      Excluir
  5. Link interessante sobre a França http://bit.ly/1MQ62wt

    ResponderExcluir
  6. Rezo para uma criança afeminada e/ou gay e/ou que queria brincar de boneca nunca seja adotada por um casal gay, pois do jeito que o meio gay é todo trabalhado no "anti afeminado" (aquele papo de nada contra mas não curto), o moleque ia sofrer muito.

    ResponderExcluir
  7. O menino é gay pq ele brinca de boneca?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zzzzzzzzzzzz
      Gent, esse povo ta em todo lugar.

      Excluir
  8. Esses papéis de gênero e a sexualidade humana são tão fluidos... Eu nunca tive trejeitos, nem quando criança... adorava carrinhos e jogava futebol e no entanto curto caras. Conheço meninas que brincavam de futebol e corriam na rua feito moleques e no entanto não são gays, ou seja, as coisas não são assim preto no branco!!

    ResponderExcluir
  9. O mio babbino caro
    Nature boy. A Diversidade que ainda nos falta... é ver criança negra representada, em um pais com uma população como a nossa. Mas isso nem pode ser dito pois os meninos do engenho dirão que é vitimismo. F*.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puta cara chato do caralho.

      Excluir
    2. Fique a vontade para não ler, caro.

      Excluir
    3. "Você vai me seguir aonde quer que eu vá
      Você vai me servir, você vai se curvar" F*
      (in memoriam Laterza)
      #magoado por ter um opositor tão raso.

      Excluir
  10. Eu quero uma Moschino Barbieeeee tbbbbbb buáááá

    ResponderExcluir
  11. Morria de vontade de brincar com barbie quando criança, mas como me recriminavam me sentia culpado por ter essa vontade. Só de raiva e para ter algum tipo de contato com as bonecas, eu escondia as barbies das minhas primas e ficava rindo até elas acharem, parecia que era um moleque capeta infernizando as primas, mas era só um desejo reprimido. Tomara que as próximas gerações não precisem passar por isso.

    ResponderExcluir