terça-feira, 9 de junho de 2015

SER GAY TE DÁ AAASAS

Assumir-se gay em carta aberta ao público, como Ricky Martin fez alguns anos atrás, é coisa do passado. A moda agora é namorar pelado - em seu próprio vídeoclipe, como fez o cantor norueguês Tooji. O rapaz, que representou seu país no Eurovision de 2012, saiu do armário em grandessíssimo estilo com "Father". Que deverá ser visto como blasfemo naquele rincão atrasado que é a Noruega.

19 comentários:

  1. Assumir-se gay em carta aberta ao público, como Ricky Martin fez alguns anos atrás, é coisa do passado. A moda agora é namorar pelado - em seu próprio vídeoclipe, como fez o cantor norueguês Tooji. O rapaz, que representou seu país no Eurovision de 2012, saiu do armário em grandessíssimo estilo com "Father". Que deverá ser visto como blasfemo naquele rincão atrasado que é a Noruega. By Tony Goes ...

    ResponderExcluir
  2. O garoto com olhos de Cinderela9 de junho de 2015 20:46

    Ainda bem que ele é da Noruega, o Brasil não pode ter gente assim.
    A familia brasileira cristã que segue os valores morais estabelecidos pelas pedras de Moises, há mais de 2000 mil anos atrás, não pode deixar que nossas crianças batizadas e ungidas no azeite sejam contaminadas, e mais que isso, que tenha sua opção sexual mudada por causa de um video mundano desse.

    Como diria a nossa diva do Senhor:
    Familia é mas
    Mundanos é menas.

    ResponderExcluir
  3. Ativo romântico9 de junho de 2015 20:54

    Lindo, sarado e nas cenas sendo passivo, o homem perfeito.

    ResponderExcluir
  4. Jesus! Me leva pra Noruégia agora!

    ResponderExcluir
  5. É uma bosta esse lugar mesmo

    ResponderExcluir
  6. Que raiva que me dá da ignorância permeada nesse terra Brasílis que possibilitou o surgimento dessa corja de religiosos hipócritas que acabaram com uma das coisas mais incríveis desse país... a tolerância aos diferentes seja na religião seja entre quatro paredes.

    ResponderExcluir
  7. sera q la na noruega tb existe patrulha religiosa nas redes sociales

    ResponderExcluir
  8. O cantor é iraniano radicado na Noruega.

    ResponderExcluir
  9. Se nada der certo, fujo pra Noruega!

    ResponderExcluir
  10. Cá pra nós, que música chata! Só tirando a roupa do louro viking mesmo pra conseguir um pouco de audiência

    ResponderExcluir
  11. QUI PASSIVA SABOROSA E ESSA GENTE

    ResponderExcluir
  12. Uau. Lindo.
    É um reconhecimento da força dos símbolos cristãos, e não um deboche.
    O locus do drama está na alma cristã, representada pelo altar. Reparem na dicotomia interna – nós que abrigamos ao mesmo tempo o padre e o herege – escrevi de forma pomposa apenas para me divertir. Mas o vídeo me emocionou muito. É forte, lindo, e demanda apreciação e relfexão.

    ResponderExcluir
  13. O que me chamou a atenção foi a cara da platéia, representando a sociedade: fazem o sinal da cruz, como que se protegendo do blasfemo, porém sem tirar o olho e, até mesmo, com interesse e um certo prazer velado. Santa hipocrisia, Batman!

    ResponderExcluir
  14. Rincão é o Brasil. Estive nos países nórdicos e posso dizer, os caras estão muito além.

    ResponderExcluir
  15. Mas aqui pelo menos nenhum ultradireitista sai matando 77 pessoas né gente

    ResponderExcluir
  16. Mas por aqui nenhum ultradireitista sai matando 77 pessoas do nada né gente

    ResponderExcluir