quinta-feira, 16 de julho de 2015

QUEM ME EMPRESTA NUM PEN-DRIVE?

Uma amiga minha que vota nos Emmys ficou furiosa com as indicações reveladas hoje. "Cadê "The Affair" e "Jane the Virgin", duas séries novas que foram premiadas no Globo de Ouro? Cadê "The Americans", que melhora a cada temporada?" Como eu não vejo nenhum desses programas, pela primeira vez na vida fiquei bem contente com os indicados. Muitos fizeram parte do meu cardápio televisivo deste ano: Viola Davis por "How to Get Away with Murder", Lisa Kudrow por "The Comeback", Bob Odenkirk por "Better Call Saul"... Minha favorita a melhor drama, pra variar, é "Game of Thrones", apesar desta não ter sido a melhor temporada - mas acho que agora ela tem chances, já que "Breaking Bad" não está mais no páreo. Se bem que "Mad Men" ainda está, mas será que aquele final borocochô irá comover os eleitores? Mas as indicações que me deixaram mais feliz foram as de Tatiana Maslany, finalmente!, pela 3a. temporada de "Orphan Black", e as várias lembranças que a melhor comédia do ano recebeu, "Transparent". Ah, sim, fiquei triste pela Ellie Kempre, mas "Unbreakable Kimmy Schmidt" entrou. Também sinto pela Jane Fonda, que foi esnobada por "Grace and Frankie" (mas Lily Tomlin não foi). Ainda me falta ver "Empire", praticamente uma novela com elenco negro que está arrebentando na audiência e que conseguiu emplacar sua estrela Taraji P. Henson entre as finalistas. Estreia em agosto na Fox, a tempo da cerimônia, que acontece em 20 de setembro. E não, eu não vou baixar ilegalmente. Mas se alguém me emprestar num pen-drive...

(todas as indicações que interessam estão aqui)

7 comentários:

  1. Achei um mero ctrl+V de todos os anos... Tá boring. Ah! Gaga foi indicada! ahhaaha

    ResponderExcluir
  2. Qual o problema de baixar ilegalmente se eles mesmo levam em conta os downloads para medir o sucesso das series?
    E Grace and Frankie é ridícula de tão ruim. Parece comédia do Multishow.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que nenhum profissional é remunerado quando você baixa uma série. Você está roubando o trabalho dos outros.

      Excluir
    2. "Explicou" mas não contou porque as emissoras levam em conta os downloads pra efeito de audiencia.

      Excluir
    3. Nem vou falar o que acho desse ser que comentou essa perguntinha ridicula.

      Excluir
    4. As emissoras não contabilizam downloads ilegais para medir audiência. Contabilizam gravações por DVR ou visualizações por serviços tipo Now.

      Excluir